Saiu a programação completa do 4° Filma Bauru – Festival de Cinema do Interior! Gratuitas, as mostras e mesas redondas serão realizadas entre 5 e 9 de outubro com exibição de curtas-metragens, videoclipes e videoartes produzidos no interior e litoral do estado de São Paulo. Além de mesas redondas sobre Cinema e Audiovisual.

O festival será realizado em formato on-line, com transmissões ao vivo pelo canal do Filma Bauru no YouTube.

Cultura inclusiva: mostras terão janela de Libras

Com produções de 29 cidades do estado, além das obras serem transmitidas ao vivo, ainda serão disponibilizadas pelo período de 24 horas após cada exibição.

Na mostra competitiva, que ocorre nos dias 5 e 7 de outubro, às 19h, os curtas-metragens de ficção, animação e documentário concorrem ao prêmio de Melhor Curta-metragem de cada categoria, além do Prêmio do Júri Popular, por votação aberta.

Para votar, o público deve acessar o site do evento www.filmabauru.com.br e indicar o seu filme favorito. Já a mostra não competitiva será exibida nos dias 6 e 8 de outubro, às 19h, com curtas, videoclipes e videoartes.

A fim de promover acessibilidade para pessoas surdas ou com deficiência auditiva, as apresentações e a cerimônia de premiação terão a presença de intérprete de Libras. Ademais, todas as obras exibidas no festival, entre curtas, videoclipes e videoartes, terão a janela de Libras. A iniciativa, produzida pela própria equipe do evento, é uma das únicas entre os festivais de cinema do estado.

“Estamos buscando fazer do Filma Bauru um espaço para todos. Por isso temos nos empenhado para garantir o acesso às obras e, principalmente, o fomento do audiovisual inclusivo, seja pela incorporação da janela de Libras nas mostras, seja pela proposição de mesas com essa temática”, explica Rene Lopez, coordenador geral do 4° Filma Bauru.

Mesas redondas sobre Cinema e Audiovisual

A programação do festival conta, ainda, com mesas redondas sobre cinema documental, fomento, distribuição, acessibilidade, preservação da memória e democratização do audiovisual no interior paulista.

A mesa redonda sobre acessibilidade terá a presença do diretor cinematográfico, Giuliano Robert, e do analista de sistemas e Membro da CPA digital – Comissão Permanente de Acessibilidade do município de São Paulo, Laercio Sant’Anna. Será realizada com apoio do Sesc Bauru e terá interpretação em Libras.

O festival também realizou oficinas ao longo do mês de setembro, com aulas sobre crítica cinematográfica, ministradas pelo professor, crítico e roteirista Álvaro Zeini Cruz, e oficinas de criação de curtas-metragens voltadas para estudantes do Ensino Médio, realizadas com apoio do Edital de Produção e Difusão Artístico/Cultural da Unesp e ministradas por estudantes da universidade.

Os filmes produzidos nas oficinas serão exibidos no último dia do evento, seguidos pela cerimônia de premiação da mostra competitiva.

Programação completa

A 4ª edição do Filma Bauru recebeu 223 inscrições de 63 cidades diferentes. Composta por Vitória Galhardo, Álvaro Zeini Cruz e Denis Augusto, a curadoria selecionou mais de 50 curtas, videoclipes e videoartes selecionados, de 29 cidades diferentes do estado.

Os três membros da comissão curadora assistiram aos filmes e debateram para determinar tanto os selecionados como a ordem das exibições em cada sessão. Sendo assim, eles buscaram critérios de relevância temática, qualidade artística, execução técnica, diversidade de olhares e capilaridade nas cidades de origem das produções.

Ficou curioso? Os títulos, bem como suas especificações estão disponíveis na página: filmabauru.com.br/programacao.

  • Abertura do evento Mostra Competitiva de curtas-metragens

Dia 5 de outubro, terça, das 19h às 21h.

  • Mostra Não Competitiva de curtas-metragens, videoclipes e videoarte

Dias 6 e 8 de outubro, quarta e sexta, das 19h às 21h.

  • Mesa Redonda ICine – Preservação da memória e democratização do audiovisual no interior paulista, com Rogério Borges e Kit Menezes (ICine)

Mediação: Mariana Vita

Dia 6 de outubro, quarta, das 16h às 17h30.

  • Mesa Redonda Acessibilidade no audiovisual para pessoas com deficiência auditiva e visual, com Giuliano Robert e Laercio Sant’Anna

*Atividade com intérprete de Libras, realizada com apoio do Sesc Bauru

Mediação: Luis Miguel

Dia 7 de outubro, quinta, das 16h às 17h30

  • Mesa Redonda Ka Mimbangu: cinema documental, pesquisas e registros de cultura imaterial, com Mariana Rhormens, Marílio Wane e Marta Jardim

Mediação: Gabriel Mendes e Cintia Marilia

Dia 8 de outubro, sexta, das 13h às 14h30

  • Mesa Redonda Distribuição e fomento da produção do cinema interiorano, com Diego da Costa e Guilherme Xavier (ICine)

Mediação: Rene Lopez

Dia 9 de outubro, sábado, das 16h às 17h30

  • Encerramento com mostra de curtas realizados nas oficinas e cerimônia de premiação da Mostra Competitiva

Dia 9 de outubro, sábado, das 19h às 21h

4° Filma Bauru – Festival de Cinema do Interior

O 4° Filma Bauru é realizado pelo Plano Conjunto – Coletivo Audiovisual de Bauru, por meio do Programa de Ação Cultural – ProAC, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. O evento conta com apoio do Sesc Bauru, Unesp por meio do Edital de Produção e Difusão Artístico/Cultural, Prefeitura do Campus USP de Bauru, ICine – Fórum de Cinema do Interior Paulista, Cinemateca Digital Bauruense, Rádio 94FM, Social Bauru e Agência 2DCB.

Serviço
4° Filma Bauru – Festival de Cinema do Interior
Data: 5 e 9 de outubro
Programação completa: www.filmabauru.com.br
Redes sociais: @filmabauru
Transmissão: youtube.com/filmabauru
As mostras ficarão disponíveis no período de 24 horas após a exibição na data e horário marcado, e todas terão acessibilidade com janela de Libras

Compartilhe!
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

O lado profissional das dancinhas: instrutora de Bauru viraliza no TikTok com mais de 1 milhão de visualizações

Em 2020, o TikTok virou uma febre no Brasil. Eu, como uma boa brasileira isolada em casa, …