Se existe algo que podemos fazer para combater o novo coronavírus, é ficar em casa e incentivar as pessoas que podem a ficarem também. Por isso, um grupo de influenciadores digitais de Bauru decidiram se unir e fazer uma campanha pela vida e contra as fake news.

Além disso, o intuito dos 22 bauruenses que estão participando é levar mensagens de positividade em meio a um momento de medo, incertezas e isolamento social. A campanha #ficaemcasabauru começou na tarde desta quinta-feira (26) nos stories dos influenciadores, criando uma rede de apoio e conscientização. Todo conteúdo publicado é baseado em dados oficiais do Ministério da Saúde.

“Hoje as redes sociais nos permitem essa conexão. Por isso, pensamos em unir forças e fazer uma grande corrente positiva para ajudar as pessoas a passarem por essa fase de uma maneira mais leve e mantendo o foco e a serenidade”, explica a jornalista Rose Araujo, criadora da campanha.

Quem aderiu ao #fiqueemcasabauru foi o chef Fernandinho, que viu na campanha uma forma de estar próximo das pessoas, mesmo estando longe. “A campanha é importante para disseminar informações verdadeiras em um momento de muitas incertezas e dificuldades. Muita gente se aproveita para espalhar fake news e criar intrigas políticas, nosso apoio vem para amenizar isso. Que nessa hora a opinião tem que ficar de lado, o que temos que levar em consideração são a medicina e a ciência. Incentivar quem pode ficar em casa, em ficar em casa e sair somente para o essencial. Enfim, criar uma rede de apoio com boas informações e amor uns com os outros!”, afirma.

O publicitário Jhon Martins, também idealizador do projeto, ainda salienta: “Vamos incentivar as pessoas a adotarem uma postura positiva, salientando a importância de permanecer em casa e, quando não for possível, mostrando como se prevenir de maneira segura em lugares públicos.”

Confira quem está participando do #ficaemcasabauru: @soujho, @kamilamakes, @tipsbyanabia, @chef.fernandinho, @brunanovelli, @felipetellis, @jotavearaujo, @brunasalto, @fabiolevine, @robpinatti, @diogozanata, @amandacarvalhoyoga, @grasi_francisco, @comcdecamila, @socialbauru, @flaviasouza_al, @obajuliana, @gu_barreto, @marcelobuenoj, @camilaravanelli, @giselecarneirosexcoach, @tathypires.

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Comportamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Dia do Abraço: conheça outras formas de se abraçar respeitando o distanciamento social

Apesar de ter sido criada em 2004, pelo australiano Juan Mann, a campanha “Free Hugs…