O projeto Integra Vidas surgiu a partir da crise gerada pela pandemia do novo coronavírus. O grupo iniciou os trabalhos há três semanas e tem o objetivo de auxiliar na confecção de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) para área da saúde, visto as dificuldades que o setor vem encontrando em adquirir os materiais frente a demanda dos serviços para atuar no enfrentamento da Covid-19.

O grupo é composto por profissionais de diversos setores e cidades da região e buscam coordenar os trabalhos voluntários que estão ocorrendo, não somente em Bauru mas em toda a região, sendo formado por 15 voluntários. Assim, 0 objetivo do grupo é articular e organizar a atuação de profissionais cadastrados no projeto, entre eles 35 costureiras com a missão de realizar os cortes e costuras de aventais de segurança que serão utilizados pelos profissionais de saúde.

Atualmente o grupo já está realizando os cortes e costuras de aventais descartáveis para a Secretaria Municipal de Saúde de Bauru, que adquiriu o material TNT, linhas e elástico para a execução dos serviços. Porém destaca que possuem profissionais cadastrados para atuar também nos municípios da região, aguardando apenas o contato das órgãos ou instituições que necessitam do auxílio.

Ajude o Integra Vidas

O grupo atua em duas frentes de trabalho, uma equipe realiza o corte e outra atua na costura e arremate dos aventais. Este material é distribuído às costureiras que trabalham em suas próprias residências de forma voluntária.

Sendo assim, projeto destaca que procuram profissionais que possam ajudar no trabalho de confecção dos aventais. Bem como, empresas que ajudem no corte dos rolos de TNT e para passar o elástico no punho dos aventais.

Além disso, também pode ser doado: linhas comum e do tipo overloc, elásticos jaraguá de 7 mm e TNT gramatura acima de 40mm.

O projeto Integra Vidas tem a coordenação geral do Dr. Rafael Arruda e Juliana Mistroni Ramos. Interessados em saber mais sobre o projeto podem contatar as redes sociais: Facebook /projetointegravidas e Instagram @projetointegravidas.

Para doadores ou costureiras que se interessem em contribuir, também podem acessar as redes sociais ou entrar em contado pelo telefone (14) 98154-8154 (Juliana).

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Microempreendedor de Bauru: conheça dois cursos gratuitos com inscrições abertas

Começar um novo negócio tem sido uma alternativa para muitos bauruenses durante a pandemia…