O resultado para um bom treino vem de muito empenho e uma alimentação saudável. Mesmo assim, é normal que nosso corpo fique carente de vitaminas, proteínas e outras substâncias.

Os suplementos alimentares são substâncias que podem vir em forma de carboidrato, gordura, proteína, vitaminas e minerais. A função deles é completar algo que esteja em falta no nosso organismo.

Além disso, os suplementos também ajudam os atletas a melhorar o rendimento na hora do treino. Contudo, assim como os remédios, eles precisam de prescrição feita por um profissional na hora uso, pois podem causar complicações na saúde. 

É sobre isso que vamos falar! Os benefícios e malefícios do uso dos suplementos alimentares!

Um help para a saúde

Quando o assunto é nutrição, sabemos que uma boa alimentação pode trazer inúmeros benefícios para a nossa saúde. Para os atletas que buscam melhorar a performance, os suplementos se mostram um aliado!

Segundo a Profª. Me. Maria Grossi Machado, docente do curso de nutrição da USC (Universidade do Sagrado Coração), cada tipo de suplemento tem sua função.

Por exemplo, os suplementos de carboidratos dão energia ao atleta, já os de proteína, melhoram o tônus muscular.

“Os benefícios do uso de suplementos, normalmente, são a melhora da forma com que o atleta vai atuar. Quando tomamos o suplemento dentro das necessidades nutricionais, com certeza, a disposição e a forma de atuar no esporte vão melhorar”, explica a professora.

Os suplementos ainda podem ajudar no sistema imunológico, além de melhorar o sono.

Na hora do treino

Como já percebemos, os suplementos são uma verdadeira “mão na roda” para os atletas, mas é importante saber que nem todas as pessoas precisam deles.

É o que explica a Profa. Me. Marcela Gomez Alves da Silva, docente do curso de Educação Física da USC. 

Segundo ela, é necessário que as pessoas tenham precaução antes de fazer o uso dos suplementos, principalmente, para o treino. 

“Os suplementos não fazem milagres.  Deve-se pensar na execução dos exercícios de forma correta, na prescrição dos exercícios de forma individual, na velocidade de execução, nas intensidades do treino, na frequência de treino… Enfim, sendo tudo isso levado em consideração, a alimentação é essencial para que ocorra o processo de ganho de massa muscular e queima de gordura”, ela afirma.

Dayane Romão é fisiculturista de Bauru e usa os suplementos para trazer mais praticidade e melhor rendimento para os treinos. Porém, ela não abre mão de sempre manter o acompanhamento profissional para auxiliar com os suplementos.

“Utilizo mais suplementos vitamínicos e minerais pra sempre manter meu rendimento e saúde em dia! Vez ou outra uso Whey, pois é uma ótima fonte de proteína que atua na recuperação muscular e construção muscular. Mas a prioridade é sempre uma boa rotina de alimentação”, ela comenta.

É importante entender que os suplementos devem ser usados com ajuda de profissional, pois podem trazer prejuízos para a saúde a longo prazo.

Uso indevido

Segundo a nutricionista Maria Grossi, os suplementos não devem ser usado como hábito ou rotina. Ele é um elemento que vai compor o final da alimentação. Ela ainda comenta alguns malefícios que o uso indevido pode causar.

“Suplementos sem prescrição, em médio e longo prazo, podem causar problemas renais, problemas hepáticos, intestinais, alergias e intolerâncias”, ressalta a professora.

Além disso, muitas vezes, os resultados dados pelos suplementos podem ser conseguidos apenas com a alimentação. Por fim, a professora de educação física deixa algumas recomendações para quem pensa em usar esse tipo de suplementação.

“Deve-se pensar na real necessidade de suplementação. Pensar: ‘não existe em nenhum alimento isso que eu busco?’. Não é porque o colega toma, que também preciso tomar. Cada um necessita de uma coisa, cada um se alimenta e absorve esses nutrientes de uma forma. Não existe caminho mais curto, nem milagres. Tudo que precisamos para nos alimentar, a natureza já nos deu, não precisamos transformá-las em pó ou cápsulas”, finaliza.

Suplementos VS Anabolizantes

Provavelmente você já ouviu falar sobre esses dois produtos: anabolizantes e suplementos. Porém, nem sempre sabemos o que eles realmente são e quais as diferenças. 

Por isso, a professora Marcela explica:

suplementos alimentares
Infográfico: Canva/ Gabriela Gomes
Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Gabriela Gomes
Carregar mais em Saúde e Esportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Atleta de Bauru conta a experiência de ser convocada pela 3ª vez para a seleção brasileira de atletismo

Bauru carrega cada vez mais o nome do esporte brasileiro para todas as partes do mundo. Ag…