Amargo, ao leite, branco e até rosa. Para acompanhar momentos bons e confortar em outros nem tanto, o chocolate é extremamente amado pelos brasileiros.

Inclusive, de acordo com ABICAB (Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados), em 2016, os brasileiros foram o quarto maior consumidor de chocolate do mundo.

Assim, como forma de celebrar esse doce tão amado, é comemorado nesta terça- feira, 7 de julho, o Dia Mundial do Chocolate. A celebração marca a introdução do chocolate na Europa, por volta do século XV. 

Curiosidades sobre o chocolate 

Como bons amantes de chocolate, sabemos que é quase impossível se restringir a apenas um pedacinho. No entanto, o equilíbrio é a chave para quem ama o doce viver bem, principalmente quando se trata de saúde. 

Além disso, consumir pequenas porções de chocolate amargo pode até trazer benefícios para o organismo. Uma pesquisa feita na University of L’Aquila, na Itália, mostrou que essa versão do doce pode melhorar a atenção, velocidade de pensamento, memória de trabalho e fluência verbal.

Sendo assim, que tal neste momento em que estamos passando mais tempo em casa, investir nos dotes culinários? Reunimos cinco receitas envolvendo muito chocolate e convidamos os influenciadores e chefs de cozinha bauruenses, Fernandinho e Ana Bia, para darem dicas para quem ainda não sabe por onde começar. Confira:

1. Cookies com gotas de chocolate

A preparação desse doce é mais fácil do que parece e rende cerca de 20 cookies. O ideal, para que o cookie fique bem sequinho, é que após preparada, a massa fique reservada na geladeira entre 12 e 24 horas. Receita retirada do site Eu como sim.

Ingredientes 

  • 200 g de manteiga sem sal (em temperatura ambiente);
  • 120 g de açúcar branco granulado;
  • 140 g de açúcar mascavo;
  • 2 ovos grandes;
  • 1 1/2 colheres de chá de extrato de baunilha;
  • 295 g de farinha de trigo;
  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio;
  • 1/2 colher de chá de sal;
  • 270 g de gotas/raspas de chocolate meio amargo;
  • 100 g gramas de nozes ou pecans picadas opcional;

Preparo

Bata a manteiga até ficar cremosa e adicione o açúcar branco e o mascavo. Bata até ficar fofo (aproximadamente dois minutos). Junte os ovos, um de cada vez, certificando-se de bater e misturá-los bem após cada adição. 

Adicione a baunilha e bata até incorporar. Raspe as laterais da tigela quando necessário para ter uma mistura homogênea. Em outra tigela, misture a farinha, o bicarbonato e o sal. Adicione os ingredientes secos à mistura da manteiga e bata apenas até incorporar. 

À mão, acrescente as gotas de chocolate e nozes e misture suavemente. Leve à geladeira e deixe descansar por no mínimo 2 horas (se aguentar, deixe para assar somente no dia seguinte).

Com uma colher de sorvete, faça bolinhas e organize nas assadeiras preparadas, deixando um espaço para eles crescerem. Asse por cerca de 12-15 minutos, ou até dourar nas bordas. Deixe esfriar completamente sobre uma grelha. 

2. Drink de creme de avelã com cacau

Essa receita é para quem ama uma mistura de chocolate com álcool. Sendo assim, é indicada apenas para maiores de 18 anos. 

Ingredientes

  • 1 colher sopa de cacau;
  • 3 doses de cachaça;
  • 2 doses de licor de chocolate;
  • 200ml de leite;
  • 2 colheres sopa de creme de avelã com cacau;

3. Chocolate quente 

Para aproveitar os dias mais frios que o inverno bauruense tem proporcionado, nada melhor que um chocolate quente. Aqui vai uma receita que garante a versão mais cremosa da bebida. 

closeup hot chocolate in white mug (shallow depth of field)

Ingredientes:

  • 2 xícaras (chá) de leite;
  • 1 colher (sopa) de amido de milho;
  • 3 colheres (sopa) de chocolate em pó;
  • 4 colheres (sopa) de açúcar;
  • 1 canela em pau;
  • 1 caixinha de creme de leite;

Preparo

Em um liquidificador, bata o leite, o amido de milho, o chocolate em pó e o açúcar. Despeje a mistura em uma panela com a canela e leve ao fogo baixo, mexendo sempre até ferver. Desligue, adicione o creme de leite e mexa bem até obter uma mistura homogênea. Retire a canela e sirva quente.

4. Brigadeiro – receita de Ana Beatriz (@tipsbyanabia)

A chef bauruense, que declara-se uma chocólatra assumida, conta que apesar de difícil escolher, sua receita preferida é o tradicional brigadeiro. 

Sou absurdamente apaixonada por essa receita feita com chocolate em barra. Admiro a textura, o processo em que é feito, porque é algo que tem uns segredinhos. Difícil mensurar o quanto um brigadeiro bem feito pode me alegrar! Amo”, acrescenta a chef. 

Ingredientes:

  • 1 lata de leite condensado;
  • 1/2 caixinha de creme de leite;
  • 1 colher sopa de manteiga;
  • 150g chocolate ao leite ou meio amargo ou 1/2 dos dois;

Preparo 

Levar uma panela com fundo grosso em fogo baixo, adicionar todos os ingredientes e não parar de mexer até desgrudar no fundo. 

Dicas sobre chocolate

Além da receita, Ana também pontua a importância de ficar de olho na temperatura do chocolate. “[Ele] é um ingrediente super sensível e cada tipo tem uma temperatura máxima que pode atingir. É preciso prestar atenção no modo de preparo para não comprometer a textura e o brilho na receita. Além disso, também é importante tomar cuidado com água e chocolate! Uma gotinha de água em chocolate derretido pode comprometer toda a sua receita”, pontua. 

Para quem ainda teme se arriscar, a chef recomenda uma receita de brownie, que é fácil e rápida. “Brownie é uma receita que eu sou apaixonada. Chocolate derretido com manteiga, açúcar, pouca farinha e ovos formam uma baita combinação. Seja com creme de avelã, sorvete, gotas de chocolate, nozes! Usem a criatividade”, finaliza. 

5. Bolo de chocolate – receita do Chef Fernandinho (@chef.fernandinho)

O chef Fernandinho tem como receitas favoritas o brownie, brigadeiro e bolo de chocolate. Este último, ele considera a mais fácil e compartilha conosco a forma de fazer. 

Ingredientes

  • 2 ovos;
  • 1 xícara (chá) de açúcar;
  • ½ xícara (chá) de óleo;
  • 1 xícara (chá) de água morna;
  • 1 e ½ xícara (chá) de farinha de trigo;
  • ½ xícara (chá) de chocolate em pó;
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó químico;
  • 1 pitada de bicarbonato de sódio em pó;
  • 1 pitada de sal;

Cobertura:

  • 1 lata de leite condensado;
  • 1 colher (sopa) de manteiga;
  • 3 colheres (sopa) de chocolate em pó;
  • 1 colher (sopa) de mel;
  • 1/2 caixa de creme de leite;
  • Margarina e farinha de trigo para untar;

Preparo 

Em uma tigela, misture os ovos, o açúcar, o óleo e a água morna até ficar homogêneo. Junte a farinha, o chocolate em pó, o fermento, o bicarbonato e o sal, e misture bem. Despeje em uma forma de buraco no meio média untada e enfarinhada e leve ao forno médio, preaquecido, por 30 minutos ou até firmar. 

Enquanto o bolo assa, coloque em uma panela o leite condensado, a manteiga, o chocolate em pó e o mel. Misture bem e leve ao fogo médio, mexendo sempre até engrossar. Desligue e misture com o creme de leite. Retire, deixe esfriar e desenforme. Regue o bolo com a cobertura e sirva em seguida. 

Dicas sobre chocolate

Entre as dicas para trabalhar com chocolate, Fernandinho destaca três principais: 

Dica 1: sempre leia a lista de ingredientes, pois isso vai determinar o quanto de cacau tem no produto. Por exemplo, um achocolatado tem cerca de 20% de cacau, diferente do chocolate em pó que vai ter mais de 40%;

Dica 2: prestar atenção também nas barras de chocolate que for comprar, pois além das diferenças entre branco, ao leite, meio amargo e amargo tem os tipos:

  • “nobre” ou “chocolate verdadeiro” que leva na sua composição uma maior quantidade de manteiga de cacau. E por isso são chocolates mais gostosos, mais puros e com mais qualidade.
  • o “fracionado” onde parte da quantidade de manteiga de cacau é substituída por gordura vegetal o que diminui também o seu sabor. E não pode ser considerado chocolate, passa a se chamar “cobertura” pela quantidade de manteiga de cacau presente no produto. São geralmente usados para fazer bombons.
  • o “hidrogenado” quem tem, em alguns casos, a substituição total da manteiga de cacau por outro tipo de gordura. São produtos com pouco sabor e que deixam um sabor oleoso na boca. E também não podem ser considerados chocolates.

Dica 3: Chocolate e água não combinam, por isso sempre se certificar que os objetos e utensílios usados no preparo estão secos. Pois a água em contato com o chocolate pode granular a receita e perder todo o ingrediente.

E aí, qual dessas receitas você colocará em prática?

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Paula Borim
Carregar mais em Gastronomia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Bauru Solidário: Bar da Rosa faz ação em prol do Projeto Colmeia

Bauru completa 124 anos neste sábado (1) e nada mais significativo do que comemorar a data…