Bauruense celebra uma década de parceria com o pai, ourives há 60 anos

Poucas coisas são tão valiosas quanto os laços que construímos ao longo do tempo, especialmente quando se tratam de relações familiares. A bauruense Elaine Carina Batista Corrales viu essa relação com seu pai, Sr. Elias Batista, se estreitar ainda mais com o passar do tempo.

Principalmente, porque há 10 anos ela optou por atuar ao lado dele, que é ourives há mais de 60 anos. Juntos, eles comemoram uma parceria de muito sucesso na administração da loja Oficina das Joias.

Ficou curioso? Vem que nós explicamos mais sobre essa história!

Construindo novas lembranças 

De acordo com Elaine, sua relação com a joalheria e relojoaria vem desde o berço, já que seu pai atua no ramo desde sua infância. Porém, a paixão de Sr. Elias pelo ofício começou ainda antes de seus filhos nascerem.

Ele conta que soube que queria trabalhar na área com apenas oito anos e da forma mais inocente possível. Ao levar almoço para sua irmã, que trabalhava em uma casa de joias, via os outros com a mão na massa e encantou-se.

“Um certo dia, o dono da oficina perguntou se eu queria aprender a trabalhar, mas eu já sabia o que a turma estava fazendo de tanto ficar observando.  Eu fui mais que depressa e comecei a trabalhar. Assim, com 13 anos eu já fazia tudo”, relembra Sr. Elias.

Posteriormente, ele inaugurou sua própria loja em meados da década de 1970, na Vila Falcão e, em 1998, migrou para o Centro. Apesar de ter visto quase sua vida toda o pai trabalhar com joias, foi apenas após a administradora enfrentar uma demissão que surgiu a ideia de atuarem lado a lado.

“Eu vim passar um dia aqui com ele, e reparei que tinha um movimento bacana. No início, nem pensava em nada, mas vi a chance de fazer algo diferente”,conta Elaine. A partir disso, ela idealizou a ampliação do espaço para a comercialização de joias e semijoias.

Essa, conta Elaine, foi uma das maiores mudanças, já que a atuação inicial da loja, que chamava-se Relojoaria Eduardo em homenagem ao seu irmão, restringia-se a serviços relacionados à oficina, como conserto, confecção e prestação de serviços.

Empreendendo em família 

Porém, antes de ambos firmarem a parceria, alguns detalhes precisaram ser ajustados. Isso, porque Sr. Elias sempre geriu seu negócio sozinho e porque Elaine nunca havia empreendido. 

Ela conta que, apesar de graduada em administração de empresas, o processo foi totalmente desafiador. E, mesmo sem a vivência, ela rapidamente tomou a frente para conhecer mais sobre o mercado. 

Comecei a ir a feiras do assunto, fazer cursos, ir a palestras de empreendedorismo, e nós funcionamos assim. Eu ainda pesquiso bastante, vou às feiras, mas estamos em um eterno aprendizado”, explica Elaine. 

Além disso, ela conta que a sugestão de algumas mudanças ao seu pai não foi lá muito fácil, mas com o tempo deu certo. “Ele conseguiu ver que eu estava aqui para trabalhar e alavancar o que ele tinha conseguido”

Após pai e filha firmarem a parceria, eles empenharam-se em mudar e ampliar o espaço. Ademais, como Elaine precisava de ajuda para atuar em um novo ramo, Paulo, seu marido, a apoiou totalmente. O apoio foi tamanho que ele também passou a atuar na Oficina das Joias. 

“O Paulo foi aprendendo e hoje, na verdade, meu pai só assessora ele, porque é ele quem faz 95% da parte de relógio aqui. Mas ele também ajuda meu pai nas joias”, conta a administradora. 

Parceria de sucesso 

Este ano, a Oficina das Joias, que consolida o sucesso da parceria entre pai e filha, completa 10 anos. Atualmente, eles trabalham com joias em ouro e prata, semijoias  confecção de peças, manutenção e conserto.

Nossas semijoias vêm com garantia de fábrica, mas um diferencial nosso é que damos uma assistência para essas peças”, ressalta Elaine. Além disso, na área de prestação de serviço, eles realizam desde troca de pilha, troca de vidro, troca de pulseira, revisão geral, para relógios de todas as marcas e confecção, manutenção e reforma de joias. 

E, para comemorar os 10 anos da loja, no dia 9 de novembro, das 9h30 às 11h30, será realizado um café da manhã. O evento será aberto para todo o público e contará, graças ao apoio de parceiros, com sorteio de brindes. Além disso, em comemoração aos dez anos da loja, também está sendo realizado um sorteio de uma joia em ouro no Instagram da loja e você pode participar aqui neste link.

Ao refletir sobre a última década, Elaine considera-se, junto com toda a equipe, vitoriosa. “Eu cresci no centro, eu gosto do centro, aqui eu vejo que minha loja é diferenciada. Nós somamos muitos clientes e muitas parcerias nesses últimos dez anos”, pontua. 

Ademais, seus planos para o futuro são totalmente focados em ampliar e melhorar o espaço. E, para quem ainda não conhece a Oficina das Joias, Elaine é pontual:  “Quem não conhece tem que vir conhecer, porque nós somos uma oficina completa no ramo de joias e relógios”, finaliza.

publieditorial

Serviço

Loja Oficina das Joias
Local: R. Virgílio Malta, 3-53 – Centro
Telefone: (14) 3016-7628
Facebook: www.facebook.com/OficinaDasJoiasOJ/
Instagram: @oficinadasjoias

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Paula Borim
Carregar mais em Negócios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Empresário conta como se tornou o “dono das festas” na região de Bauru

Luz, som, imagens.. Todos esses itens, se bem utilizados, têm o poder de transformar um sa…