O temido trabalho de conclusão de curso, mais conhecido como TCC, chega uma hora para todos os universitários, certo?

Mas esse momento pode ficar muito mais leve se você unir o trabalho com um tema que sempre amou.

Esse foi o pensamento da Jaqueline Varella, estudante de Rádio, TV e Internet da Unesp-Bauru. A graduanda tinha a ideia de relacionar o audiovisual à sexualidade e encontrou uma forma de unir os dois assuntos com uma banda independente que sempre admirou, a Carne Doce.

As letras criadas pela Salma (vocalista da Carne Doce) sempre dialogaram muito comigo, então achei que seria interessante criar um videoclipe para uma banda independente que eu gosto. Ao ouvir o álbum Tônus da Carne Doce, tive esse insight de criar uma narrativa apoiada na música ‘Brincadeira’, que define muito bem o assunto que eu queria abordar”, conta.

Para iniciar a produção, primeiro era necessário que a banda concedesse os direitos da música para o videoclipe. Assim, o grupo de Jaqueline enviou um e-mail para os músicos, explicando que gostariam de fazer um videoclipe com a música “Brincadeira”.

A banda goiana, famosa pelos hits “Amor Distrai” e “Artemísia”, que já realizou um show no  Sesc de Bauru e já participou do LollaPalooza, topou na hora e permitiu que a ideia saísse do papel.

Primeira fase do trabalho

O projeto está ainda em sua fase inicial, e o grupo está realizando um casting para atores que gostariam de participar do clipe, que abordará o prazer feminino e a descoberta sexual, além da dificuldade de se obter um prazer puro em meio à rotina.

Algumas cenas conterão conteúdo sensual e erótico, mas não necessariamente nudez. Desejamos construir as cenas conforme o conforto e bem-estar de todos atores presentes. Precisamos de uma mulher de 25 a 35 anos para interpretar a Helena, protagonista do videoclipe. Um homem na mesma faixa etária para interpretar Pedro, o companheiro dela. Outro homem com mais de 35 anos para interpretar o chefe de Helena e, por fim, um homem com mais de 45 anos para ser José, dono de uma banca de jornais e revistas”, explica a estudante.

O casting será realizado de forma on-line e está com as inscrições abertas até dia 8 de fevereiro por meio deste link, em que os interessados em participar deverão responder a um formulário com suas informações.

Quando os bauruenses poderão assistir ao vídeo?

A gravação do clipe deve ocorrer entre os meses de fevereiro e março e seguirá todas as recomendações da OMS, possuindo uma equipe reduzida, com uso de máscara obrigatório e com a disponibilização de álcool em gel para os participantes.

O clipe, não tem fins lucrativos e será custeado pela própria equipe de produção. Portanto, Jaqueline acrescenta que parcerias e incentivos financeiros são bem-vindos para o projeto.

Gravado inteiramente aqui na cidade, o clipe poderá ser assistido pelos bauruenses até o final do primeiro semestre deste ano no canal de youtube da estudante ou no canal “Videoclipe Brincadeira” que o grupo criará especificamente para veicular o clipe.

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Anne Hernandes
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

No Dia da Biblioteca, saiba a importância dos acervos de Bauru

O que nos vem à mente quando pensamos em uma biblioteca? Um espaço cheio de livros. Para a…