Se você pensa em videogame e já pensa em entretenimento, saiba que hoje, com a evolução dos consoles, é possível usá-los de forma educacional e até mesmo em benefício à saúde.

Em 2006, a empresa japonesa Nintendo lançava no mercado o Wii, o primeiro console da história com sensor de movimento. Nisso, os jogos de esportes, de exercícios e até mesmo de dança se tornaram um sucesso.

De lá para cá, outras empresas apostaram nesse nicho, como a Sony e a Microsoft, lançando seus próprios videogames com sensor de movimento. Até a realidade virtual entrou nessa brincadeira!

Além de divertidos, os videogames fitness são uma forma mais prática de se fazer uma atividade. Afinal, é só ligar a televisão e começar a se exercitar na sala da sua casa.

Contudo, esse tipo de exercício é mesmo eficiente?

Uma tendência viável

A tecnologia trazida pelos games é uma grande tendência para a atividade física, é o que afirma o personal Fernando Antunes de Bauru. “Por isso, acredito que seja uma opção válida para iniciar novos hábitos”, afirma.

É isso aí. Para você que não curte muito exercícios físicos, o videogame pode ser uma porta de entrada para uma vida mais ativa. É possível até queimar algumas boas calorias dançando no Just Dance.

Ainda assim, se o objetivo é emagrecer ou ganhar massa muscular, não será nos consoles que você vai conseguir.

Segundo a personal Angélica Carvalho, de Bauru, o nosso corpo precisa de novos desafios. Além disso, depois de um tempo sempre fazendo os mesmos movimento, o metabolismo se acostuma e diminui o gasto calórico daquela atividade.

“Pela experiência de 10 anos que tenho neste mercado de treinamento, um jogo fitness jamais substituirá um treinamento convencional que normalmente é preparado direcionado para as necessidades e objetivos do indivíduo. Mas, ainda assim, qualquer tipo de atividade física é melhor do que nenhuma”, ela completa.

De olho para não se machucar

Seja dançando ou jogando boliche, os videogames fitness podem melhorar a condição física de quem o pratica. É possível conquistar mais energia e disposição para o dia a dia, além de melhorar o humor.

“Os exercícios melhoram o condicionamento cardiorrespiratório, a mobilidade, agilidade, equilíbrio e também estimulam a liberação de hormônios importantes como o do bemestar”, afirma Angélica.

Mas fique de olho! Por ser uma atividade que não conta com a presença de um profissional, é importante ficar ligado nos movimentos e na postura que está fazendo. Mesmo sendo exercícios mais leves, os videogames fitness podem causar lesões.

“A execução de movimentos de forma inadequada repetitivamente pode ocasionar lesões graves, por isso uma dica importante para quem está começando, ou pretende começar, é aprender a escutar o seu corpo e respeitar os limites dele”, indica Fernando.

Dicas para começar da forma certa

A atividade física mais eficiente? Aquela que te faz ter prazer, se sentir bem, se sentir feliz. O importante é não ficar parado! Por isso, confira algumas dicas para usar os videogames fitness de forma saudável.

videogames fitness

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Gabriela Gomes
Carregar mais em Saúde e Esportes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Dia do Desafio, inciativa de combate ao sedentarismo, será realizado em novos moldes este ano

A pandemia do novo coronavírus apresentou um desafio extra aos participantes do Dia do Des…