Amante de videogame desde criança, Daniel Fagundes de Noronha sempre encontrou diversão em inúmeros jogos. Um dos que marcaram a infância do bauruense foi o Goof Troop, desenvolvido pela Capcom e lançado em 1993. Misturando ação, aventura e quebra-cabeça, o jogo ainda coloca os famosos personagens da Disney, Pateta e Max, como avatares.

O game marcou tanto Daniel a ponto dele aspirar desenvolver um jogo baseado em Goof Troop. “Não existe uma continuação, um Goof Troop 2, ou um sucessor, nada que se pareça com ele. Então pensei em fazer um jogo com quebra-cabeças”, conta.

Assim surgiu o Blockicker, que envolve pensamento lógico, ação e aventura. Junto com o parceiro Gabriel Noronha, Daniel levou cerca de um ano para desenvolver o jogo, que foi lançado em junho deste ano. Atualmente, o game está disponível para computadores pela plataforma Steam e custa R$4,99.

Sobre o desenvolvimento de Blockicker, Daniel revela: “Foi um ano, desde a ideia até o lançamento. Fiz um esboço das fases e depois fui para o final do jogo, além de fazer o mapa. Depois voltei para as fases, dando polimento ao quebra-cabeça, pois alguns estavam muito fáceis, outros mais difíceis, e alguns não eram tão lógicos. Então essa parte foi a que demorou mais.”

Como jogar Blockicker?

De forma resumida, Blockicker é sobre um menino que cai em uma caverna contendo muitos quebra-cabeças de blocos. Para sair dela, é preciso resolvê-los! A diferença deste para muitos outros jogos é que, no Blockicker, o herói precisa chutar blocos de várias formas, assim, a dificuldade do jogo aumenta a cada nível.

Com classificação livre, para jogar Blockicker é necessário fazer o download da plataforma Steam no computador. Após feito a instalação do programa, basta abrir, procurar pelo nome e jogar.

A história de Daniel com os jogos

Além de Blockicker, Daniel já conta com alguns outros jogos em seu portfólio. Entre eles estão o Ballon Split e o Dimetri, lançados pela Drink Cash, empresa própria em sociedade com Bruno Felipe. Ainda, ele revela que já está desenvolvendo o próximo game, chamado Mystikid.

Mesmo formado em design pela Unesp-Bauru, Daniel conta que teve o primeiro contato com jogos durante um estágio, em 2011. “Quando eu entrei na empresa Mstech, ela fazia jogos educativos na época”, relembra. Portanto, foi na prática que ele aprendeu a desenvolver os jogos e já são quatro anos trabalhando na área.

Além dos autorais, ele também desenvolve games para clientes de diversos países como Inglaterra e México. “A maioria das coisas que aprendi foi testando, experimentando e vendo tutoriais. Assim, eu também desenvolvi os jogos ‘Milford Heaven’ e ‘Popixel’, os dois estão na Steam”, finaliza Daniel.

publieditorial

Serviço
Para jogar Blockicker: store.steampowered.com/Blockicker
Conheça o Drink Cash Games: @drinkcashgames

Compartilhe!
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Programação do 4° Filma Bauru reúne filmes produzidos em cerca de 30 cidades

Saiu a programação completa do 4° Filma Bauru – Festival de Cinema do Interior! Grat…