A ordem é: vá de fantasia, de abadá, de glitter, do jeito que você quiser, sem censura. A festa “Sem Censura” é um dos eventos que vai rolar no próximo sábado, 14 de abril, em Bauru. A organização fica por conta de quem tem experiência, os organizadores já fizeram as famosas “Zé Castanha”, “Acapulco 10 anos” “Virada” e “Cajusemkopo”.

LEIA MAIS
+ “Sobrenatural – A última chave” e outros dois filmes estreiam nos cinemas de Bauru nesta quinta (12)
+ Instalação artística dentro de vagão de trem em Bauru vai até sábado (14)

A “Sem Censura” será realizada no Rastro Music e vai das 23h às 05 da manhã. A música fica por conta da banda “Prezado 5.0”, do Dj Sfink e da cantora Ju Faustino, que traz funk e pop para a balada. Além disso, a festa conta com open bar de cerveja, vodca, energético, Corote Sabores, drink Yakult e água.

Os convites já estão à venda e custam R$25,00 (1º Lote Universitário), R$30,00 (2º Lote Universitário) e R$35,00 (3º Lote Universitário), válido para qualquer universidade. Para quem não estuda, os preços são R$40,00 (1º lote) e R$50,00 (2º lote).

Confira os pontos de vendas:

– Flipper Lanches: R. Henrique Savi 12-40 (das 18h às 00h)
– La Femme Moda Feminina: R. Treze de Maio, 15-8 – Jardim Estoril (das 10h às 20h)
– Texas Bauru: R. Guilherme de Almeida 7-16 – Jardim Panorama (das 16h às 02h)

Os convites também podem ser adquiridos com os promoters:

Arielle Sardinha (FIB) – 14 99661-4008
Bruno Carvalho (Unesp) – 14 98113-1779
Daniely Eugenio -14 99179-1155
Gabi Nascimento (USP) – 14 99715-0904
Gabriel Rebolla (Usc) – 19 99120-2344
João Victor Luvizotto (Unesp) – 15 99132-0141
Ju Carvalho – 14 99833-7393
Laura Fernanda -14 99872-0096
Vanessa Castilho – 14 99171-8116

Serviço
Festa “Sem Censura” – 14/04, das 23h às 05h
Local: Rastro Music – Rua Antonio Alves, 31-54
Convites à venda

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Geral
...

Verifique também

Será que é possível fazer as pazes com a ansiedade? Psicólogas de Bauru mostram que sim

Você sofre com a ansiedade? Bom, se a pergunta fosse para mim, a resposta seria “mui…