Senac_Bauru2

Controlar prazos, reduzir despesas, lidar com uma equipe multissetorial e, principalmente, manter a produtividade, ou até mesmo aumentá-la. É isso que as empresas sempre desejaram e, mais do que nunca, buscam neste momento, diante de um cenário econômico adverso.

“Ter um gestor de projetos que conheça as melhores práticas e saiba aplicar as ferramentas adequadas, gera um diferencial para as organizações; afinal, fazer os projetos corretos, com previsibilidade no prazo e de baixo risco, exige pessoas capacitadas”, explica Raphael Albino, docente da área de tecnologia da informação do Senac Bauru.

“Sabendo da crise que vivemos, é muito valoroso ter tal profissional dentro da organização”. E pesquisas comprovam a tendência. A revista Info, no final do ano passado, entrevistou 18 empresas de consultoria de recrutamento profissional. O gestor de projetos foi apontado como uma das 42 profissões promissoras para 2015.

“O mercado regional também tem olhado com bons olhos para os profissionais que possuem formação na competência”. Segundo o docente, localmente, as áreas de tecnologia da informação e engenharia civil ainda são as que mais possuem oportunidades.

No entanto, ele destaca, o profissional pode atuar em diversos segmentos. “Abrangendo desde a execução das ações definidas no planejamento estratégico da organização, até a gestão de melhorias de processos que garantem uma melhor rotina”.

Por isso, áreas como recursos humanos, controladoria e entretenimento também reconhecem a importância do profissional. “Costumo dizer que projeto existe em qualquer área, sendo assim, não há uma limitação de formação para se tornar um gestor de projetos”.

Já como exemplos de atuação, o docente fala de projetos de construção civil – de pequeno, médio e grande porte; organização de eventos; implantação de modelos de gestão e de recursos humanos; elaboração de planos de cargos e carreiras; e estabelecimento de sistemas de informática e plataformas digitais on-line.

Para atuar na área, além do espírito de liderança, o profissional tem que ter conhecimentos de administração e gestão de pessoas. Além disso, ainda é preciso buscar formação específica. “Afinal, os cursos de graduação ainda não têm incluído a disciplina de “gerenciamento de projetos” como parte da grade básica, o que faz com que as pessoas precisem ir atrás de formações complementares para aproveitar as demandas que existem no mercado por gestores”.

Senac Bauru tem formação na área
Aos interessados em aproveitar esta tendência de mercado, o Senac Bauru oferece vagas para o curso de extensão universitária Gerência de Projetos – Práticas Alinhadas ao PMI (Project Management Institute). É necessário que o participante tenha concluído ou esteja cursando ensino superior. Outras informações e inscrições podem ser obtidas e realizadas diretamente na unidade, na avenida Nações Unidas, 10-22, e no telefone (14) 3321-3199, ou pelo site www.senac.sp/bauru.

Serviço
Gerência de Projetos – Práticas Alinhadas ao PMI
Data: 12/9 a 24/10
Horário: aos sábados, das 8h30 às 16h30
Duração: 48 horas
Endereço: Avenida Nações Unidas, 10-22, Centro
Telefone: (14) 3321-3199
E-mail: [email protected]

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Amanda Araújo
Carregar mais em Geral
...

Verifique também

Conheça três iniciativas bauruenses que estão ajudando empreendedores da cidade em tempos de coronavírus

Devido às medidas de isolamento em vigência em Bauru, que também foram adotadas por inúmer…