Os nove cursos técnicos e a faculdade de Administração que Emerson Silva fez em nada se relacionam com a sua profissão atual. Ao mesmo tempo, eles têm tudo a ver com a função de síndico profissional. Isso porque, na prática, fazer a gestão de condomínios exige um pouco de conhecimento em várias áreas.

E conhecimento é algo que o bauruense vem acumulando desde muito cedo. Aos 12 anos, Emerson vendia cestos de lixo na rua, segundo ele, foi quando começou a empreender. Depois de um tempo, passou a trabalhar na Feira do Rolo, vendendo as ferramentas que o próprio pai produzia.

Inclusive, foi nesta época que começou a desenvolver uma habilidade fundamental para o síndico, a de conversar com pessoas. “Eu converso e conheço todo tipo de pessoa, então participo muito da vida delas, porque se tem um problema na casa, ela fala com o síndico; problema com o vizinho, síndico”, comenta o fundador da EAG Síndicos Profissionais.

Em 2021, Emerson comemora 11 anos como síndico, área que escolheu pela vontade de fazer a diferença e se profissionalizou pelo comprometimento e responsabilidade. A primeira oportunidade no ramo surgiu quando a síndica do prédio onde morava ia se mudar, assim, ele assumiu a gestão como síndico-morador. Hoje, é síndico profissional e responsável pela gestão de 11 condomínios em Bauru e Botucatu.

“Eu comecei porque queria fazer diferente do que estava sendo feito. Eu queria trazer valorização para o empreendimento onde eu morava. Queria melhorar tanto a parte financeira, quanto de tecnologia”, relembra Emerson.

Síndico profissional X síndico-morador

Como responsável pela gestão do condomínio, bem como intermediação de conflitos, Emerson percebeu a necessidade de fazer mais um curso, a de profissionalização da categoria. Mesmo que qualquer pessoa possa ser síndico, o bauruense destaca a importância da imparcialidade ao exercer a função, atrelada ao profissionalismo.

“Quando o síndico mora no empreendimento, às vezes, ele não vai notificar um morador por ser amigo ou parente. Já o profissional não tem vínculo com as pessoas. Então ele faz cumprir o regimento interno e se tem que aplicar uma multa ou notificar, ele é imparcial”, esclarece.

Dessa forma, além de responder civil e criminalmente pelo condomínio, estão entre as responsabilidades do síndico: contratar prestadores de serviço, fiscalizar e administrar. Tudo feito de forma transparente. Por isso, o empresário conta com o apoio de outros 14 colaboradores na EAG.

Entre eles estão os supervisores, responsáveis por visitar cada condomínio, supervisionar se tudo está dentro das normas, além de auxiliar os moradores.

Tecnologia a favor da gestão de condomínios

Mesmo no começo da carreira, quando ainda era síndico apenas do prédio onde morava, Emerson já apostava na tecnologia como ferramenta. Isso não mudou ao criar a própria empresa de síndicos profissionais. Tanto que ele até desenvolveu um aplicativo, oferecido gratuitamente para todos os condôminos da EAG.

No app é possível fazer agendamentos de mudança, de salão de festa, de churrasqueira e de manutenção. Além de poder abrir chamado técnico, receber aviso de entregas e até autorizar a entrada de um visitante. “É muito funcional”, detalha Emerson.

Fora isso, o site da EAG Síndicos Profissionais ainda conta com uma “Área do Morador” e eles também disponibilizam um número sem custo de ligação. Portanto, pelo 0800-313-1111 qualquer condômino tem acesso à empresa de forma prática e gratuita.

A tecnologia também está nos planos de Emerson para o futuro. O bauruense já começa a estudar a implementação do monitoramento por drones dos telhados dos condomínios. Isso facilitará a manutenção preventiva dos prédios. “Hoje você precisa de um profissional para subir torre por torre; e nós temos condomínios com várias torres, então com o drone será muito mais rápido”, diz.

EAG Síndicos Profissionais

Com muitos anos de trabalho e amor pela profissão, a criação da EAG se deu de forma natural. Hoje, a empresa é especializada em gestão condominial; legislação; gestão financeira; segurança condominial; gestão em RH; manutenção predial; sustentabilidade; assembleia.

Por fim, Emerson revela à reportagem o que mais encantou na sindicância e que fez com que ele escolhesse a profissão para a vida. “O que eu mais gosto, e hoje é o que mais tem restrição, é o contato com as pessoas. Além disso, você vai em vários condomínios e não vive na mesmice. Ser síndico é todo dia ter um dia diferente do outro”, finaliza.

publieditorial

Serviço
EAG Síndicos Profissionais
Local: Av. Nações Unidas, 29-33
Telefones: (14) 3100-4091 / (14) 99623-0322 (WhatsApp) / 0800-313-1111
Site: www.eagsindicos.com.br
Facebook: /EAG-sindicos-profissionais

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Negócios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Boulevard Shopping Bauru anuncia 9 estabelecimentos novos

O Boulevard Shopping Bauru anuncia novidades que chegarão em breve ao centro de compras. A…