Para quem é potterhead – fã de Harry Potter – receber uma carta de Hogwarts e, mais do que isso, conhecer o castelo mais mágico de todos é um sonho. Para o bauruense, Gabriel Tank, o sonho virou realidade. Ele e a noiva, Gabriella Bastos, visitaram a Escola de Magia e Bruxaria do Brasil (EMB) que está localizada em Campos do Jordão – SP.

Criada em 2015, a EMB oferece uma imersão de quatro dias no mundo da magia e bruxaria. Além de uma programação completa de atividades como aulas, a Escola também oferece trajes que completam as formalidades do mundo mágico. O castelo da “Hogwarts” brasileira é construído em 6 mil metros de área construída e a 1700 metros de altitude, com vista privilegiada das montanhas e vales.

Quer saber mais detalhes? Confira a entrevista com o Gabriel:

– Gabriel, o hotel foi inaugurado há algum tempo certo? Como foi quando descobriu que teria “Hogwarts” aqui perto?

A minha noiva é fã há muitos anos da saga Harry Potter e soubemos através do Facebook, por uma página que ela administra chamada “Mundo dos Potterheads“. Ficamos muito animados e empolgados com essa chance.

– Como foi para se matricular? É caro?

As matrículas são realizadas pelo site, onde você precisa preenche os dados pessoais, escolhe as matérias que pretende cursar, a casa que quer ficar (Tigres, Serpentes, Águias ou Esquilos) e a forma de pagamento trouxa. Qualquer dúvida existem muitos meios para contatar os responsáveis como celular e e-mail. Ser caro é bem relativo nessa situação, já que experiências relacionadas a saga Harry Potter são apenas encontradas fora do Brasil, a EMB comparada a elas tem um valor bem inferior.

– E quando você chegou lá, qual foi a sensação?

A sensação é de que tinha valido a pena dirigir 500 km até lá. Assim que eu e minha noiva fomos recebidos pelos professores já era como se estivéssemos em casa. Com a trilha sonora de Harry Potter por todo o castelo ficou muito fácil entrar no clima de Hogwarts, parecia que todos os alunos já se conheciam há muito tempo e éramos só sorrisos.

– É tudo parecido? Como é a estrutura?

A EMB não possui vínculo com a Warner Bros, então tudo é parecido com Hogwarts (arquitetura medieval), mas é diferente. A estrutura é excelente, dividimos quartos com membros de nossas casas que são de idades parecidas. As refeições são bem completas, onde temos o refresco “kibruxo” que é um copo refil, podemos beber refrigerantes, sucos e água à vontade durante toda a nossa estadia. Também recebemos o material necessário para frequentar as aulas, que já estão incluídas no kit do aluno, que recebemos assim que chegamos. Nele contém a capa da escola de acordo com a cor da sua casa, que é o seu uniforme, apostila das aulas, carteirinha bruxa e permissão de porte de varinha. Entre muitos outros brindes que recebemos no decorrer dos quatro dias de evento, tudo incluído no valor da matrícula.

Bauruense visita Hogwarts Brasileira

– Como funciona o período em que você fica no Castelo?

São quatro dias de estadia. Fazemos o check-in às 16h da sexta feira e nesse dia somos livres para passear pelo castelo, conhecer o lugar bem como os nossos companheiros de escola. No sábado e no domingo, temos aulas no período da manhã, com atividades intercaladas à tarde e à noite, como quadribola (um quadribol adaptado). Também tem a noite da fogueira, onde ouvimos histórias sobre a guerra bruxa no Brasil e os alunos compartilham suas vivências. Encerrando na segunda–feira às 12h.

– São várias atividades né? Qual você mais gostou?

Sim, são muitas atividades: baile, quadribola, quizard (disputa de conhecimento entre as casas valendo pontos), fogueira e até um unicórnio apareceu por lá! É difícil escolher só uma, mas fui surpreendido pelo quadribola, o empenho dos jogadores e a vibração da torcida era uma verdadeira final de copa do mundo! Foi muito emocionante!

– E as aulas? Como é? Teve alguma preferida?

Os professores são muito comprometidos com as aulas todas de acordo com o conteúdo da apostila. Eles tiram todas as nossas dúvidas e os alunos se esforçam, afinal, na Escola de Magia e Bruxaria do Brasil, também temos a Taça das Casas – a casa que tiver mais pontos leva o título. Então nossos acertos e ações positivas são recompensados e nada de atrasos e comportamentos negativos para não perder pontos da sua casa. A aula que mais gostei, embora todas tenham sido excelentes, foi a de defesa anti-trevas, do professor Hector Saião.

Bauruense visita Hogwarts Brasileira
Professor da Escola de Magia e Bruxaria do Brasil

– Agora você é bruxo certo? O que poderia falar da experiência?

Um bruxo com certificado e tudo, já que fazemos um teste de capacitação bruxa! Sobre essa experiência, uma das maiores lições que levamos é de que nós temos a magia dentro de nós e nossas varinhas são apenas canalizadores dela. Somos capazes de fazer grandes feitos, mesmo sem usar varinhas.

– Para quem é fã de Harry Potter, vale a pena?

Não só para fãs de Harry Potter, mas sim, para todas as pessoas que queiram viver uma experiência magica, fazer novas amizades e ainda aprender mais sobre o universo bruxo!

– De tudo que você passou em “Hogwarts”, o que ficou mais marcado pra você?

O que mais me marcou foi a amizade e o espírito de união entre as casas, todos se ajudando e empenhados em dar o melhor de si! Mesmo após semanas de evento eu e a minha noiva mantemos contato com amigos que fizemos na EMB e tenho certeza de que se manterá assim por muitos anos.

Quem quiser saber mais sobre como foi passar quatro dias na Escola de Magia e Bruxaria do Brasil, dá uma olhada no vídeo que o Gabriel e a Gabriella fizeram:

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Geral
...

Verifique também

McObrigado atinge 300 profissionais essenciais de Bauru durante a pandemia

Apesar das recomendações para que as pessoas fiquem em casa, como forma de frear a contami…