No próximo domingo, dia 12 de maio, o programa da TV Globo, Domingão do Faustão, estreia um novo quadro. O Dança de Grupo é uma competição entre oito grupos de dança que disputam o prêmio de R$ 100 mil reais.

Dos oito grupos classificados para participar, um é de Bauru! O Grupo Sigma conta com 13 dançarinos profissionais da Sigma Escola de Dança que se apresentarão no programa.

Para a bailarina e diretora da escola, Karen Teixeira, “Foi maravilhoso receber uma notícia como essa. Porque são tão poucas coisas, dentro da TV, que são voltadas para a dança. Ficamos muito felizes e estamos ansiosos por tudo”, conta.

Já para a dançarina do grupo, Isabela Brisola, a novidade foi surpreendente. “Ficamos muito felizes com a oportunidade. Recebemos isso como uma forma de reconhecimento do nosso trabalho”, conta.

Grupo Sigma com o convite para participar do programa

Bauruenses no programa “Dança de Grupo”

Cada grupo será apadrinhado por um ex-participante do quadro “Dança dos Famosos” e o grupo de Bauru tem, como madrinha, a apresentadora Sophia Abrahão!

Apesar de ter a dança urbana como estilo dominante, o Grupo Sigma terá que dançar diversos ritmos musicais. Para vencer a competição, os dançarinos contam com a ajuda dos bauruenses, pois as notas serão dadas pelo auditório e pelo público de casa.

“Estaremos representado toda a cidade em rede nacional, levando um pouco da nossa arte e do nosso amor pela dança!”, diz Isabela.

Dançarina há 20 anos, Isabela explica que dançar em uma emissora que atinge milhares de brasileiros é uma forma de valorizar a dança. Além de mostrar a importância de tal atividade.

Karen, com 39 anos de experiência na dança, complementa: “Espero que este programa seja algo para incentivar, cada vez mais, a arte com qualidade em nosso país. É ver o trabalho ser valorizado, reconhecido e apoiado.”

 

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

A primeira impressão é a que fica, os bauruenses são receptivos com os gringos?

Sempre damos mais valor à opinião dos outros do que às nossas, né? Pensando nisso, pergunt…