oab-notamaxima-home

Estudos, estudos e mais estudos – assim era a rotina do estudante de Direito da ITE (Instituição Toledo de Ensino), Felipe Correia, que viu todo este sacrifício valer a pena ao corrigir a prova da OAB. Felipe gabaritou a prova deste ano.

“Fiquei muito feliz, pois embora eu tivesse acertado a peça profissional e conseguido responder a todas as questões, descontos na pontuação eu pensei que teria. Por outro lado, no dia em que saiu o resultado, ao conferir o espelho do gabarito, notei que o que lá estava condizia com o que eu havia colocado tanto na peça quanto nas questões”, comenta.

Em entrevista ao Social Bauru, Felipe comentou que não parou de estudar um minuto. “Durante as manhãs, eu estudava. Na parte da tarde eu ia para o meu estágio – sou estagiário do Ministério Público do Estado de São Paulo na cidade de Barra Bonita. No período noturno, eu voltava a estudar para o exame na biblioteca da faculdade e também frequentava um curso preparatório que o meu professor oferecia (professor Márcio Gavaldão), na ITE. Aos finais de semana, eu passava redigindo peças e respondendo questões”.

Para ele, a prova não foi difícil e sim, ‘trabalhosa’, já que as questões envolveram temas bem diversificados. “Como peça caiu um Recurso de Agravo de Instrumento, o qual possui inúmeras particularidades e requisitos a serem pontuados. Já nas questões caíram temas diversificados, abrangendo tanto o Código Civil quanto leis esparsas”.

Ele, que sempre quis cursar Direito, agora pode relaxar e se preparar para a colação de grau que irá acontecer dia 15 de dezembro. Depois, os estudos retornam! “Após a colação de grau, eu procederei à inscrição na OAB e começarei a advogar. Também iniciarei os estudos para concursos públicos”.

E para quem vai enfrentar ‘a batalha’ do exame da OAB em breve, Felipe dá algumas dicas: “É preciso abdicar, durante os meses de preparação para a 1ª e 2ª fases, dos finais de semana e dos tempos livres em geral para focar nos estudos. Criar um cronograma e ter disciplina também é essencial. Ao final, com certeza o resultado de todo o esforço será gratificante.”

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Amanda Araújo
Carregar mais em Comportamento
...

Verifique também

Noveleiros de plantão: bauruenses não perdem um dia de suas novelas favoritas

Olho no relógio. Ih! Já é hora da novela. E essa eu não perco por nada! Ninguém me tira do…