Apesar dos significativos avanços na sociedade, muitas vezes, não apenas mulheres, mas também homens, são afetados pela cultura machista. Para além do estereótipo que o termo carrega, é importante entender que ele é responsável por ações que vão desde o assédio a uma mulher, até a ridicularização de afeto entre homens, sejam eles heterossexuais ou não. 

Dessa forma, essas atitudes impactam negativamente na vida de todos. Porém, o que ocorre é que, muitas vezes, elas são naturalizadas. Assim, justamente por identificar que a maioria dessas ações vêm de homens, surgiu a iniciativa bauruense “Entre Eles”. 

Como o próprio nome sugere, o projeto consiste em uma roda de conversa entre homens onde comportamentos machistas serão discutidos. “Nosso objetivo com os encontros é, basicamente, refletir sobre o machismo, o feminismo, entender a diferença entre eles e rever nossos posicionamentos como homens na sociedade”, explica o mediador do diálogo, Marcelo Pinoti Roca. 

O primeiro encontro do grupo será realizado neste sábado, 11 de janeiro, às 17h na Casa Autoral. Nele, diversos temas e atitudes serão abordados e refletidos pelo grupo, olhando, principalmente, para seu impacto na sociedade.

Além disso, Marcelo, que também é jornalista e estudante de psicologia, acrescenta que a roda estará aberta exclusivamente para homens. Essa medida é pensada justamente para que se sintam à vontade para dialogar e se expressar livremente sobre o assunto que, muitas vezes, é tabu em conversas de bar.

Trazendo para Bauru 

A ideia de criar o grupo em Bauru surgiu a partir de outros eventos parecidos que têm ocorrido em cidades como Rio de Janeiro e São Paulo. Assim, a estilista e empreendedora bauruense, e também sócia-proprietária da Casa Autoral, Thaís Siqueira, inspirou-se nas iniciativas dos estados vizinhos para transpor a ideia para a cidade.  

“Já vinha buscando coisas do gênero para fazer na Casa Autoral. Então, postei a matéria no Facebook como uma forma de provocação para ver se as pessoas gostariam disso aqui na cidade. E não me surpreendeu: tanto homens como mulheres demonstraram apoio”, relembra a empreendedora. 

Dessa forma, Thaís decidiu ceder o espaço da Casa Autoral para a realização das rodas de conversa. No entanto, como manda a diretriz do “Entre Eles”, sem a participação de Thaís e sua sócia, Roberta nos encontros. 

“Como somos mulheres, não vamos participar justamente para deixar todos bem à vontade. Porém, fazemos questão de dar esse apoio para desconstruir essa cultura do machismo que prejudica tanto homens quanto mulheres, mas claro, principalmente nós, mulheres”, pontua a administradora.

Conteúdo das discussões

Felizmente, Thaís conta que houve interesse imediato por parte dos homens, assim que a notícia da roda veio à tona. 

“Muitos estão interessados e alguns já até comentaram que precisam convidar alguns amigos que são o ‘machismo em pessoa’ para, pelo menos, ouvir mais sobre o tema. Nem os homens estão aguentando ouvir e ver atitudes machistas por parte de outros homens. Isso é fantástico. Mulheres também estão repassando para seus amigos. Estamos felizes com a receptividade da ideia”, menciona

Inclusive, foi por meio da postagem em seu Facebook que conheceu Marcelo, que será o mediador das discussões. Sobre as expectativas e planos para o projeto, ele comenta: “Pretendo abordar temas do cotidiano e as atitudes machistas que estão presentes em nosso dia a dia. Além disso, como estaremos em um espaço ‘seguro’, digamos assim, será mais fácil abordar questões que muitos homens não têm a possibilidade ou a coragem de falar em outros espaços”. 

Por fim, é importante reconhecer a relevância de iniciativas como essa na cidade. Thaís frisa a seriedade em desconstruir qualquer cultura que prejudique a nossa liberdade como seres humanos. 

“O machismo é uma dessas culturas nocivas. Uma dessas culturas que mata, amordaça e corrói a sociedade. Uma cultura que quer dizer o que uma mulher pode ou não fazer, deve ou não deve fazer, onde pode e onde não pode chegar. E perceba, ao falar o que uma mulher deve ou não fazer, essa cultura também fala o que um homem deve ser ou não ser, fazer ou não fazer. É algo que interfere na liberdade de todos os gêneros”, finaliza

A roda de conversa “Entre Eles” é um evento gratuito e a expectativa é que sejam feitos, em média, dois encontros por mês. Não é necessária inscrição prévia para participar. E, para ficar de olho nas movimentações do próximo encontro, é só acessar o evento no Facebook aqui neste link.

Serviço 

Encontro “Entre Eles”
Data: 11 de janeiro, às 17h
Local: Casa Autoral (Avenida Nossa Senhora de Fátima, 11-53, Jd. América)
Telefone: (14) 98207-2002 com Thaís ou (17) 99142-4224 com Marcelo
Facebook: www.facebook.com/casaautoral
Instagram: @casa.autoral

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Paula Borim
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Live Rock Solidário arrecadará fundos para três iniciativas da região

Como sabemos, a crise causada pelo novo coronavírus tem afetado duramente a economia do pa…