Começa nesta segunda-feira (12) a 2° edição do curso online de férias “Instituições de Conservação Unidas pela Educação”. O curso conta com a realização do Zoo Municipal de Bauru em parceria com a Associação de Zoológicos e Aquários do Brasil (AZAB) e mais 23 instituições de conservação ambiental.

As atividades são gratuitas e vão até  1° de agosto. Elas são destinadas a todos os públicos, principalmente aos jovens e crianças.

O curso apresenta conteúdos educativos e didáticos como vídeos, jogos e atividades. Os conteúdos estarão disponíveis nas redes sociais da associação de acordo com o cronograma (confira abaixo). Portanto, não há necessidade de fazer inscrição.

Zoo de Bauru e o tema deste ano

Já é a segunda vez que Zoo de Buaru realiza curso online de férias em parceria com outras instituições. A primeira ocorreu no ano passado e tinha como tema “Cada Macaco no Seu Galho”.

A edição deste ano trabalha a temática “Tô de Acordo” para falar sobre as espécies ameaçadas de extinção contempladas no Acordo de Cooperação Técnica. O documento foi firmado entre AZAB e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) em 2018.

De acordo com a lista, as seguintes espécies são ameaçadas de extinção:

  • sauim-de-coleira
  • sagui-da serra-escuro
  • onça-pintada
  • tamanduá-bandeira
  • tubarão-lixa
  • tubarão-mangona
  • cachorro-vinagre
  • jararaca-da-ilha-vitória

 

Confira a programação do curso de férias

  • 12/07 (segunda-feira) – “Na pegada da Onça” 

Instituição: Parque Zoológico Municipal de Bauru (SP)
Público – alvo: a partir de 7 anos

Objetivo: apresentar curiosidades sobre a onça-pintada. Mostrar o recinto que ela vive no zoo, a importância do enriquecimento ambiental e ensinar como fazer um molde de sua pegada.

Descrição da atividade: por meio de vídeo explicativo esclarecer características da onça-pintada (Panthera onca) e propor a confecção das pegadas com gesso, em casa e na escola as pegadas podem ser feitas com pegadas de animais domésticos.

  • 13/07 (terça-feira) – “Papo Animal”

Instituição: Zoológico de Guarulhos (SP)
Público – alvo: a partir de 07 anos

Objetivo: difundir informações básicas sobre os animais da fauna brasileira, como sagui da-serra-escuro, onça-pintada e tamanduá-bandeira. Com isso, estimular o público a aprender mais sobre a essencialidade da biodiversidade.

Descrição da atividade: por meio de vídeo explicativo, propagar informações e curiosidades sobre as espécies selecionadas para realização deste curso.

  • 14/07 (quarta-feira) – “Jogo das cadeiras- Entendendo a Biodiversidade”

Instituição: Orquidário Municipal de Santos (SP)
Público – alvo: crianças de 9 a 11 anos

Objetivo: ensinar o jogo das cadeiras para as crianças brincarem com amigos e familiares. Assim as crianças aprenderão sobre o sauim-de-coleira, sagui-da-serra-escuro, onça-pintada, tamanduá-bandeira, jacucaca, jacutinga, tubarão-lixa, tubarão-mangona, cachorro-vinagre e a jararaca.

Descrição da atividade: por meio de vídeo, monitores irão brincar e questionar o público que está assistindo sobre como participar da próxima etapa.

  • 15/07  (quinta-feira) – “A história de Madá” 

Instituição: Bioparque Zoo Pomerode (SC)
Público – alvo: 5 a 10 anos

Objetivo: conhecer a história da Tamanduá-bandeira Madá que mora no Bioparque Zoo Pomerode. Além disso, ficar por dentro dos hábitos e ameaças que a espécie enfrenta e funções do zoológico. Com isso, espera-se que a criança estimule o hábito da leitura e também a criatividade na hora de colorir os desenhos.

Descrição da atividade: cartilha contendo a história da Tamanduá-bandeira Madá com imagens para colorir.

  • 16/07  (sexta-feira) – “Tour Virtual aos Bastidores do Zoo – De férias nas Ilhas das Jararacas”

Instituição: Fundação Parque Zoológico de São Paulo (SP)
Público – alvo: LIVRE

Objetivo: em comemoração ao Dia Mundial das Serpentes (16/07) será apresentado ao público curiosidades e características do grupo das Jararacas. Com isso, busca-se enfatizar as espécies ameaçadas de Ilhas de Mata Atlântica: Bothrops insulares (Jararaca Ilhoa) e Bothrops otavioi, além de conhecer de perto o trabalho de manejo e ações de conservação desenvolvidas pelo Zoo de São Paulo.

Descrição da atividade: live com Educadores e Técnicos do Setor de Répteis do Zoológico de São Paulo.

  • 17/07  (sábado) – “A trilha de Tamandú”

Instituição: Parque Estadual de Dois Irmãos (PE)
Público – alvo: a partir de 07 anos

Objetivo: apresentar por meio da atividade lúdica as características, hábitos e curiosidades sobre o tamanduá-bandeira com o intuito sensibilizar os jogadores da importância da preservação e conservação deste animal para o meio ambiente.

Descrição da atividade: jogo de tabuleiro com cartas de perguntas e respostas (haverá necessidade de impressão do material para que possam jogar).

  • 18/07  (domingo) – “E a jararaca?”

Instituição: Museu de história Natural do Colégio Dante Alighieri (SP)
Público – alvo: Livre

Objetivo: apresentar vídeo curto e animado no formato de perguntas e respostas. O conteúdo terá informações sobre biologia e comportamento, e também curiosidades sobre as serpentes, com o intuito de desconstruir a fama de vilã, evidenciando a importância das serpentes para o meio ambiente.

Descrição da atividade: vídeo animação com perguntas e respostas

  • 19/07 (segunda-feira) – “Você conhece a jacutinga?”

Instituição: Fundação Ecológica e Zoobotânica de Brusque (SC)
Público – alvo: LIVRE

Objetivo: conhecer a jacutinga e seus hábitos; entender que as atitudes humanas podem prejudicar diversas espécies da fauna e flora. Dessa forma, busca-se compreender que a jacutinga está ameaçada de extinção e o que pode ser feito para mudar essa situação.

Descrição da atividade: vídeo explicativo que apresenta curiosidades da jacutinga. Além disso, serão disponibilizadas uma atividade com mobile de jacutinga e uma para tentar adivinhar qual das vocalizações apresentadas é a do animal.

  • 20/07 (terça-feira) – “O tamanduá e o zoo”

Instituição: Zooparque Itatiba (SP)
Público – alvo: a partir de 6 anos

Objetivo: apresentar o tamanduá-bandeira, explicando sobre as características da espécie, seus hábitos de vida e os cuidados no zoo. Abordar também em detalhes a alimentação dos animais na instituição.

Descrição da atividade: vídeo explicativo com a participação de educador ambiental e cuidador dos animais do zoo. Além disso, há atividades de colorir, jogos dos sete erros e caça palavras disponibilizados em PDF.

  • 21/07 (quarta-feira/manhã) – “Brincadeira Adivinha quem eu sou- conhecendo as características dos animais”

Instituição: Orquidário Municipal de Santos (SP)
Público – alvo: crianças de 9 a 11 anos

Objetivo: ensinar o jogo das cadeiras para as crianças brincarem com amigos e familiares. Por meio desse jogo as crianças aprenderão sobre o sauim-de-coleira, sagui-da-serra-escuro, onça-pintada, tamanduá-bandeira, jacucaca, jacutinga, tubarão-lixa, tubarão-mangona, cachorro-vinagre e a jararaca.

Descrição da atividade: vídeo interativo no qual os monitores irão brincar e questionar o público que está assistindo sobre como participar da próxima etapa.

  • 21/07 (quarta-feira/tarde) – “Vamos conhecer a Jacucaca?”

Instituição: Parque Zoológico Municipal de Bauru (SP)
Público – alvo: a partir de 6 anos

Objetivo: apresentar as características e curiosidades da jacucaca por meio de jogos como dominó, jogo da memória e caça palavras.

Descrição da atividade: imagens de jogos para impressão.

  • 22/07 (quinta-feira/manhã) – “Desafio do tubarão”

Instituição: Oceanic Aquarium (SC)
Público – alvo: a partir de 7 anos

Objetivo: desmistificar o preconceito em relação aos tubarões, mostrando a rotina dos Tubarões-mangona no Oceanic Aquarium. As ações tem como objetivo sensibilizar o público-alvo quanto a conservação da espécie.

Descrição da atividade: vídeos explicativos com o mascote tubarão vão levar os telespectadores até o fundo do mar para uma caça ao tesouro.

  • 22/07 (quinta-feira/tarde) – “Você sabe quem sou eu?”

Instituição: Parque Zoológico – SEMA (RS)
Público – alvo: crianças de 6 a 10 anos

Objetivo: despertar a curiosidade das crianças quanto às características do tamanduá-bandeira. Assim, chamará a atenção para os detalhes da espécie e do recinto.

Descrição da atividade: vídeo explicativo mostrando primeiramente o recinto e depois apresentando algumas características do tamanduá-bandeira.

  • 23/07 (sexta-feira/manhã) – “Podcast – De frente com a Mangona!”

Instituição: Aquário de Ubatuba (SP)
Público – alvo: a partir de 12 anos

Objetivo: por meio de um bate-papo descontraído e informativo, a Equipe Técnica do Aquário de Ubatuba irá contar curiosidades sobre o Tubarão Mangona. Dentre as informações, estão hábitos alimentares e ameaças que ele sofre. Além disso, a equipe pretende esclarecer dúvidas com os profissionais que cuidam da espécie e incentivar a preservação e desmistificar os tubarões.

Descrição da atividade: por meio de vídeo e áudio explicativo, a equipe pretende propagar informações sobre os cuidados e importância da preservação do Tubarão Mangona no Aquário de Ubatuba.

  • 23/07 (sexta-feira/tarde) – “Oficina do Tuba com Materiais Recicláveis”

Instituição: Aquário de Ubatuba (SP)
Público – alvo: 5 a 12 anos

Objetivo: sensibilizar as crianças acerca do impacto do lixo nos oceanos e disponibilizar o passo a passo para confecção de um brinquedo sustentável.

Descrição da atividade: vídeo explicativo do passo a passo da oficina. Para isso, será necessário os seguintes materiais: garrafa Pet; tesoura (sem ponta); barbante e pregador. Materiais Extras: utilize o que tiver em casa, como por exemplo, lápis de cor, canetinha colorida entre outros utensílios, use a imaginação. Será disponibilizado em pdf alguns desenhos para colorir, caça palavras e Jogo do TUBA.

  • 24/07 (sábado/manhã) – “Oficina: enriquecimento ambiental da onça pintada”

Instituição: Zoológico Municipal de Piracicaba (SP)
Público- alvo: livre

Objetivo: apresentar curiosidades do animal, ensinar como são realizados o preparo para enriquecimento ambiental da onça pintada e mostrar a atividade na prática.

Descrição da atividade: vídeo assíncrono, mostrando todo o processo de elaboração do enriquecimento.

  • 24/07 (sábado/tarde) – “Caderno de atividades do Sauim e divulgação do Vídeo: Sauim, uma espécie que pede Socorro”

Instituição: Parque Zoológico Municipal de Bauru (SP)
Público- alvo: a partir de 7 anos

Objetivo: apresentar as características e curiosidades do Sauim por meio de jogos como dominó, jogo da memória e caça palavras.

Descrição da atividade: imagens de jogos para impressão e divulgação de vídeo do Sauim, um material produzido pelo Plano de Ação Nacional para Conservação do Sauim (PAN).

  • 25/07 (domingo/manhã) – “QuizZoo”

Instituição: Zoológico Municipal de Piracicaba (SP)
Público – alvo: a partir de 7 anos

Objetivo: apresentar e esclarecer características, hábitos e curiosidades do tamanduá-bandeira, assim como a função dos Zoológicos modernos.  Deste jeito, pretende-se estimular os participantes a aprenderem sobre este animal e a importância dos zoológicos para a conservação da biodiversidade.

Descrição da atividade: elaboração de jogos de cartas online com perguntas e respostas sobre o tamanduá-bandeira e importância dos zoológicos modernos.

  • 25/07 (domingo/tarde) – “Bandeira da preservação”

Instituição: Zoológico Municipal de Catanduva
Público-alvo: Crianças de 6 a 10 anos de idade

Objetivo: contar a história da tamanduá-bandeira Lupita que foi resgatada e destinada ao Zoológico de Catanduva e conseguiu se reproduzir com sucesso.

Descrição da atividade: será realizada uma visita monitorada com o grupo de escoteiros (lobinhos), contando em detalhes a história de vida e reprodução da Lupita. Durante o evento, será realizada uma Caça-aos-tesouros, com o intuito de demonstrar às crianças quais alimentos compõem a dieta balanceada dos tamanduás-bandeira em cativeiro. Também será realizado enriquecimento ambiental com os animais e serão disponibilizados às crianças, atividades de colorir em PDF.

  • 26/07 (segunda-feira) – “Tamanduá, o cata-cupim”

Instituição: Parque Ecológico de São Carlos (SP)
Público – alvo: a partir de 7 anos

Objetivo: apresentar as características do tamanduá-bandeira, seu habitat e alimentação. Ensinar um jogo para brincar com a família.

Descrição da atividade: vídeo explicativo e demonstração do jogo “Cata cupim” confeccionado a partir de “língua de sogra”.

  • 27/07 (terça-feira) – “Zoo-Sílaba”

Instituição: Zoológico Municipal de Curitiba (PR)
Público-alvo: 7 a 12 anos

Objetivo: sensibilizar para a importância das onças-pintadas nos ecossistemas.

Descrição da atividade: vídeo com o desenvolvimento da atividade e visualização dos recintos das onças com a história de vida das mesmas.

  • 28/07 (quarta-feira) – “Temperando o ambiente”

Instituição: Fundação Jardim Zoológico de Brasília (DF)
Público – alvo: crianças acima de 3 anos

Objetivo: apresentar a espécie Speothos venaticus (cachorro vinagre) para o público infantil.

Descrição da atividade: por meio de vídeo e uso de fantoche será apresentado de forma lúdica e com linguagem infantil diversas curiosidades relacionadas à espécie, como características, biologia, relação com outras espécies de canídeos, habitat, dentre outros. O enfoque é nos diversos problemas enfrentados pelos cachorros vinagre no que se refere a conservação das populações. Será apresentado o espécime conhecido como Xingu, que está sob os cuidados do Zoo Brasília.

  • 29/07 (quinta-feira/manhã) – “Aventura pelo BioParque do Rio”

Instituição: BioParque do Rio (RJ)
Título: Público – alvo: 6 a 10 anos

Objetivo: conectar as crianças com alguns animais que vivem no BioParque do Rio e mostrar ambientes de bastidores, como a nutrição (cozinha dos animais), veterinária e sala de bem-estar. As crianças poderão conhecer características dos animais e curiosidades sobre os cuidados realizados pelos biólogos, zootecnistas e veterinários. Além disso, os realizadores contarão histórias sobre quatro principais animais: Poty – a onça pintada; Tamanduá-bandeira; Jacutinga e Macaco-prego-do-peito-amarelo. O intuito é conectar, engajar e encantar a todos.

Descrição da atividade: encontro será em plataforma digital, e contará com gravações de curta duração sobre cada ambiente abordado no BioParque. Ao final de cada vídeo, o educador fará uma interação em formato de perguntas e respostas ou outras interações em formato de jogos cooperativos, envolvendo as temáticas abordadas nos vídeos.

  • 29/07 (quinta-feira/tarde) – “As aventuras da sereia Coral e do pirata Fernão Ermitão”

Instituição: AquaRio (RJ)
Público – alvo: a partir de 5 anos

Objetivo: Desmitificar e destacar a importância ecológica dos tubarões. Em uma nova aventura, a sereia Coral tenta mostrar a importância que cada animal tem no oceano. Com isso, ela apresenta ao seu amigo, o pirata Fernão Ermitão, o grande rei dos mares: o tubarão. Nesta nova aventura, Coral conhece uma nova espécie, o tubarão lixa e se encanta pelo seu diferente modo de vida. Ao fim da história, Coral e Fernão ensinarão como fazer um incrível brinquedo em formato de tubarão feito como materiais recicláveis.

Descrição da atividade: contação de história através de vídeo didático e oficina para a confecção de tubarão de brinquedo com material reciclável.

  • 30/07 (sexta-feira/manhã) – “Nessa mata tem cachorro?”

Instituição: Fundação de Parques Municipais e Zoo Botânica (BH)
Público – alvo: a partir de 9 anos

Objetivo: apresentar o cachorro-do-mato-vinagre como um dos canídeos silvestres brasileiros ameaçados de extinção.

Descrição da atividade: vídeo explicativo que permitirá reconhecer as características, hábitos, alimentação e local onde vive. Além disso, serão expostas as principais ameaças que colocam em risco a espécie e quais medidas devem ser adotadas para ajudar na sua conservação.

  • 30/07 (sexta-feira/tarde) – “Mergulhando com o Tubarão-lixa”

Instituição: Aquário de Santos (SP)
Público – alvo: a partir de 6 anos

Objetivo: apresentar informações sobre o tubarão-lixa (Ginglymostoma cirratum), como biologia, distribuição e curiosidades.

Descrição da atividade: será realizada via plataforma digital, por meio de apresentação de slides e vídeos. Após a apresentação haverá Quiz Interativo com os participantes sobre a espécie. As perguntas feitas neste Quiz também serão postadas nos stories do Instagram da UEA Aquário (@uea.aquario) no dia 31/07.

  • 31/07 (sábado/manhã) – “A História da Jacutinga Mimi”

Instituição: Parque das Aves (PR)
Público – alvo: a partir de 8 anos

Objetivo: apresentar a história da jacutinga Mimi e ações para ajudar no cuidado da espécie.

Descrição da atividade: será apresentado por meio de live ao vivo e video gravado a história da jacutinga Mimi, desde do momento que a ave nasceu no Parque das Aves até a sua soltura na Serra da Mantiqueira em São Paulo. Após a apresentação do vídeo da Mimi, a educadora do Parque das Aves ensinará as crianças a fazerem um marcador de livros com as cores da jacutinga.

  • 31/07 (sábado/tarde) – “Os Segredos dos Bichos!”

Instituição: Zoológico de Sorocaba (SP)
Público – alvo: a partir de 6 anos

Objetivo: despertar interesse em cada uma das 10 espécies que são foco do curso de férias.

Descrição da atividade: vídeo lúdico em que o apresentador responderá dúvidas sobre curiosidades das 10 espécies envolvidas no curso.

  • 01/08 (domingo/manhã) – “Desmistificando os tubarões”

Instituição: Aquário de São Paulo (SP)
Público – alvo: LIVRE

Objetivo: apresentar os tubarões que há no Aquário de São Paulo, como o Tubarão-Lixa (Ginglymostoma cirratum) e o Tubarão Mangona (Carcharias taurus).

Descrição da atividade: vídeo didático que apresentará como é realizada a alimentação dos tubarões no Aquário de São Paulo.

  • 01/08 (domingo/tarde) – “Aprendendo sobre os tubarões”

Instituição: Aquário de São Paulo (SP)
Público – alvo: a partir dos 6 anos.

Objetivo: expor curiosidades sobre o Tubarão-Lixa (Ginglymostoma cirratum) e o Tubarão Mangona (Carcharias taurus), animais presentes no Aquário de São Paulo. Dentre as curiosidades está a preferência alimentar, principais ameaças, comparação de tamanho em relação ao ser humano, expectativa de vida, origem dos animais que há no aquário entre outras informações.

Descrição da atividade: vídeo didático, que apresentará como é realizada a alimentação dos tubarões no Aquário de São Paulo e Livro/ E-book, disponibilizado no site da AZAB.

 

Serviço

Site: www.azab.org.br

Instagram: @azab_oficial

Facebook: Associação de Zoológicos e Aquários do Brasil

Canal do youtube: Associação de Zoológicos e Aquários do Brasil

 

Compartilhe!
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Aniversário de Bauru: veja 125 curiosidades sobre a cidade

Bauru completa 125 anos hoje (1°). Para celebrar a data, que tal uma lista? Preparamos um …