snapchat

Você já ouviu falar no aplicativo Snapchat? Esta é mais uma ‘febre’ mundial que já faz parte do dia a dia dos bauruenses. O aplicativo, que está disponível gratuitamente nos sistemas IOS e Android, é uma rede social onde o usuário pode compartilhar fotos e vídeos que se autodestroem em 10 segundos. Ou seja: o conteúdo é muito mais íntimo que em outras redes sociais.

Ficou interessado? Então confira o passo a passo para começar a usar já!

1 – Crie uma conta para poder adicionar os amigos que já estão na sua lista de contatos na agenda telefônica.

2 – Na tela inicial, você poderá gravar os vídeos ou fazer as fotos, apertando o botão principal. Depois, é só escolher se você irá mandar para uma determinada pessoa ou se irá deixar disponível na sua ‘história’.

3 – Quer editar algo? Então utilize a ferramenta pincel e divirta-se!

4 – Para assistir o dia a dia dos amigos, é só clicar em ‘Histórias’, onde ficam todos os vídeos feitos nas últimas 24 horas. Para pular um vídeo, é só dar um duplo clique que a tela já irá mudar.

O Social Bauru conversou com algumas moradores da cidade para saber mais sobre este ‘queridinho’ do momento. Confira os depoimentos:

Fernanda Laborda
Snapchat: Fe Laborda

snap-fernanda-laborda1“Eu uso o snapchat há pouco tempo, uns dois meses. Confesso que sou bem reservada nas outras redes sociais, mas entrei na ‘vibe’ do snap como brincadeira e estou curtindo muito – nem ligo de expor um pouco da minha vida! Foi uma forma que encontrei de levar a vida com mais leveza, tirar sarro de mim mesma, ver minhas manias através dos vídeos que faço. O legal é que alguém tem sempre uma mensagem bacana para passar, sempre um bom dia que te incentiva. Não é só glamour como as outras redes. Às vezes você até abre mão da vaidade e posta alguma coisa ‘zoada’ só pra não perder o momento.”

 

Fernando Teixeira
Snapchat: Fernandojt

snap-fernando-teixeira1“Comecei a usar em 2013, mas depois parei porque não tinha ninguém usando. Voltei agora que teve esse ‘boom’.Costumo mostrar coisas engraçadas que acontecem no meu dia a dia, coisas que eu curto e meus gatos!(risos). E eu acho que virou febre porque ele põe a gente num grau mais íntimo com as celebridades que gostamos, e também porque 24 horas depois tudo some e você não se arrepende de nada; é tudo sobre o momento.”

 

 

Danilo Bressan
Snapchat: danilobressan

snap-danilo-bressan“Em janeiro de 2014, eu ouvi um burburinho e baixei o aplicativo. Não consegui usar porque achei difícil e sem utilidade nenhuma. Achei uma besteira aquelas fotos e vídeos sumirem em no máximo 10 segundos! Parecia mais um aplicativo sem graça que estava disponível e na minha cabeça era como se fosse o Instagram. O app ficou perdido em uma pasta no celular até que em abril do mesmo ano vi pelo Twitter que algumas pessoas estavam usando. Comecei a adicionar mais pessoas a partir daí, consegui entender a dinâmica do negócio. E é muito interessante ver o dia a dia das pessoas com o ‘faça você mesmo’, sem muita maquiagem, sem muitos recursos e sem filtros. É legal saber onde elas estão, o que estão fazendo, com quem estão. É curioso adicionar pessoas de outros países também. Além disso, o snapchat é uma rede social bem diferente do que já existe: ninguém curte, compartilha e comenta aquilo que você postou na sua história ou enviou para o seu amigo. Isso dá uma dinâmica diferente, uma outra experiência menos cansativa. Um outro recurso legal são as transmissões ao vivo de algum evento ou cidade, que a equipe do snapchat edita – você tem quase uma visão 360º de algum evento ou cidade de outo lado do mundo aqui na tela do celular. Além disso, pra mim, se tornou interessante porque dentro do aplicativo tem o discover, um recurso que o snapchat criou em parceira com algumas empresas de mídia que disponibiliza alguns canais com histórias interessantes. Hoje, por exemplo, vi pelo canal da National Geographic sobre a dificuldade que os pandas têm pra se reproduzir.”

 

Paulinha Alves
Snapchat: little_blog

snap-paulinha1“Comecei a seguir algumas pessoas no Snapchat há mais ou menos três meses, mas só há um mês e meio que comecei a postar coisas minhas também. Demorei um pouco pra me familiarizar com o aplicativo, mas aos pouco me acostumei e tenho usado todo dia. Meu Snapchat é uma mistura de muitas coisas, mas gosto especialmente de mostrar e falar sobre as roupas que uso, compartilhar comidas e bebidas gostosas de restaurantes e bares que frequento e gravar vídeos de exposições ou lugares diferentes que vou. E às vezes travo algumas ‘conversas’ sobre assuntos variados também. Nada que seja muito longo, claro, porque a graça do aplicativo é exatamente a de fracionar nossas postagens em 10 segundos. Acho que gravações muito longas fogem da ideia inicial que o snapchat traz. É um diário virtual que acaba sendo muito mais ‘vida real’ do que as imagens bonitas e bem cuidadas do Instagram, por exemplo. As pessoas acompanham muito mais de perto a vida de conhecidos e desconhecidos.”

 

Laís Machado
Snapchat: lahmachado

snap-lais-machado“Acho que desde que lançou eu já tenho o app. Eu tenho a mania de baixar os aplicativos que saem e fazem sucesso e com o Snapchat não foi diferente. Acabei viciando! Mostro desde os lugares que estou, com os meus amigos até as séries que estou assistindo… Enfim, meu dia a dia mesmo. O legal é que a maioria dos meus amigos usa também. Então, sempre que vamos fazer alguma coisa, todos já preparam o celular. Acho que hoje em dia as pessoas têm muita necessidade de mostrar o que estão fazendo, com quem estão, onde estão. O Snapchat é uma ferramenta fácil e que supre essa necessidade.”

 

Beatriz Saes
Snapchat: biasaesm

snap-beatriz-saes1“Eu comecei a usar no início de 2014. Na época poucos amigos tinham e era uma coisa meio estranha ainda, não tão aceito e famoso quanto é hoje. Mas eu já gostava e usava muito. Como faço faculdade de moda, sempre mostro um pouco dos trabalhos que realizo em sala, um pouco do projeto de extensão que faço parte e as exposições que montamos. Também posto minha vida pessoal, amigos, família, festas, viagens, tudo que tenho vontade e acho interessante naquele instante. E é bem interessante na área da moda, dá para acompanhar os desfiles em real time, as marcas do mundo todo, as blogueiras mais bombadas. O ponto mais legal do snap, ele é ‘agora’, é tudo natural, instantâneo e viciante. É tipo o backstage do Instagram; você mostra tudo de uma forma mais nua e crua, sem forçar a barra, só sendo como você é.”

 

Marina Moreira
Snapchat: marinamfa

snap-marina-moreira1“Comecei a usar o Snapchat quando as leitoras do meu blog me pediram para fazer uma conta aberta para que elas pudessem ver mais do meu dia a dia. Desde então, viciei e não largo mais! Como moro sozinha, meus seguidores me pedem muito para contar como é essa vida. Posto exercícios na academia, comidas saudáveis (pois estou na vibe fit!) e a faculdade de moda! O mais legal é que você pode compartilhar vídeos e fotos com seus amigos de uma forma totalmente despreocupada. Você não precisa se preocupar com filtros, curtidas, comentários ou overposting e além de tudo, suas postagens somem depois de 24h! Amo também a parte que podemos desenhar e escrever na foto! (risos). Se você ainda não está no Snapchat, só te digo uma coisa: crie uma conta já!”

 

Lívia Teixeira
Snapchat: Liviteixeira

snap-livia-teceixera“Geralmente, eu mostro meus amigos, viagens e lugares diferentes, bar, restaurante e festa. É muito viciante! Quando eu vejo, já mandei uns 40 snaps! (risos). Às vezes, deixo o celular em casa pra não ficar querendo filmar tudo. Acho que virou febre, porque é um aplicativo fácil e um lugar onde você pode mandar de tudo: comida, cachorro, seus amigos, pode fazer vídeos e etc. Como é por tempo determinado, você acaba mandando vários snaps de tudo, toda hora.”

 

Bruno Nicolete
Snapchat: brunonicolete
snap-bruno“Eu comecei a usar assim que vi o aplicativo na App Store. Lembro que eu tinha um aplicativo que me avisava quando tinha algo novo lá! Eu gosto muito de mostrar comidas e as loucuras que apronto no meu dia, além de postar looks e minhas ilustrações de moda. E eu adoro este app, fico 24 horas por dia vendo as novidades! (risos).
4- sim todo mundo que me segue eu sigo de volta! Acho muito legal essa interação que a tecnologia nos dá hoje em dia; então sigo muita gente!

 

Isabella Mastrangelli
Snapchat: isamastrangelli

snap-isabella-mastrangelli“Para mim, o que vai pro Snapchat é o você não precisa filtrar para por no Instagram, porque é momentâneo. Eu sou uma pessoa muito mutante e por isso gosto tanto do Snap. Nada fica salvo, você não tem um perfil de fotos no app, é super espontâneo e ótimo pra quem fica conectado o tempo todo. O Snapchat é o tipo de app que pode ser usado tanto pessoal quanto profissionalmente. Desde as pessoas que usam simplesmente para se divertir mostrando o dia a dia até marcas que podem usar isso como ferramenta de comunicação e aproximação com o público. No caso dos eventos, isso é ainda mais real, quando disponibilizam os snaps feitos ao vivo de shows, feiras e festivais pelo mundo. Ele foi um aplicativo que atendeu bem o mercado por conta de suas características únicas como por exemplo o fato das fotos não serem automaticamente salvas, você poder ver exatamente quem visualizou sua foto/vídeo (porque não tem essa de curtir) e a notificação de print de tela, caso alguém o faça. O snap ainda é uma rede social nova, que não tem concorrentes diretos para que possa ser substituída, por isso está tão na moda.”

 

Alice Farha
Snapchat: alicefarha

snap-alice“Eu costumo tirar mais fotos de paisagens e, às vezes, de lugares diferentes que eu vou, além de mostrar um pouco do meu dia a dia também. É muito viciante! Você tem vontade de tirar foto de tudo e compartilhar qualquer bobagem com seus amigos! Acho que por ser uma ferramenta instantânea e muito fácil de usar, ela cria uma proximidade maior com as pessoas, desde pessoas do seu cotidiano ou até mesmo os famosos.”

 

Beatriz Farha
Snapchat: biafarha

snap-beatriz-farha“Eu sempre mando fotos e vídeos dos meus irmãos e amigos, na maioria das vezes esses são os mais engraçados. Além de o clássico: comida! (risos) Também mando o que geralmente estou assistindo ou escutando, caso eu ache bem interessante, e caso eu vá num show, ai eu encho minha história de fotos e vídeos! E eu passo muitos minutos só vendo Snap, além de amigos gosto de seguir alguns famosos entre cantores, atores e blogueiros, tantos nacionais quanto internacionais. Acho que a facilidade de mostrar sua realidade e a proximidade que isso gerou tanto pra conhecer pessoas como ver a rotina de alguém é o que tornou um app uma febre!”

 

Marina Pasian
Snapchat: marinapasian

snap-marina-pasian“Eu comecei a usar Snapchat há, aproximadamente, um ano, mas já conhecia algumas pessoas que possuíam o aplicativo. Sempre tiro foto das coisas que estou fazendo, do que estou comendo, ou dos lugares que estou indo. Mas a gente tenta variar o estilo da foto… Por exemplo, normalmente, em viagens ou quando saio com meus amigos a quantidade de snaps aumentam, porque sempre postar a mesma coisa fica chato! (risos). É tão viciante que, mesmo quando eu não estou com 3G ou sinal no celular, eu acabo pegando o aparelho para gravar os snaps e postá-los mais tarde! (risos) O Snapchat tem uma facilidade que é adicionar as pessoas por proximidade, ou seja, você adiciona automaticamente todos os usuários que possuem snap e estão perto de você. Além disso, é muito prático e as pessoas gostam de ver o que as outras estão fazendo, por isso acho que virou vício da galera de hoje em dia.”

snapchat-add

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Amanda Araújo
Carregar mais em Comportamento
...

Verifique também

Trancistas contam sobre o movimento que enaltece a beleza negra em Bauru

As tranças afros vão muito além de um simples penteado. Para muitos negros, é uma das form…