Quando compramos um sorvete, nem imaginamos como ele é feito. Se pudéssemos acompanhar tal produção, a experiência, com certeza, seria outra! Pois aqui vai a novidade: dá para ver o sorvete sendo feito de pertinho, sim! E tem mais, você ainda pode montar do jeito que quiser.

Aqui em Bauru, na Rolls T. Sorveteria Tailandesa, o sorvete é preparado a poucos centímetros de distância dos clientes. Tudo, porque a produção é feita poucos minutos antes do consumo em uma chapa congelada.

A técnica, trazida da Tailândia, consiste em colocar uma massa líquida na chapa a uma temperatura muito baixa, misturar os ingredientes que dão o sabor ao sorvete e fazer os rolinhos! Além de ser um deleite para os olhos, o procedimento proporciona outro sabor e textura para o doce. A razão disso é o fato da massa de sorvete ser natural, feita à base de leite.

“Nós mesmos preparamos a massa e produzimos todos os dias. Além disso, não tem saborizantes ou corantes”, explica a sócia-proprietária da Rolls T., Michele Haddad dos Santos.

 

Fazendo o rolinho de sorvete

Se você leu a matéria até e já está com água na boca, prepare-se! O sorvete tailandês também é versátil e agrada todos os gostos, já que cada um pode personalizar o seu sabor. Assim, a Rolls T. oferece mais de 50 opções para incrementar o seu sorvete entre frutas, chocolates e caldas.

Para fazer o seu sorvete tailandês, basta escolher o tamanho, a base (creme ou chocolate), o recheio e, para finalizar, a cobertura!

 

Entre tantas opções é até difícil decidir qual a combinação perfeita, né? Por isso, eles criaram 20 receitas prontas para os bauruenses se deliciarem. Confira algumas:

  • Morango com Nutella;
  • Nozes com doce de leite;
  • Capuccino, Nutella e chantilly;
  • Diamante Negro e Ovomaltine;
  • Ninho com Nutella;
  • Jack Daniel’s;
  • Baileys.
A Rolls T. também oferece sorvete com bebidas alcoólicas

Direto da Tailândia

A ideia surgiu na Tailândia e veio parar aqui em Bauru com o empresário Leonardo Haddad dos Santos. “Eu viajei pra lá, foi o primeiro contato com o sorvete e fiquei apaixonado. É muito bom, o sabor é totalmente diferente e é outra experiência”, conta.

Foi o que bastou para o bauruense arrancar todas as dicas dos sorveteiros tailandeses. Algum tempo depois, sua irmã, Michele, revelou a vontade de empreender em uma doceria aqui na cidade, pois já tinha experiência com doces.

Pronto, estava dado o ponta-pé inicial para colocar a ideia em prática! Naquele momento os dois irmãos começavam a dar vida ao Rolls T., nome derivado de rolls, que significa rolos, e “T”, de tailandês.

 

O único problema era a chapa, fundamental para criar os rolinhos de sorvete. Apesar de serem vendidas no Brasil, os sócios não estavam satisfeitos com a qualidade delas. “A chapa tem uma temperatura certa e as daqui não são iguais da Tailândia. Então, meu cunhado, que é engenheiro elétrico, construiu a nossa chapa com o motor e o cabeamento certo, de acordo com o que eu vi lá fora”, esclarece Leonardo.

Inauguração aberta ao público

Depois de diversos testes, a Rolls T. Sorveteria Tailandesa está pronta para receber os clientes. A inauguração é aberta ao público e será nesta quarta-feira, dia 08 de maio, a partir das 19h.

Para o futuro, eles já têm planos de desenvolver sorvetes zero lactose e zero açúcar, mas “isso exige tempo”, diz Leonardo. Michele finaliza: “estamos esperando para fazer algo de qualidade. Por enquanto, esperamos oferecer um sabor diferente e um espaço aconchegante”.

publieditorial

Serviço

Rolls T. Sorveteria Tailandesa
Local: Avenida Nações Unidas, 33-44, loja 2
Horário de funcionameto: de segunda a sexta, das 12h às 23h, sábado e domingo, das 14h às 23h (terça-feira não abre)
Facebook: www.facebook.com/rollstbauru
Instagram: @rollstbauru

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Negócios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Bauru ganha restaurante com mais de 10 receitas exclusivas de churrasco no espeto

As noites em Bauru não serão mais as mesmas se depender do Poiá Espeto Gourmet. Diretament…