O home office ou trabalho remoto tem sido uma das alternativas que as empresas estão colocando em prática para respeitar o período de quarentena necessário nesse momento.

A medida é uma forma de continuar trabalhando e, ao mesmo tempo ficar em casa, evitando assim o contágio pelo SARS-CoV- 2, o novo coronavírus.

Entretanto, como toda mudança de rotina, o home office pode trazer dificuldades de adaptação para as pessoas que estavam acostumadas a frequentar um ambiente de trabalho separado do de casa.

Por isso, para dar dicas e ajudar os ingressantes no home office, conversamos com alguns bauruenses que entendem do assunto.

1. Separe um local para trabalhar

Ficar em casa remete a descanso e isso pode ser um problema durante a realização de um trabalho em modalidade remota.

Para isso, a dica de Mariana Sanches Rubini, que atua como Consultora de Comunicação em home office há um ano e meio, é ter um espaço próprio para trabalhar dentro da sua residência.

É importante separar um lugar confortável para ficar enquanto trabalha, de preferência com uma mesa e uma cadeira. Fazendo isso, você já separa o espaço de trabalho do de descanso. Às vezes as pessoas não têm um local assim, fazendo necessário que adaptem a sua realidade”, diz.

2.Como se concentrar

Se concentrar ao trabalhar em casa foi uma das maiores dificuldades encontradas por Antonio Renato Apolinário. O profissional de Tecnologia da Informação e sócio criador do Grupo Tesseract, tem contato com o home office há cinco anos e explica que pode ser difícil manter o foco nesse novo ambiente.

Nesse sentido, ele salienta que separar o horário de expediente de todo o resto é importante, já que em casa não temos aquela troca de ambientes que nos coloca no “modo trabalho”.

Dessa forma, para manter uma boa produtividade é essencial se distanciar de qualquer tipo de distração. Assim, procure ficar longe do celular, televisão e outros equipamentos que possam atrair sua atenção.

Além disso, se você mora com outras pessoas é bom conversar com elas para evitar interrupções.

As interrupções são uma das coisas que podem te atrapalhar. A melhor maneira para resolver é conversar bastante com as pessoas que convivem com você, para que elas entendam que durante certos períodos você não está disponível, apesar de estar em casa”, recomenda Antonio.

3. Mantenha uma rotina

Criadora do Coletivo Boitatá, com seu amigo Thomas Musman, a designer Caroline Apolinário trabalha com a modalidade home office há três anos. Desde o começo, ela conta que uma de suas maiores dificuldades foi criar uma rotina de trabalho.

Percebi que tinha muita liberdade para criar meus horários, trabalhar de madrugada e assim por diante, porém, depois de um tempinho trabalhando sem rotina, comecei a perceber que liberdade demais pode deixar a gente meio doida também”.

Para lidar com isso, a designer relata que teve que criar um planejamento onde consiga trabalhar e também deixar espaços de tempo livres para fazer as atividades que gosta.

Toda semana faço um cronograma do que tenho que fazer e tento entender quais são os momentos que estou mais produtiva. Mas cada um tem seu jeito de se organizar, pode ser com uma agenda física, online, pode ser diário, semanal, mensal. O importante é entender o que você precisa fazer para elencar as prioridades” , explica.

4. Respeite seus limites

Outro conselho importante é respeitar seus limites. Não adianta fazer uma lista de afazeres impossível de cumprir, certo?

A gente tem a tendência de cobrar uma produtividade fora do normal quando está em casa, porque em tese você está ‘num lugar confortável e de pijamas’. O que poderia ser mais fácil do que produzir num ambiente assim? Porém, não é bem assim. É muito difícil manter o foco, além de que cada um tem o seu tempo e precisa respeitar seus limites”, alerta Mariana.

Além disso, atente-se ao seu corpo. Não deixe que o trabalho faça com que você pare de priorizar suas necessidades básicas. Em relação a isso, a consultora indica que o ideal é respeitar seus momentos de produtividade e realizar pausas durante o horário de trabalho.

Nesse sentido, a técnica Pomodoro pode ser interessante para gerenciar o tempo, pois propõe a divisão do trabalho em períodos de 25 minutos alternados por pequenas pausas.

5. Algumas ferramentas podem te ajudar

Além de artigos sobre organização e disciplina, alguns aplicativos podem ser bem úteis para quem está começando a fazer home office.

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Anne Hernandes
Carregar mais em Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Como realmente funciona a previsão do tempo? Entenda!

Você já parou para pensar como realmente funciona a previsão do tempo? Muito vezes, preocu…