Até janeiro de 2020, André Luiz Dantas trabalhava no escritório de contabilidade e direito do pai em Birigui, e vinha a Bauru nos finais de semana para encontrar a noiva Carol, que faz residência em Pediatria na maternidade Santa Isabel. Doze meses depois, ele está abrindo a segunda loja da sorveteria Frutydellys aqui e declara amor pela cidade. “Eu me sinto acolhido por Bauru. Eu não saio daqui nunca mais, não saio. Sou apaixonado pela cidade. Que lugar incrível”.

Essa história começa na decisão de sair de Birigui após uma conversa com a noiva, na qual eles resolveram morar juntos. Além disso, ele atuava ao lado do pai desde os 15 anos, e já estava cansado da rotina por lá. Nesse momento, Bauru tornou-se o destino da nova vida de André.

Definido o local, faltava descobrir o que fazer na cidade. A ideia era abrir um negócio – pela vontade de ser o próprio chefe e de ter a liberdade de tomar decisões – na área de gastronomia, assunto que admira desde criança, quando acompanhava a avó fazendo doces.

Para chegar na escolha da sorveteria, o principal fator foi emocional. André era cliente antigo da Frutydellys, marca criada em 1999 em Birigui, e sempre adorou tomar sorvete lá. “É muito saboroso, não tem aqueles gelos que outras marcas costumam ter”, comenta. 

Então, procurou o criador da rede de lojas e conseguiu fechar uma parceria para ser o dono da marca em Bauru. Com isso, garantiu uma das condições que ele tinha para empreender: autonomia para implantar as próprias ideias, como os pratos, sabores e aspectos da decoração que ele já introduziu na loja.

Agora, André reflete que tomou a decisão certa ao vir para Bauru. “Eu prefiro ficar o dia inteiro aqui na sorveteria, do que o tempo que ficava no escritório. Sabe quando você faz alguma coisa só por necessidade? Era isso. Agora eu trabalho porque eu gosto. Hoje posso falar que amo o que eu faço”, garante.

2ª unidade da sorveteria em menos de um ano

E pelo jeito, o gosto por administrar a Frutydellys ajudou a marca crescer rapidamente na cidade. Após abrir a primeira loja em abril, na Av. Nações Unidas, o empresário inaugurou em menos de um ano a segunda unidade da sorveteria, na Av. Getúlio Vargas.

Nesse período, os primeiros cinco meses foram fechados, devido à pandemia, funcionando somente por entregas. Os outros quatro, quando pôde reabrir a loja, André reforçou as ações na rede social. Uma decisão que mudou a história da sorveteria.

Não dei conta. Em uma sexta-feira à tarde, liguei para minha mãe para pedir ajuda. Eu não tinha funcionários, e ficava aqui das 12h às 22h, recebendo o público, fazendo entregas, despachando para o iFood, fazia de tudo. Deu um boom e eu não tive para onde correr, tive que pedir ajuda. Falei ‘mãe, me socorre’. Aí ela veio de Birigui e me ajudou”, conta André. 

Atualmente, a sorveteria tem duas funcionárias na primeira unidade, e já pensa no futuro. Além de novas lojas, ele também planeja fazer parcerias com restaurantes para disponibilizar o sorvete da Frutydellys. 

Para o empresário, esse sucesso rápido foi garantido pelo sabor. “Nosso sorvete é todo trabalhado artesanalmente, feito à base italiana. É mais cremoso, leve e aerado, o que deixa mais saboroso. Além disso, os ingredientes são de primeira qualidade, tanto de frutas, quanto dos outros sabores. O Ovomaltine é Ovomaltine, e a Nutella é Nutella”.

Massa, picolés e taças

Atualmente, a marca Frutydellys tem mais de 100 lojas espalhadas em cerca de 70 cidades de São Paulo, além de uma em Vitória, capital do Espírito Santo. No Paraná, a primeira unidade deve abrir ainda este ano em Londrina.

Em Bauru, as duas lojas do André, que contam com 48 sabores de sorvete de massa, dos tradicionais, como morango, chocolate e flocos, aos mais específicos, como jaboticaba, churros, Ferrero Rocher, Kit Kat, Lacta e ninho trufado. O quilo custa R$ 48,90.

Além do self service, a loja também oferece paletas mexicanas, taças de sorvete, de diferentes composições, e pratos como o Hula-Hula, que serve meio quilo de sorvete dentro de um abacaxi.

O destaque da marca são os picolés, com 25 opções variando de R$ 2,50 a R$ 6. Os sabores vão dos de frutas, como abacaxi, limão e maracujá, e de leite, como amendoim, coco queimado e milho verde, aos premiums, como trufa de avelã e cookies de chocolate. 

Segundo André, os campeões de venda são o de Ovomaltine, em primeiro, seguido do de Kinder Bueno e do de Nutella. “Às vezes, tem gente que mesmo vindo tomar o de massa ou a taça, acaba passando pelo freezer e levando vários picolés”, comenta.

Como surgiu a cobertura de guarda-chuvas

Mas além da qualidade e da variedade de sabores, outro motivo contribui para o crescimento da marca aqui na cidade. Basta procurar a Frutydellys marcada no Instagram para saber o ponto favorito dos bauruenses na loja: a decoração dos guarda-chuvas, que cobre a área externa e garante um colorido ao espaço.

A ideia começou com a construção do deck, uma forma de aproveitar o espaço desnivelado na primeira loja. Para compor a área foi feita uma cobertura de guarda-chuvas de diferentes cores, inspirada em uma rua em Campos do Jordão.

De início, eles chegaram a pensar em preencher a loja inteira com esse estilo, mas imaginaram que poderia ficar exagerado. Portanto, decidiram que o colorido seria uma combinação com o deck.

E ficou show! Virou a marca registrada da Frutydellys em Bauru, e, por isso, colocamos na nossa nova unidade. Entre as lojas da rede, só tem aqui. Agora que outras cidades estão aderindo à nossa ideia”, comenta André.

Foi uma forma de atrair os clientes, mas confiando no sabor para garantir que esse tenha sido apenas o primeiro ano de sucesso da sorveteria aqui na cidade. “As pessoas estão vindo por causa do guarda-chuva, mas voltam por causa do sorvete”, brinca André.

publieditorial

Serviço
Frutydellys
Endereço: Rua São Gonçalo, 1-38 | Av. Getúlio Vargas, 21-12
Horário de funcionamento: Todos os dias, das 13h às 21h (de segunda a quinta) e das 12h às 23h (de sexta a domingo).
WhatsApp: (14) 98207-0062
Instagram: @frutydellysbauru/
Facebook: /frutydellysbauru

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Raphael Bonini
Carregar mais em Gastronomia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

10 Pastéis chega em Bauru com três tipos de massas, sabores gourmets e opções a partir de R$ 7

Se você clicou e veio ler essa matéria, é porque gosta de pastel. Ou talvez ficou impressi…