Você sabe o que um piercer faz? Bom, pelo nome já temos uma noção, o piercer é o responsável por aplicações de piercings.

Vamos entender melhor sobre essa profissão e a arte de usar adornos! Tudo começou lá na sociedade contemporânea, já era moda, desde aquela época, perfurar o corpo com objetos metálicos.

Segundo o site Infoescola, os adornos são uma tradição que está há, pelo menos, 5.000 anos na história humana. Naquele tempo, o uso tinha sentido de exprimir escolhas individuais, de traduzir um rito sagrado ou de conferir status nobre à determinadas pessoas.

Atualmente, foi adquirido outro sentido, mais estético, menos existencial, tornando-se mais um item de moda.

Por falar em moda, os piercings possibilitam algumas combinações, quem explica é a Thabata Kleske, profissional na área há mais de 15 anos!

O ideal é o cliente saber quais perfurações ele quer, assim, aqui no estúdio, eu monto um projeto e, com isso, posso sugerir outras perfurações seguindo a linha desejada. Geralmente, as joias básicas são mais fáceis de combinar”, explica Thabata.

Adorne-se!

Atualmente, é comum ver alguém usando piercing, mas por trás de uma joia bem aplicada, existe muito cuidado e trabalho.

Jade é piercer há mais de três anos e se interessou quando viu que o vocalista da banda Slipknot usava piercing. “Eu pesquisei e comecei a me interessar sobre e percebi o quanto influencia na autoestima das pessoas. Sempre gostei de modificações corporais!”, explica Jade.

Cuidado é a palavra-chave quando o assunto é piercing! Então, se você pensa em colocar um ou se já tem, anota essas dicas da Jade!

  • Não ter atrito no local recém-aplicado;
  • Escolher uma joia de qualidade;
  • Escolher um estúdio de aplicação seguro;
  • Esteja bem emocionalmente e psicologicamente;
  • Evite dormir em cima do local;
  • Não tocar no piercing com as mãos sujas;
  • Evitar alimentos gordurosos;
  • Higienizar de acordo com os cuidados passado pelo piercer.

Quanto mais piercing melhor!

Pode aplicar piercing no corpo todo? Existem limitações anatômicas, mas também existem alternativas! Antes de querer brilhos e joias pelo corpo, é essencial pensar na saúde!

Existem algumas partes do corpo que precisam de cuidados especiais, são elas: piercing oral, microdermal e genitais.

Ainda falando sobre cuidados, para escolher o melhor profissional, é essencial acompanhar o trabalho dele, pesquisar algumas referências e quais joias o estabelecimento fornece.

Além disso, note se o local está limpo e com materiais descartáveis e esterilizados. As agulhas utilizadas para perfurar, devem ser descartáveis!

A joia precisa ser trocada de tempo em tempo? Thabata explica que não! Algumas situações são exceção, por exemplo, as joias que têm pedras, em geral, elas tem um tempo de vida, então essa pedra precisa ser trocada.

Depende de organismo para organismo, sempre peço para os clientes voltarem e acompanhar os três primeiros meses da cicatrização!”, finaliza.

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Vivian Messias
Carregar mais em Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

O palco é delas: bauruenses provam que o lugar da mulher é tocando instrumentos!

Seja na guitarra, violão, contrabaixo, bateria ou piano, as mulheres já dominaram os instr…