casinha-amiga-topo

O que não falta nas ruas de Bauru e de várias outras cidades brasileiras são pessoas e animais abandonados, famintos e com frio. Depois das severas quedas de temperatura do mês de junho, Ana Paula Meira Lopes decidiu que era hora de agir. Com a ajuda de vídeos da internet, Paula começou a confeccionar casinhas para animais com caixas de papelão e assim surgiu o projeto “Casinha Amiga”.

“Fiz a primeira casinha e postei a foto da mesma em meu Facebook pessoal e em alguns grupos públicos – como Amigos do Bem estar Animal Bauru, Adoção de animais Bauru e Animais Perdidos e Abandonados Bauru – informando que eu estava confeccionando casinhas de papelão para animais abandonados e que se alguém soubesse de algum animalzinho vivendo nessas condições que entrasse em contato comigo”, conta Paula. Através dessas publicações e comentários que a informação se espalhou.

Pessoas que já ajudavam animais com ração e água começaram a entrar em contato com Paula para que os bichinhos conseguissem também um abrigo. Com todo o interesse e apoio, atualmente, cerca de 40 casinhas já foram distribuídas em diversos locais de Bauru e seis pessoas já fazem parte do projeto. “Infelizmente, o roubo das casinhas tem sido um grande obstáculo nessa jornada. Praticamente 50 % delas já foram roubadas”, lamenta Paula. Para tentar controlar o roubo das casinhas, Paula e outros voluntários estão orientando as pessoas a disponibilizar o abrigo somente durante a noite e recolher logo no período da manhã. “A cada casinha roubada, um animal passa frio na madrugada”, diz.

O processo de confecção dos abrigos leva cerca de uma hora. Ele consiste na marcação, corte, montagem, revestimento plástico e a finalização com mensagens – “Por favor não mexer: Abrigo para Animais de rua”; “Por favor não estragar, aqui dorme um animal de rua”; “Multiplique essa ideia e Adote uma Vida”. Segundo Paula, os voluntários se unem uma vez por semana. “Nos demais dias cada integrante vai adiantando as produções individualmente na própria residência”.

Essa não é a primeira vez que Paula se envolve na causa animal. “Me envolvi anteriormente no caso do Canil de Tibiriça, onde mais de 50 cães de raças grandes e gigantes foram abandonados pelo criador”, conta. Paula afirma que foi um período muito difícil, pois muitos cães não sobreviveram, apesar de todos os esforços dos voluntários. “Desse canil adotei um dos São Bernardos, que hoje está transformado e recuperado física e externamente, porém os traumas e transtornos psicológicos continuam presentes até hoje”, diz a apaixonada por animais.

Paula continua se envolvendo em projetos para ajudar animais pois a sensação, segundo ela, é algo que não dá para colocar em palavras. “Somos invadidos pela felicidade e gratidão pela oportunidade tão linda de conseguirmos amenizar um pouquinho o sofrimento, que na maioria das vezes é englobado pelas faltas de abrigo, comida e amor”, emociona-se.

Quem faz parte do “Casinha Amiga”, além de Paula, são Mariana Lima, Priscila Vicente, Adriana Rita, Heloísa Coleto e João Paulo Mattos. A população pode ajudar através de doações de caixas de papelão em bom estado, com as quatro abas, plástico em metro, fitas adesivas largas e também com cobertores e mantas. Além disso, o projeto também aceita doações de rações para cães e gatos e, claro, estão sempre precisando de voluntários. “Também pedimos o apoio da população com a questão do abandono e maus tratos. É algo sério e triste que não ocorre somente em nossa região, mas em todo país”, pede Paula. “Precisamos que nos ajudem a fiscalizar para que as casinhas consigam atingir o propósito de ser um abrigo para os animais de rua, e que isso não seja interrompido por atos como roubos e vandalismo”, finaliza.

Quem quiser ajudar pode entrar em contato pelo WhatsApp no número (14) 991397735 ou pelo perfil de Paula no Facebook.

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Amanda Araújo
Carregar mais em Geral
...

Verifique também

Vai rolar Sunset de Carnaval no BTC com Aurora Summer, 4 é Par e mais!

É Carnaval que você quer? Então fica ligado que Bauru vai bombar com muita festa boa! No d…