fib-pos-topo

As Faculdades Integradas de Bauru (FIB) oferecem, a partir de agosto, cursos de pós-graduação em sete áreas, como saúde, direito, educação, tecnologia e gestão.

A diretora acadêmica da FIB, Chiara Ranieri, explicou para o Social Bauru tudo o que esses novos cursos disponibilizam para o aluno, como eles funcionam, além de esclarecer outras dúvidas que as pessoas geralmente encontram na área da pós-graduação. Confira a entrevista:

Há quanto tempo os cursos de pós-graduação da FIB funcionam em Bauru?
Chiara: Nós estamos com dez anos de cursos de pós-graduação na FIB. Estamos fazendo aniversário! Começamos a pós-graduação na área de gestão para atingir os egressos do curso de Administração, que foi o primeiro da FIB. Então, quando as primeiras turmas se formaram, nós já começamos a ter uma grande procura dos nossos formandos que desejavam continuar os estudos na FIB. A primeira turma foi de pós-graduação em gestão empresarial e depois nós montamos outros cursos na área de gestão; cursos que até hoje nós oferecemos e temos uma procura muito grande. O mais antigo deles é pós-graduação em Gestão Integrada: Pessoas e Sistemas de Informação.

Quais as novas opções de cursos?
Chiara: Agora nós estamos começando uma nova campanha. Na área de agrária lançamos um curso de pós-graduação em Gestão de Qualidade e Produtividade no setor Sucroalcooleiro em parceria com a UNESP de Botucatu; professores de lá ministrarão aulas na FIB. Todos com muita experiência na área da pós-graduação. E é importante ressaltar que esse curso não existe aqui na região. É uma de nossas novidades. A área de gestão ainda oferece o maior número de cursos, como pós-graduação em Auditoria, pós-graduação em Controladoria e Finanças, pós-graduação em Gestão Tributária, pós-graduação em Gestão Empresarial e o mais recente que é o de pós-graduação em Gestão Ambiental.

E nas outras áreas?
Chiara: Iremos expandir também a área de comunicação. Nós temos somente um curso funcionando nessa área, que é o de pós-graduação em Marketing e Comunicação, mas vamos oferecer mais três cursos. Nós temos hoje graduação em Publicidade e Propaganda e Produção Audiovisual, nos quais temos algumas turmas formadas, além de termos um curso de Design que formará a primeira turma agora no meio do ano. Ou seja, temos uma procura muito grande por esse perfil de curso e por isso montamos os cursos de pós-graduação em Design de Interiores, pós-graduação em Design de Superfície e pós-graduação em Moda e Visual Merchandising. Na área jurídica nós temos o curso de Direito que tem dez anos e é reconhecido e recomendado pela OAB, sendo o único da região com todos esses requisitos. Dentro desse curso, a maior procura é pela área trabalhista, então nós iremos lançar a pós-graduação em Advocacia Trabalhista e Previdenciária, que também começará agora em agosto. Na área de educação, como nós temos um curso na FIB que é o de licenciatura em Educação Física, para dar continuidade nós montamos um curso de pós-graduação em Estratégias Lúdicas que envolve o perfil dos nossos alunos que estão se formando, mas, também, uma grande variedade de profissionais da área de educação. Aqui em Bauru nós não temos um curso como esse.

Em quais áreas a procura por cursos de pós-graduação tem sido maior?
Chiara:
A FIB cresceu muito na área da saúde. Nós estamos com vários cursos formando a primeira turma, o que faz a procura por essa área aumentar muito. Hoje, os biomédicos não estão mais tão focados na área laboratorial e em análises clínicas, um novo campo de atuação para eles está crescendo, que é a Biomedicina Estética, por exemplo. Temos também a pós-graduação em Fisioterapia em Ortopedia, Traumatologia e Esportiva, pós-graduação em Atividade Física Para Grupos Especiais e Personal Trainer. Em agosto deste ano nós iremos abrir cursos de pós-graduação na área da Psicologia Infantil, com ênfase nas práticas clínicas, educacionais e institucionais. Na área de tecnologia nós sempre tentamos oferecer cursos que atendam uma demanda emergente. Atualmente nós estamos oferecendo a pós-graduação em Engenharia de Software. O curso propõe desenvolvimento de software para as aplicações web e mobile, o que hoje em dia está em alta no mercado de trabalho.

Quantos cursos começarão agora em agosto?
Chiara:
Em agosto, 17 novos cursos serão oferecidos, além dos outros que nós já temos história.

Buscar uma especialização pode ser uma alternativa para esse momento de crise e aumento do desemprego não é?
Chiara:
Sim! Nós procuramos orientar nossos alunos que a graduação forma um profissional generalista e dá a oportunidade de o aluno se identificar com determinadas áreas dentro daquela formação. Ele se identifica com professores, com práticas de estágio, ofertas do mercado de trabalho e aí nasce o interesse e uma busca por um passo mais adiante, um aprofundamento. E nós ficamos muito atentos para atender esses desejos dos alunos que estão se formando, pois queremos que eles continuem conosco.

Todos os cursos de pós-graduação da FIB são presenciais?
Chiara:
Sim. Todos são presenciais, nossos alunos querem isso. Tudo o que a gente oferece na modalidade online é um plus, uma adição ao que o aluno já recebe dentro da sala de aula.

E os professores? São os mesmos da graduação?
Chiara:
Não. 70% do corpo docente da pós-graduação vem de fora da faculdade. Nós procuramos profissionais que tragam a prática do mercado de trabalho para o aluno, para que o curso seja interessante e dinâmico.

Em quais dias da semana os cursos de pós são oferecidos?
Chiara:
Os cursos acontecem aos sábados, períodos da manhã e da tarde, durante 18 meses. Por isso mesmo precisamos de profissionais que façam uma aula didática, dinâmica, interessante e prática.

Qual o perfil do aluno da pós-graduação?
Chiara:
A pós-graduação é muito heterogênea. Temos pessoas que estão no mercado de trabalho já há algum tempo e que sentiram a necessidade de buscar um aprofundamento, pois, como já falamos, hoje em dia a pós-graduação faz diferença, não só no quesito da remuneração, como também no plano de carreira, pois dentro das empresas, a pós também é muito valorizada. Outro perfil muito significativo é o do aluno empreendedor, que tem o seu próprio negócio, principalmente na área de gestão, e que percebe a necessidade de fazer uma reciclagem, um aprofundamento para a manutenção do negócio. E o aluno da pós não aprende somente na sala de aula, já que o contato com colegas e professores no cotidiano ajuda muito.

Qual a diferença de pós-graduação e mestrado?
Chiara:
Todas são pós-graduação. A graduação termina com o diploma do bacharelado, da licenciatura ou do curso superior de tecnologia. Isso é graduação. Nos cursos de pós-graduação aqui na FIB, nós temos a Especialização e o MBA com, no mínimo, um ano de duração e que podem chegar até a dois anos. Entre a Especialização e o MBA, nós temos alguns módulos que são comuns, mas a conclusão do curso é diferenciada. A Especialização não exige que o aluno faça uma monografia, já o MBA exige um trabalho mais prático com aplicabilidade, então nesse caso nós fazemos um plano de negócios e consultoria. Mestrado, doutorado e pós-doc são cursos que são oferecidos em um formato diferente que exigem uma dedicação para a pesquisa. Eles formam pesquisadores e professores. Na FIB, por exemplo, todos os nossos professores são mestres e doutores. E nós temos aqui alguns programas de mestrado prontos para serem implantados, que não estamos oferecendo ainda, mas possivelmente isso acontecerá em breve. Eles serão na área de Engenharia de Produção em parceria com a UNESP. Um curso de mestrado profissional, que é o interesse da FIB, em vez do mestrado acadêmico, o que para o docente tem a mesma validade.

Podemos esperar isso em 2017, talvez?
Chiara:
Na verdade, podemos esperar para 2016 ainda!

E as inscrições da pós-graduação da FIB começam quando?
Chiara:
As inscrições já estão abertas e podem ser feitas no site da FIB, onde tem todas as informações sobre os cursos.

Serviço
Endereço: Rua José Santiago, Quadra 15, Vila Popular do Ipiranga
Telefone: (14) 2109-6200
Horário de funcionamento: Segunda à sexta das 8h às 22h
Sábado das 8h às 12h
Para mais informações acesse aqui

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Giovana Romania
Carregar mais em Geral
...

Verifique também

Turismo responsável e seguro viagem deverão fazer parte dos próximos roteiros dos bauruenses

Um dos setores mais impactados pelo coronavírus tem sido o turismo. De acordo com a Confed…