oqfalta-bauru-hometopo

Bares, restaurantes, espaços culturais, peças de teatros, shows. Apesar das opções de lazer que existem em Bauru, sobretudo à noite, algumas pessoas acham que a cidade poderia ter muito mais. Que tal mais espaços infantis, restaurantes veganos e outros tipos de filmes nos cinemas de Bauru? Pois foram estas e outras dicas que alguns moradores daqui da cidade comentaram com nossa equipe. Confira os depoimentos!

Rodrigo Carvalho
Eu amo a madrugada e a ideia de aproveitar a vida enquanto das demais pessoas estão dormindo. Tudo fica mais tranquilo, principalmente, o trânsito. No entanto, sinto a falta de muitas coisas aqui em Bauru, durante esse período noturno. A que mais me incomoda é a falta de um supermercado 24 horas. Já tivemos há alguns anos, mas, acredito que em função de uma baixa adesão, os supermercados decidiram limitar seus horários de funcionamento. Até pouco tempo também sentia falta de uma academia, mas, recentemente, uma bem conhecida começou a operar full time. Fui correndo me matricular e estou torcendo para mais pessoas possam aderir a esse horário alternativo para que o serviço possa ser mantido. Também adoraria ter mais opções de horários nos cinemas. Até mesmo algumas sessões que começam às 23h50 e terminam na madrugada, mas adoraria ir ao cinema tipo às 3h da manhã. É uma pena porque as pessoas não aderem. Já cheguei a ir em últimas sessões do cinema e ficar literalmente com a sala só pra mim. Ademais, também posso citar a falta de mais opções culturais, baladas durante dias da semana, e mais opções gastronômicas, além de lanches e fast food após a meia noite.

Nathalia Silva
Acredito que faltam mais opções vegetarianas e veganas à noite. Bauru tem alguns restaurantes especializados em comida vegetariana e vegana, mas sinto necessidades destas e outras opções abertas no período da noite também. Outros locais que eu também acho que faltam em Bauru são opções para os pais; lanchonetes e restaurantes que tenham espaços para as crianças poderem ficar.

Jay Alves
Bom, eu acho que falta algum lugar, um bar mais especificamente, com uma interatividade diferente do que já temos. Conversando outro dia com uma galera mais velha, me disseram que existia um bar com mesas de sinuca e com um telefone em cada mesa, no qual você poderia ligar… Achei isso um máximo, gostaria que ainda existisse isso. Um bar com interatividade maior entre seus usuários.

Larissa Balarim Manzatto
“O que, na minha opinião, falta na noite de Bauru são mais opções de shows de grandes artistas e peças teatrais. Tem vindo alguns cantores e bandas conhecidas para cá, mas sempre de tempos em tempos, com pouca frequência. O mesmo digo das peças de teatro ou até mesmo musicais, que fazem sucesso pelo Brasil e demoram para chegar a Bauru, quando chegam, né?! Falta investimento na área do entretenimento artístico, mas aos poucos a gente chega lá.”

Isabelle Maturama
“Apesar de ser mais caseira, sinto falta em Bauru de mais bares com entretenimento como jogos, karaokês, stand up comedy; mais opções em bebidas não alcoólicas nos cardápios para quem não bebe ou não quer beber e dirigir; também mais espaços culturais pra sairmos daquele esquema ‘cinema-restaurante/barzinho’. Por que não?”

Ana Paula Borges
“Em Bauru sinto falta de mais bares e restaurantes que possamos levar nossos animais de estimação. Acredito que hoje, o pet já é um integrante da família e as pessoas ainda não se atentaram. Às vezes vou passear com meu cachorro, depois quero parar em algum lugar e não posso, porque é proibida a entrada de animais. Sinto falta de um lugar que nossos bichinhos sejam bem-vindos. E em relação as opções da vida noturna, sinto falta de lugares que toquem mais músicas latinas como o reggaeton”

Rafael Botta
“Sinto falta aqui em Bauru de uma casa de shows realmente preparada para receber tais eventos. Acústica, conforto ao público e estrutura são itens que faltam nas casas da cidade. Porém, além disso, sinto muita falta de uma programação no cinema que não seja apenas comercial. Entendemos a necessidade do lucro, mas se não fomentarmos as produções nacionais, independentes e de verdadeiro conteúdo artístico na cidade, mais atrasados estaremos!”

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Amanda Araújo
Carregar mais em Cultura
...

Verifique também

Rock educativo: bauruenses lançam clipe que conscientiza sobre a reciclagem

O projeto bauruense “Os Recicláveis” dá mais um passo em direção à conscientiz…