Durante a atual pandemia, muita coisa mudou em nossas vidas. Nós mudamos! Uns para melhor, outros para pior…
Mas, o mais importante foram as adaptações e reflexões proporcionadas pelo isolamento social. Oportunidade de aprender e crescer como pessoas.

Agora, com a chegada das vacinas é tempo de expectativa, sem nos esquecermos que as máscaras e o álcool em gel ainda vão continuar sendo nossos companheiros por um bom tempo. Por isso, vamos enxergar nesse novo ciclo apenas “sementes boas”.

Cada escolha, por menor que seja, é uma forma de semente que a gente joga no canteiro da nossa vida. As escolhas que você procura, os amigos que você cultiva, os valores que você carrega, os amores que você ama, enfim, tudo será determinante para a sua colheita.

Segundo o padre Fábio de Melo, Felicidade talvez seja isso: alegria de recolher da terra, que somos nós, frutos que sejam agradáveis! Ele diz o seguinte: a esperança é que constrói a nossa alegria e faz a gente encarar a vida de frente, sem medos e com Fé!

Então, busque a alegria que tem dentro de você se comprometendo com a esperança. Lute todos os dias para que sua esperança seja verdadeira. Viva, Ame, Ria alto, Chore, Fale sempre as verdades que tem dentro de você. E não esqueça: o caminho que nos leva a Alegria é a Esperança.

Ah: e não tenha medo de se olhar no espelho. É nessa carinha que você tem, que Deus resolveu expressar mais uma vez, o amor que Ele tem por todos nós.

Confira mais textos da colunista: www.socialbauru.com.br/author/rosanapoli.

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
  • Juiz do tempo

    Em um dos giros que esse mundo dá, percebi que já não adianta mais tanta pressa, pular eta…
  • 2020: o ano em que nos reinventamos

    O ano de 2021 começa a invadir a nossa casa! E o que falar de 2020? O que realmente aprend…
  • A gratidão transforma o nosso olhar

    Ter gratidão é uma capacidade que, quando conseguimos adquirir, muda nossa maneira de enca…
Carregar mais por Rosana Poli
  • Juiz do tempo

    Em um dos giros que esse mundo dá, percebi que já não adianta mais tanta pressa, pular eta…
  • Sobre Pix, Bitcoins e Blockchains: quero!

    No início de 2020, antes do rolo compressor que nos atropelou ter iniciado sua marcha, fui…
  • Com o máximo de zelo

    Muito se fala neste início de século de transformações nas relações interpessoais, que apo…
Carregar mais em Colunistas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Juiz do tempo

Em um dos giros que esse mundo dá, percebi que já não adianta mais tanta pressa, pular eta…