Chega a Bauru, nesta segunda (17), a mostra itinerante do Museu da Língua Portuguesa, uma experiência cultural essencial para os amantes da língua portuguesa!

A exposição terá entrada gratuita e ficará pela cidade até o dia 13 de outubro no Centro Cultural “Carlos Fernandes de Paiva”. A realização é do Ministério da Cultura, do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura do Estado, Museu da Língua Portuguesa, Sistema de Museus de São Paulo e Arquiprom.

A exposição conta também com o apoio da Prefeitura de Bauru, por meio da Secretaria Municipal de Cultura.

Pelo estado adentro

A exposição do Museu da Língua Portuguesa já passou seis cidades do estado de São Paulo, atingindo a marca de mais de 47 mil visitantes nas primeiras paradas. Agora em Bauru, a mostra itinerante apresenta acervos do museu.

“A exposição tem levado a experiência do Museu para um público cada vez maior no estado de São Paulo. Todos estão convidados a prestigiar a história do nosso maior patrimônio: o idioma”, declara o Secretário da Cultura do Estado, Romildo Campello.

O que o público encontrará

Na mostra, o público poderá entrar em contato com painéis que apresentam uma prévia do conteúdo, além do segmento “O que nos une” e do espaço “Mundo Lusófono”, que são exclusivos da exposição itinerante.

A mostra também conta com acessibilidade: o Mapa do Mundo possui informações sobre os países que falam português em braille; os vídeos Culinária e Dança, a Linha do Tempo e os Falares Paulistas possuem recursos de leitura em libras.

“Tecnologia, interatividade, som, imagem e acessibilidade. Quem visita a exposição utiliza todos estes recursos para embarcar na história da língua portuguesa”, explica o arquiteto e sócio da Arquiprom, Fernando Arouca.

Museu surge das cinzas

Em dez anos de funcionamento, o Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo, recebeu cerca de quatro milhões de visitantes (319 mil destes em ações educativas).

É o primeiro do mundo dedicado exclusivamente a um idioma, e trouxe ao país um novo conceito museográfico, que alia tecnologia e educação. Com uma narrativa audiovisual e ambientes imersivos, permitiu aos visitantes descobrir novos aspectos do idioma, elemento fundador da cultura do país.

O Museu foi atingido por um incêndio em dezembro de 2015 e atualmente está em reconstrução. A obra está dividida em três etapas: o restauro das fachadas (concluída) e da reconstrução da cobertura do edifício (concluída), o restauro dos pátios e torreões, a obra do interior do prédio. Por último, terá início a instalação da museografia. A previsão de reabertura é 2019.

A exposição em Bauru

A exposição gratuita, que será aberta para o público no dia 17 de setembro, ficará em cartaz até 13 de outubro, de segunda, terça, quarta e sexta, das 8h30 às 18h, quinta, das 8h30 às 21h e sábados, das 14h às 20h.

A Estação da Língua Portuguesa também receberá grupos e escolas para visitas monitoradas. Para agendar, basta entrar em contato de segunda a sexta, das 9h às 17h30, pelo telefone: (14) 3232-1552.

Serviço
Estação da Língua Portuguesa em Bauru

Data: de 17 de setembro a 13 de outubro
Horário: segunda, terça, quarta e sexta, das 8h30 às 18h / quinta, das 8h30 às 21h / sábado, das 14h às 20h
Local: Centro Cultural “Carlos Fernandes de Paiva”/ Avenida Nações Unidas, 8-9
Entrada gratuita

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Gabriela Gomes
Carregar mais em Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Zoológico de Bauru divulga programação do curso de férias!

Está em busca de um programa com muita animação para as férias das crianças? Não precisa i…