macbeth-topo

Depois de trabalhar, por cinco anos, em um cruzeiro e rodar o mundo, o bauruense André Alcântara resolveu ancorar em sua cidade-natal. O motivo? Enfrentar, novamente, o desafio de ter um estabelecimento comercial por aqui e abrir a Macbeth, a primeira kebaberia da cidade.

“Decidir não foi fácil, mas acho que um dia, a gente tem que ficar em um lugar e recomeçar. Há cinco anos eu estou cada hora em um lugar e por isso sentia que tinha chegado a hora de ficar em um só lugar. Ainda é uma novidade para mim. Há muito tempo eu nem passava o período das festas de final de ano com a minha família, como vai acontecer agora. Mas está dando tudo certo e está sendo um aprendizado”, afirma.

+ Estudante de Bauru encara o desafio de passar seis dias sozinha em Paris
+ Bauruense larga carreira em ascensão para rodar o mundo por seis meses
+ Bauruense conta experiência de trabalhar como guia turística em um cruzeiro

A decisão de investir no kebab, prato tipicamente libanês e tradicional por toda a Europa, veio a partir da sua experiência no exterior e através do seu trabalho em um restaurante em São Paulo. “Quando eu voltei ao Brasil, eu fiquei um tempo em São Paulo para tentar a vida. Lá, trabalhei em uma kebaberia e foi onde eu comecei a me interessar mais por este prato. Apesar de ter origem libanesa, ele é muito comum na Europa e eu já tinha experimentado várias vezes. Mas um maior contato com o prato eu só tive ao trabalhar neste restaurante”, comenta.

Assim, durante uma conversa com Matheus Pinheiro, mais conhecido como Fino e o precursor do Instituto Cultural na cidade, surgiu a proposta: abrir a kebaberia no local. Inaugurado em outubro deste ano, o local é destinado ao público interessado em arte, música, tatuagem, boas bebidas, portaria e trocas culturais. “Quando o Fino me propôs a abrir um café aqui, eu já pensei na kebaberia. Não tive dúvidas, na verdade! Apesar de ser restrito – já que o meu carro-chefe é um prato ainda pouco conhecido por aqui – eu sempre tive certeza que, aos poucos, o público iria adotar o hábito de consumi-lo sempre.”, diz.

Mais sobre o kebab
Seu nome significa ‘carne frita’, mas hoje a receita é conhecida pela combinação de pão árabe com diferentes recheios. Segundo o site Laffa, o kebab consegue reunir cozinhas de países com culturas bem diversas partindo do Marrocos e chegando a Índia, pegando o norte da África, Oriente Médio e um pedaço da Ásia. Com a dispersão desses povos, o kebab chegou à Europa, Oceania e América, podendo ser encontrado, hoje, nos principais centros urbanos.

“A história do kebab é muito parecida com a minha, de uma certa maneira. Ele também viajou para muitos lugares e todos acrescentaram, de alguma forma, em sua essência. Assim como eu… se não fossem as minhas experiências, os lugares que eu conheci e, principalmente, as pessoas que eu tive contato, não estaria fazendo isso hoje. Não estaria aqui, neste local hoje. Por isso que eu afirmo que tudo o que eu passei valeu a pena e não tenho dúvidas de que esta experiência também valerá”.

Confira cardápio do local:

cardapio-macbeth

Serviço
A Macbeth Kebaberia & Café está localizada na Rua Araújo Leite, 34-17, em Bauru.
Telefones para contato: 98808-6778 / 99162-6910
Horário de funcionamento: 10h às 22h, com almoço e happy hour.
Para saber mais, acesse: www.facebook.com/macbethbauru

Compartilhe!
Carregar mais em Negócios
...

Verifique também

Com método pensando no bem-estar, escola de música ensina mais de dez instrumentos

“Eu tenho 43 anos e toco violão desde os 13. São quase 30 anos na música, já fiz todo tipo…