publieditorial

Algumas pessoas ficam nervosas só de escutar a palavra finanças empresariais, já que o assunto tem fama de ser complicado e difícil de ser entendido pela maioria das pessoas. Segundo os diretores da 3D Financial Academy, Norberto Sgavioli e Ricardo Rocha, há vários mitos em torno das finanças, sobretudo empresariais e, por isso, eles pensaram em uma forma de simplificar o entendimento das pessoas.

Foi a partir disso que Norberto Sgavioli teve a ideia de desenvolver um treinamento sobre finanças empresariais por meio de um business game. “Este jogo é um treinamento que tem o objetivo de desmistificar as finanças empresariais e trazer uma visão simples e eficiente da interpretação dos resultados”, explica.

Os empresários ainda dizem que, além de entender o passado, o treinamento traz reflexões e entendimento das ações necessárias para o futuro. “Diante de tudo isso, é possível melhorar o resultado das empresas e entender como tudo está conectado”, completam.

A metodologia usada no treinamento foi desenvolvida por uma escola europeia e foi aplicado em mais de 40 países. No entanto, o game que está sendo aplicado em Bauru é criação do próprio bauruense com base em sua experiência, como economista e executivo em finanças empresariais. Para a criação, Norberto e Ricardo levaram em consideração o cenário brasileiro, identificando as principais necessidades das empresas, como capacitação de equipe, interpretação de resultados, a velocidade nas informações e a conexão com as estratégias.

O jogo das finanças
O jogo faz parte de um treinamento que dura entre 12 e 16 horas, dependendo da necessidade do cliente, e conta com duas etapas: a primeira parte é voltada para uma aula teórica básica, depois, é hora de praticar utilizando o jogo. O número de participantes por turma pode variar de 9 a 30 pessoas e a recomendação é que seja um número múltiplo de três, para formação das equipes.

Segundo os criadores, o treinamento sai do raciocínio dedutivo para o raciocínio intuitivo, através do aprendizado cognitivo, que permite ampliar a percepção e a compreensão das principais variáveis que afetam os resultados das empresas. “É um treinamento rápido e eficiente, pois os treinandos aprendem fazendo. O treinamento envolve estudos de casos reais de empresas, tabuleiro, exercícios de fixação e software. Ninguém dorme na sala; o trabalho é em equipe. Mesmo quem nunca trabalhou com finanças empresariais será capaz de interpretar os resultados e poderá tomar decisões assertivas em poucas horas de treinamento”, dizem.

Público-alvo
Você deve estar se perguntando, mas para quem é direcionado o treinamento? O público é amplo, pois ele foi desenvolvido para tornar o assunto, em torno das finanças empresariais, mais claro para quem não é da área. Além disso, ele permite que profissionais da área enriqueçam seu entendimento.

“Então o treinamento é destinado aos empresários do setor privado e público, financeiros e não financeiros. Até mesmo profissionais liberais que administram o próprio negócio e precisam entender o que os números dizem sobre a empresa”, esclarece Norberto.

Para as empresas e instituições que se interessam pelo treinamento incompany, há a necessidade de fazer um agendamento prévio. Isso se deve, ao fato do treinamento ser dinâmico, flexível e personalizado para cada cliente.
Além do formato incompany (treinamento feito dentro das empresas), ele pode ser aplicado em instituições de ensino e como um curso aberto, reunindo diversos profissionais.

Seguindo este formato aberto, a 3D Financial Academy organizará o próximo treinamento nos dias 6 e 7 de outubro, no Biazi Plaza Hotel, em Bauru. Os interessados devem verificar as vagas disponíveis pelo telefone (14) 3206-4480 ou (14) 98110-1011 ou pelo email [email protected]

Sobre a 3D Financial Academy
A 3D Financial Academy está sob a razão social do Instituto Shitei LTDA, empresa de assessoria financeira, fundada em Bauru no ano de 2003. Tudo começou com o desejo de auxiliar empresas a serem mais rentáveis. Diante disso, foram desenvolvidas técnicas de análise de resultado e gestão de pessoas, privilegiando o trabalho em equipe, altruísmo e formação dos colaboradores.

Anos depois, a empresa criou o método 3D, que consiste na análise de três variáveis para explicar os desvios orçamentários do lucro bruto. Em 2016, o projeto foi remodelado na forma de treinamento cognitivo, simplificando as finanças empresariais e facilitando o entendimento dos relatórios, indicadores e as inter-relações.

Apesar da ideia formatada, o diretor e fundador da 3D Financial Academy, Norberto Sgavioli, sentia que precisava de parceiros para contribuir na execução das ideias. Foi quando ele propôs uma parceria ao amigo Ricardo Rocha, economista, consultor de empresas, palestrante e sócio/ diretor da Planegi Consultoria Empresarial.

De Bauru para o Brasil
Os bauruenses, Norberto e Ricardo, já aplicam o treinamento na cidade, mas a intenção é expandir para todo o país. “Iremos ampliar o treinamento para o interior de São Paulo, depois para a capital e nossa meta é realizar o treinamento no Brasil todo. Isso será realizado por meio de pessoas e empresas credenciadas que possam replicar o treinamento e ajudar nosso país a ser mais competitivo”, planejam.

Serviço
3D Financial Academy
Local: Rua Aviador Gomes Ribeiro, 17-61
Contato: (14) 3206-4480 / (14) 98126-4466 (Norberto) / (14) 98144-8114 (Ricardo)
Para saber mais, acesse: www.facebook.com/3dfinancialacademy

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Amanda Araújo
Carregar mais em Negócios
...

Verifique também

Bairro Jardim Marambá está em desenvolvimento e atrai novos moradores em Bauru

Ao pôr-do-sol, várias pessoas caminham tranquilamente, andam de bicicleta na ciclovia e pa…