A pauta da violência doméstica está tomando cada vez mais força no Brasil. Isso, porque, segundo a pesquisa “Mulheres Brasileiras nos Espaços Público e Privado de 2010”, estima-se que cinco mulheres são espancadas a cada dois minutos.

Nos casos reportados de violência doméstica, o parceiro (marido, namorado ou ex) é o responsável em mais de 80%. 

Aqui em Bauru, dados coletados pela Polícia Civil, a cada dias, duas mulheres são vítimas de agressões.

Frente a essa realidade, o projeto bauruense Todas Por Uma, oferece, no dia 16 de maio, uma palestra sobre relacionamentos abusivos e a Lei Maria da Penha.

Vamos falar sobre a violência 

A palestra do dia 16 conta com a presença de Kim Medolago, ex-aluna de psicologia da Unip de Bauru. A bauruense foi premiada pelo trabalho “Lei Maria da Penha: Quais são meus direitos perante a justiça e qual a importância da Psicoterapia”, que conscientiza as pessoas contra a violência doméstica.

O evento acontece na Associação Comercial e Industrial de Bauru (ACIB), a partir das 19h. A entrada é gratuita, contudo, os organizadores pedem a doação de itens de higiene pessoal. Esses itens serão doados à Casa Abrigo para Vítimas de Violência.

Sobre a palestra, a advogada Natália Blattner, uma das criadoras do projeto Todos Por Uma, comenta:

“O objetivo é conscientizar e mostrar para as pessoas o que é um relacionamento abusivo, para que possamos evitar a violência doméstica. Além disso, explicar o funcionamento da Lei Maria da Penha e como uma mulher pode denunciar”, comenta.

Para ela, o conhecimento e a informação cria uma mulher empoderada, que saberá diferenciar um relacionamento abusivo e que denuncie. A palestra não é apenas para mulheres, homens também estão convidados a participar.

Todas Por Uma

O projeto Todas Por Uma começou em Bauru como uma iniciativa da advogada Natália Blattner.

Inspirado no projeto “Help-Me”, que une psicólogos e advogados do país inteiro para ajudar vítimas de violência doméstica com serviços voluntários, o Todas Por Uma nasceu para trazer visibilidade sobre o assunto para Bauru.

O Todas Por Uma funciona com uma equipe de psicólogas, advogadas, assistentes sociais e trabalhos de apoio. Tudo voluntário!

O objetivo é atender as vítimas de violência doméstica de Bauru e região. O projeto dá todo o apoio necessário às mulheres, fazendo uma triagem com as vítimas e dando apoio psicológico e jurídico à elas.

“Nosso projeto é muito importante para a sociedade, pois ajuda e conscientiza sobre a violência doméstica e evita que casos futuros venham a acontecer”, diz Natália.

Serviço

Palestra “Relacionamento abusivo e Maria da Penha” 

Data: 16 de maio

Horário: das 19h às 21h

Local: Rua Bandeirantes, 8-78

Evento gratuito

Mais informações: www.facebook.com/events/633275067146891

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Gabriela Gomes
Carregar mais em Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Você sabe o que os seus sonhos significam? Psicólogos de Bauru comentam sobre o assunto

Passamos cerca de 1h20 sonhando por noite e, durante esse período, muitas coisas podem aco…