Durante muito tempo, a estação ferroviária foi a porta de entrada dos turistas em Bauru. Hoje em dia, ela está desativada, mas, mesmo assim, ainda recebe visitantes de fora da cidade e até do país. Isso se deve ao fato do Museu Ferroviário de Bauru estar localizado dentro da estação e ter uma exposição que conta a história da nossa cidade.

Ponto turístico fundamental em Bauru, o Museu Ferroviário passou por uma reforma que tem como objetivo melhorar a recepção do público. Por isso, o espaço recebeu um novo layout na área expositiva com totens bilíngues – em português e inglês. O intuito é que o público turístico internacional que visita o museu frequentemente também tenha acesso às informações.

Segundo a museóloga responsável pelo museu, Luisa Cristina Mendes da Silva Barbosa, os visitantes vêm de diferentes países, principalmente, intercambistas que chegam em Bauru para estudar. “Têm muitos turistas da América Latina de países como Peru, Chile, Bolívia, entre outros. Também recebemos visitantes dos Estados Unidos e de alguns países da Europa”, conta.

Apesar da maioria dos visitantes serem da América Latina e, portanto, falarem o espanhol, a língua inglesa foi escolhida seguindo padrões de outros museus. “A questão é que o inglês ainda é a linguagem universal. Nós fizemos uma pesquisa e a maioria dos museus que disponibiliza informações em outra língua, usa o inglês, então preferimos seguir esse padrão”, explica a museóloga.

Oferecer informações em outra língua já era uma vontade antiga dos coordenadores do museu, mas a mudança se deu somente agora. Além dos totens bilíngues, o Museu Ferroviário de Bauru também ganhou novas cores e mudanças estruturais na exposição. Além disso, o carro de madeira, conhecido como “vagãozinho”, está sendo reformado e transferido para uma área coberta, que visa oferecer mais uma área de convivência e preservação. As novidades são um convite para a população conhecer ou revisitar o Museu Ferroviário de Bauru.

“Esperamos atender melhor o visitante e ter um aumento no público. A readequação foi, principalmente, na questão da informação, mas também fizemos mudanças estruturais na exposição, pensando no conforto do visitante. Convidamos todos a fazerem uma visita”, diz Luisa.

Serviço
Museu Ferroviário Regional de Bauru
Local: Rua Primeiro de Agosto Q.1
Horário de visita: de terça a sexta-feira, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 17h, e aos sábados, das 8h30 às 13h30
Entrada gratuita

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

MCs de Bauru lançam clipe da cypher “Fênix” sobre união e esperança em meio ao caos

Com um beat de peso, a cypher – quando MCs se juntam para fazer rimas inéditas ̵…