Em diversos horários do dia, é possível olhar para cima e ver aviões e planadores pelo céu de Bauru. O motivo é o aeroclube, localizado entre duas importantes avenidas da cidade – Av. Getúlio Vargas e Alameda Dr. Octávio Pinheiro Brisolla.

42 anos após Bauru ser fundada, nascia o Aeroclube de Bauru, arquitetado em estilo art-déco. Hoje, dia 08 de abril, o local comemora 80 anos! Por fora, o espaço pode parecer pacato, como se quase nada acontecesse, mas saiba que muita coisa rola por lá!

Por isso, o Social Bauru foi até o Aeroclube de Bauru conversar com o presidente, Vicente Afonso Filho, e o vice-presidente, José Rubens Coneglian. Nessa conversa, descobrimos dez curiosidades sobre os 80 anos do Aeroclube de Bauru.

Juliana Oba, jornalista do Social Bauru, entrevistando o vice-presidente do aeroclube

Dez curiosidades sobre os 80 anos do Aeroclube de Bauru

1- Planador único no mundo

O planador Spalinger – PT-PBR foi construído nas oficinas do Aeroclube de Bauru no ano de 1953! O projeto original é de Jakob Spaling, sob a orientação do paraninfo do aeroclube, Hendrich Kurt. Atualmente, o modelo do planador é o único em condições de voo no mundo todo.

O planador Spalinger – PT-PBR, na oficina do Aeroclube de Bauru

2- Fragmentos históricos no papel

Com tantas primaveras na conta, o que não falta, é história do Aeroclube de Bauru para contar. A partir disso, os bauruenses Gabriel Ruiz Pelegrina e Irineu Azevedo Bastos uniram seus acervos sobre o tema em um livro. Intitulada “Aviação em Bauru no Século Passado“, a obra passa por diversos aspectos históricos como o início da aviação militar em São Paulo, o Correio Aéreo Nacional e os primeiros passos da aviação na cidade.

3- Fundação Astropontes

A Fundação Astronauta Marcos Pontes, a Astropontes, está com a sede em Bauru. Apesar de ainda não estar oficialmente inaugurada, a fundação já está com uma sala no prédio do aeroclube da cidade. Antes, a Astropontes estava sediada na capital do estado de São Paulo.

4- 80 anos sem parar

O Aeroclube de Bauru é o aeroclube há mais tempo em atividade do país. Há 80 anos, ele opera sem interrupção, portanto, histórias são o que não faltam! Além disso, ele também é considerado um dos clubes com maior atividade aérea em todo o Brasil. “Ele é muito importante, faz parte da cidade e é uma das maiores histórias da aviação da América do Sul”, diz Vicente.

5- Patrimônio tombado

O conjunto de edificações do Aeroclube de Bauru foi tombado como patrimônio histórico municipal. O tombamento foi decretado no dia 30 de setembro de 2004, que consiste na preservação dos três hangares grandes, da fachada frontal da sede administrativa, incluindo a torre de observação e o telhado.

6- Maior frota comunitária no Brasil

Um dos destaques do Aeroclube de Bauru é a sua frota, a maior de um aeroclube brasileiro. Ao todo, a frota conta 20 aeromodelos, sendo oito aviões e 12 planadores operacionais.

“A maioria dos aeroclubes tem quatro ou cinco planadores e, às vezes, eles não estão voando. No Aeroclube de Bauru, todos estão operando”, esclarece José Rubens.

José Rubens com a frota de aviões do aeroclube

7- 31 Campeões e dez recordes

Ao todo, os pilotos de Bauru ganharam o primeiro lugar do Campeonato Nacional de Voo a Vela 31 vezes. Além disso, os pilotos do Aeroclube de Bauru detêm dez recordes nacionais de planadores, em diferentes categorias. Com sua reputação de imbatível na prática do esporte, o aeroclube ocupa o primeiro lugar do ranking nacional há vários anos.

8- Bauru: capital do voo a vela

Entre os principais motivos pelo qual Bauru é considerada a capital do voo a vela, está a sua posição geográfica. Por esse motivo, a cidade possui ondas térmicas naturais, portanto, Bauru foi sendo cada vez mais procurada para a prática do esporte. Nos anos 70, o esporte se disseminou pelo país e a cidade, em virtude da vantagem meteorológica e da grande frota de planadores do Aeroclube, passou a ser conhecida internacionalmente como “A Capital Nacional do Voo a Vela”.

9- Escola de aviação

A primeira turma de pilotos de planador do Aeroclube de Bauru foi formada no ano de 1940. Hoje em dia, a escola tem em torno de 40 alunos na parte teórica. Além disso, a Escola de Aviação oferece dez cursos, todos homologados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

“A escola tem uma sequência completa para você sair daqui piloto. Dá para fazer como hobby, mas se quiser fazer sequenciamento profissional, a escola dá todo o apoio e o aluno sai com todas as carteiras para trabalhar”, explica o vice-presidente.

10- Profissionais de Bauru para o mundo

Não foi só o astronauta Marcos Pontes que alçou grandes voos a partir de Bauru não. Apesar de ter sido o único brasileiro a ir ao espaço, muitas outras pessoas que passaram pelo aeroclube também obtiveram sucesso na carreira. Afinal, a Escola de Aviação do Aeroclube de Bauru formou campeões no voo a vela. Um deles, foi o Cel. Ozires Silva, fundador da EMBRAER, ex-presidente da PETROBRAS, ex-ministro da Infraestrutura e ex-presidente da VARIG.

“Muito pilotos se formaram aqui como o Coronel Ozires Silva e o Marcos Pontes. Ainda tem vários outros que saíram de Bauru e estão trabalhando pelo mundo”, complementa o presidente.

Quer saber mais? Acompanhe o Aeroclube de Bauru nas redes sociais

Facebook: www.facebook.com/aeroclubebauru
Instagram: @aeroclubedebauru

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Sete atividades para fazer em sete dias em Bauru

Bauru também é conhecida como a cidade sem limites. E o apelido não é à toa, já que a cida…