A Cia Mariza Basso Formas Animadas foi selecionada em mais um edital público do Governo de São Paulo. Desta vez, em premiação pelo conjunto de sua obra ao longo de quase duas décadas de produção de espetáculos dentro do universo do teatro infantil.

Para comemorar essa trajetória, que começou em 2004 com muita criatividade e quase nenhum recurso, nasceu Obgestos. A websérie é dividida em dez episódios que simbolizam a evolução do trabalho da companhia ao longo do tempo.

Espetáculo “Ohhh Vaquinha”

A montagem deixa transparecer, por trás de cada gesto, o intenso trabalho de pesquisa que vem sendo realizado pela Cia na busca das infinitas manifestações artísticas do teatro de formas animadas.

A estreia foi na última quinta-feira (2) e as transmissões seguem até 8 de dezembro, sempre às 19 horas no Youtube da Companhia. Composta por dez quadros curtos, cada qual com uma linguagem desenvolvida ao longo da pesquisa com os objetos, a série Obgestos, além de representar um marco na forma de apresentar espetáculos de teatro de formas animadas, tem trilha sonora original composta especialmente para a ocasião.

Espetáculo “Bailarinas”

Episódios de Obgestos

  1. “Obgestos” (02/12)
  2. “Ohhh Vaquinha” (3/12)
  3. “Coral dos Bichos” (3/12)
  4. “Na Natureza” (4/12)
  5. “O Dono do Circo” (5/12)
  6. “A Bailarina” (5/12)
  7. “O Sonho do Bebê” (6/12)
  8. “Pescaria” (7/12)
  9. “Vento Fantasia” (7/12)
  10. “Na Feira” (08/12)

Confira os episódios anteriores:

A web série é uma realização conjunta do Ministério do Turismo, Secretaria Especial de Cultura, Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa e a Cia Mariza Basso Formas Animadas.

Quando tudo começou

O ano de 2004 marca o início da trajetória da Cia Mariza Basso com a construção de um espetáculo do zero, em todos os sentidos. Após um período de sete anos, trabalhando como atriz em produções de teatro contemporâneo, Mariza Basso partiu para o universo do teatro de formas animadas.

Espetáculo “Vento Fantasia”

Sem ter nenhuma economia para investir em um novo espetáculo elegeu o teatro de objetos para essa empreitada. A solução, então, foi utilizar os diferentes objetos domésticos consignados da cozinha de sua mãe.

Os amigos da Companhia de Teatro Circense Catapimba ofereceram algum apoio financeiro. Assim nasceu o premiado espetáculo “O Circo dos Objetos” que, logo na estreia, já foi selecionado para dois importantes festivais nacionais: Festival de Teatro Infantil de Blumenau e o Festival de Teatro de Pindamonhangaba.

Além de participar de festivais internacionais em Portugal e na Colômbia com sucesso de crítica e público:

  • “O Circo dos Objetos” Teatro de Formas Animadas do Brasil, foi uma lição de destreza, precisão e deixou os mais incrédulos espectadores com a firme certeza que a imaginação não é limitada à aparente utilidade dos objetos. A sua manipulação pode transformar a nossa fantasia, conduzindo-nos a pequenas aventuras em que o objeto de uso cotidiano ganha vida, transportando-nos a pequenas animações muito aplaudidas” – Jornal de Valongo do Vouga/Portugal/2006.

 

  • “… Unas fieras con los muñecos… La ilusión se apoderó de los niños, y de sus papás. Se escuchaban las risas, las exclamaciones y las frases de los pequenos… La companhia brasileña mostró en el escenario su calidad artística y profesionalismo” – Jornal A Pátria/Colômbia/2009. (Tradução: Umas feras com os bonecos… A ilusão se apoderou das crianças e dos pais. Se escutavam os risos, as exclamações e as frases dos pequenos… A Companhia brasileira mostrou em cena sua qualidade artística e profissionalismo).

Contiuidade da Cia Mariza Basso

Em 2007, a companhia produziu o espetáculo solo “O Sítio dos Objetos” que obteve o mesmo histórico de sucesso. Selecionado para a Mostra de Teatro de Bonecos do SESI, a Cia Mariza Basso levou o “Sítio dos Objetos” em turnê pelo interior paulista, marcando presença em festivais por todo o Brasil e no exterior foi apresentado na Argentina, Colômbia, México, Portugal e Espanha.

A pesquisa constante e o desenvolvimento da linguagem do teatro de formas animadas levaram a Cia Mariza Basso à realização da terceira montagem – “João Come Feijão” (2010), com estreia no SESC Vila Mariana, na capital paulista. Assim como os trabalhos anteriores da Cia, que valoriza e fomenta a realização de festivais pelo Brasil, “João Come Feijão” participou do Festival de Teatro de São João Del Rei e foi selecionado para o Circuito Cultural Paulista.

A produção de espetáculos agora passa a contar com apoio de programas, em 2013, com patrocínio do PROAC Governo do Estado de São Paulo – Secretaria do Estado da Cultura por meio do Edital de Montagem de espetáculo Inédito, estreia o espetáculo Infanto-Juvenil “O Sapato que sabia andar”. Em 2016 é a vez de “O Menino e sua bacia”, também com apoio do PROAC.

No ano seguinte, por meio do Edital PROAC de Aprimoramento Técnico a Cia dá início a nova pesquisa, desta vez, utilizando objetos naturais. O resultado desse trabalho foi a montagem do espetáculo “Pachamama”, que marcou sua estreia no Festival Cali Um Sueño Con Titeres, na Colômbia.

Numa crescente de trabalho a Cia. estreia o espetáculo adulto “A Dança da Ema – Kohixoti Kipaé”, também contemplado no PROAC Produções Inéditas e Circulação de espetáculos e posteriormente aprovado no Edital de licenciamento da Lei Aldir Blanc.

Obgestos: ficha técnica

  • Obgestos é uma web série em Kroma Key realizada com recursos do Ministério do Turismo, Secretaria Especial de Cultura, Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa.
  • Produção Audiovisual: Luiz Fabiano Marquezin
  • Concepção e Direção Geral: Mariza Basso
  • Trilha sonora original: Ana Person, Amauri Muniz, Nél Marques e Chris Ventura
  • Manipulação dos bonecos: Mariza Basso, Victor Deluzzi e Bruno Ospedal
  • Direção de cena: Márcio Pimentel
  • Cenografia: Emerson Gomes Vanderlei e Luiz Fabiano Marquezin
  • Produção executiva: Márcia Basso
  • Registro fotográfico: Eric Schmitt
  • Assessoria de imprensa: Ana Ferreira
  • Gravado no Estúdio da TV FIB Bauru
Compartilhe!
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Projeto Foco promove curso de fotografia gratuito em Bauru

O Projeto Foco promove curso de fotografia gratuito destinado a meninas e meninos de 14 a …