Existem muitos animais abandonados pelas ruas de Bauru. Em contrapartida, também existem muitos bauruenses que trabalham para mudar o cenário de maus tratos com os bichinhos da cidade. Eles cuidam, alimentam, promovem a saúde, mas, acima de tudo, dão muito amor aos pets.

Assim como as instituições de Bauru, como já relatado pelo Social Bauru, os protetores animais se depararam com uma baixa nas doações. Rações, remédios e até produtos de limpeza que chegam da ajuda de outras pessoas são fundamentais para levar esse cuidado adiante.

Por isso, reunimos aqui o trabalho de 13 abrigos, protetores e projetos que apoiam a causa animal. O intuito é apresentar um pouco da história e do trabalho de cada um. E assim, aumentar a corrente de solidariedade e apoio ao melhor amigo do homem. Confira:

– Abrigo da Borika

Borika Hegyessy é protetora de Bauru e atualmente cuida de 280 animais entre cães e gatos. Ela conta que durante a pandemia, as doações diminuíram, por isso, precisam de ajuda com ração para cães e gatos, adultos e filhotes, bem como medicamentos, podendo ser sobras de outros tratamentos.

Além disso, roupinhas, mantas, tapetes, cobertas e materiais de limpeza (água sanitária, detergente, desinfetante e saco de lixo) também são necessários. Quem quiser ajudar com quantias em dinheiro, o valor será revertido para pagar as dívidas com veterinários que já chegam a R$6.000,00.

Para ajudar, basta entrar em contato pelo Facebook Borika Frank Hegyessy, Instagram @abrigo_da_borika ou WhatsApp (14) 98185-6094.

– Arca da Fé

Aproximadamente 1.500 animais vivem no abrigo, entre cães, gatos, cavalos, ovelhas, cabras, aves, roedores, suínos, bovinos, entre outros. Portanto, a Arca da Fé arrecada rações, patês, medicamentos, tapetes higiênicos, fraldas, ajuda para custeio das despesas com energia, mão de obra do pedreiro e materiais de construção para o abrigo.

O trabalho desenvolvido é de resgate, tratamentos de reabilitação e cuidados para preparar os resgatados para adoção. Os animais passam por clínicas particulares, recebem vacina, vermífugo e são castrados. Por isso, são saudáveis, tomam banho e recebem outros cuidados.

No Abrigo existem animais idosos e deficientes que muitas vezes acabam não sendo escolhidos. Desta forma o abrigo funciona também como um santuário em que esses animais passarão o resto de suas vidas. A ONG possui um projeto educativo nas escolas e universidades, o que foi suspenso em virtude da pandemia.

O contato pode ser feito pelo (14) 99889-8178 (ligação/ WhatsApp), Instagram (@ong.arca.da.fe) / Facebook: ONG Arca da Fé Resgate Animal.

– Cleuza Nunes

A protetora Cleuza Nunes resgata e cuida de animais até que eles sejam adotados. Atualmente, ela tem 50 gatos e seis cachorros. Por isso, ela pede ajuda com doações de ração de boa qualidade e sem corante para cães e gatos, além de produtos de limpeza e saco para lixo.

“Sou diarista e dependendo do meu trabalho diário para me manter e manter meus animais. A casa em que eu moro não é só minha, é também da minha família. Praticamente moro de favor, sabendo que hora ou outra possa ficar desabrigada junto com meus animais. Meu sonho é ter um lugar só meu, com espaço suficiente para abrigar não somente os meus animais, os resgatados também. Para que, dessa forma, eu possa manter os cuidados com os animais da Cleusa Abrigo e Abrigo das Patinhas legalmente registrados nos órgãos competentes”, relata a protetora.

Entre em contato pelo WhatsApp (14) 99728-6480, Facebook ou Instagram @abrigopatinhasbauru.

– Gislaine do Nascimento

Protetora independente em Bauru, Gislaine cuida dos animais, leva para castrar, dá alimentos e encaminha para adoção. Hoje em dia, ela cuida de aproximadamente 120 animais. Portanto, precisa de ajuda com ração e dinheiro para castração e remédios.

Para ajudar, basta entrar em contato pelo telefone ou WhatsApp: (14) 99774-4772.

– Prana Pet

O Abrigo Prana Pet foi criado por Michele Cruz que cuida de 150 animais. Todos são resgatados e passam por cuidados como comida, castração, banho e medicação.

Portanto, o abrigo precisa de doações de ração para gatos e cães e medicamentos de uso contínuo. O contato pode ser feito pelo WhatsApp (14) 99644-1136.

– Protetor Nilson

As informações sobre o protetor bauruense foi por meio do projeto Helpet, que o ajuda. Desempregado atualmente, Nilson faz bicos para sobreviver e sustentar os quase 50 cachorros que vivem sob seus cuidados. Ele precisa de doações tanto para os cachorros quanto para ele mesmo.

Os animais são muito doentes e, recentemente, Nilson zerou o estoque de ração. Por ter cachorros muito doentes, ele conta com o apoio do Eco Patinhas para receber visitas de veterinárias. Alguns cachorros foram diagnosticados e precisam de remédios.

Portanto, para ajudar, basta doar ração, medicamentos ou um valor em dinheiro para os projetos que o ajudam: Helpet, Eco Patinhas ou Lacre 4 Patinhas.

– Protetora Soraya Gasparini

Protetora independente, Soraya realiza ações para ajudar animais em sofrimento de pessoas carentes, que acolhem e passam por dificuldades. Portanto, ela arrecada doações de cestas básicas, ração e ajuda para castrar os animais. A protetora também tem um bazar em prol dos aninais, onde vende roupas, utensílios, entre outros objetos.

“Minha luta sempre foi por castração, só assim diminuiremos o abandono. Fui membro do Conselho Municipal de Defesa Animal de Bauru, por 4 anos. Participamos da elaboração do castra móvel, que infelizmente por alguns detalhes ele está parado. Estamos com a frente da defesa animal, procurando junto ao poder público, que o castra móvel seja retomado”, diz Soraya.

Para ajudar, basta entrar em contato pelas redes sociais ou WhatsApp (14) 988056700.

– SOS Gatinhos

A ONG é um lar abrigo de Animais Idosos que abriga 103 gatos e 15 cachorros com a idade de 12 a 18 anos. A responsável pelo projeto é Sandra Regina Ariede, além de cuidar dos animais, também envia ração para uma média de 60 animais em comunidades carentes.

Por isso, pede ajuda com doação de rações e também roupas para os animais durante o frio. O ponto de arrecadação é na Av. Duque de Caxias, 5-26, na Innova Uniformes, das 12h às 18h.

Outras informações, basta entrar em contato pelo WhatsApp (14) 997724792 ou pelo Facebook.  Ajuda financeira pode ser depositada na conta da ONG: Bradesco, Agência 0013, Conta Poupança 1014863-4, Assoc.B.de Proteção Animal.

Projeto voltados para a causa animal

  • Castramor

O objetivo do projeto é realizar castração em felinos que vivem em colônias de rua em Bauru, evitando assim, crias indesejadas e diminuindo o abandono desses animais. As responsáveis pelo Castramor são: Camila Formenti Francisco Santos, Juliana Torres Gimenez e Tatiane Helena Turra Martins.

Em pouco mais de um ano, entre março de 2020 e abril de 2021, o projeto já castrou 478 felinos, sendo 321 fêmeas e 157 machos. Para continuar o trabalho, o projeto conta com a ajuda financeira para arcar com os custos da castração. “De acordo com o nosso planejamento temos uma média de 600 felinos aguardando castração”, explicam as voluntárias.

Para ajudar, basta entrar em contato pelo Instagram do projeto @castramor.

  • Eco Patinhas

eco patinhas
Foto: Instagram Eco Patinhas

O projeto ajuda protetores independentes de Bauru a castrar animais. Portanto, recebem doações de tampinhas plásticas que são vendidas para a reciclagem e o dinheiro é utilizado para castração de animais.

Os pontos de arrecadação estão no link: bit.ly/2LeI5TI. Além disso, também recebem ração de cães e gatos e valores em dinheiro pelo PIX (chave: [email protected]).

  • Helpet

O Helpet surge com o intuito de ajudar quem já está atuando diretamente na causa. Anna Carolina Cassettari e Ana Paula Bridi se uniram para ajudar os protetores e abrigos. Dessa forma, realizam rifas, sorteios e promovem ações para arrecadar o que os animais estão precisando.

  • Lacre 4 Patinhas

Joselene Martinelli Yamashita e Helena Tuler criaram o projeto para arrecadar lacres, vender para reverter o valor em ração para os protetores de animais de Bauru. Atualmente, o projeto ajuda o Abrigo Prana Pet e o protetor Nilson.

Para doar os lacres, basta entrar em contato pelo Instagram @lacre4patinhas ou pelo telefone (14) 996026035.

  • Miaudota

O MiAudota é uma página no Instagram com o intuito de promover a adoção em Bauru e divulgar informações sobre este assunto. Dessa forma, os amigos que criaram o projeto falam sobre animais que precisam de um lar e publicam vídeos educativos sobre o mundo pet. Por isso, contam com a participação de protetores e profissionais da área. Até agora já foram abordados nos vídeos os temas: castração, o papel dos animais na quarentena e a importância da adoção.

 

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Flautista que começou em Bauru é aprovado em universidade na Suíça

Nascido em Lins, foi aqui em Bauru que a história de Lucas Martins com a flauta começou, e…