Após uma paralisação devido à pandemia, a banda de rock autoral bauruense, Seu Migué, retorna às atividades com uma nova música: Realidade, disponível nas plataformas de streaming.

Gravada no Estúdio Criasom e mixada por Josiel Rusmont, a música retrata a busca dos sonhos. “A música foi inspirada nos altos e baixos que a vida nos proporciona e, independente de tudo, ainda devemos correr atrás de nossos sonhos. No nosso caso, por mais que desacreditem, provamos o contrário”, diz o baterista Jean Ricardo.

A forte presença da guitarra, os solos e a voz marcam o novo single da banda, conhecida pelo estilo de rock, hardcore e hip-hop.

Segundo Jean, a música surgiu de uma criação despretensiosa do guitarrista Dueiny Godoi durante um ensaio. Era só uma melodia, que logo foi acompanhada pelo baterista e baixista. “Aí depois o Barba (vocalista) entrou na órbita do som e escreveu a letra comigo”.


Seu Migué – Realidade

Formada em 2016, em Bauru, a Seu Migué lançou o primeiro EP, chamado ‘Contra a Maré’, um ano depois. Desde então, a banda apresenta o trabalho autoral aqui na região, além de participar de festivais nacionais, como o Tibiriçá Motofest 2016 e o Fun Music 2017.

Nesse processo, mostraram as canções próprias baseadas na junção de influências dos integrantes, como Charlie Brown Jr, CPM 22, O Rappa, Linkin Park, Korn, Killswitch Engage, Coal Chamber, entre outras. 

“Cada integrante tem suas referências para seus instrumentos e suas criações. E é da mistura dessas referências que surgem os sons do Seu Migué”, conta Jean.

Recentemente, a banda participou do projeto Culturas Remotas, da Secretaria de Cultura de Bauru, em um pocket show.


Planos para 2022

Com o lançamento no fim deste ano, a Seu Migué já pensa em 2022. A banda formada por Eder Tomassini (vocal), Dueiny Godoi (guitarra/backing vocal), Jean Ricardo (bateria) e Giovanni Barbosa (baixo) já tem outro single que deve ser lançado nos primeiros meses do ano que vem. 

Com a expectativa de volta aos palcos no próximo ano, Jean reflete sobre o tempo longe dos shows. “Para nós, que amamos estar no palco numa troca de energia com o público, tem sido muito difícil estar longe da galera nesses tempos de pandemia”, diz.

“Por outro lado, esse tempo recluso fez bem para a banda, onde pudemos pensar realmente se era isso o que queríamos realmente. Por fim, nos motivamos e voltamos com muita sede de criar novos sons e dividir com a galera os palcos e tudo o que a gente tem para falar. Foi um momento difícil, porém, importante para nós”, finaliza. 

Serviço
Seu Migué
Youtube: /SeuMigué
Instagram: @seumigueoficial
Facebook:/seumigueoficial

Compartilhe!
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Projeto Foco promove curso de fotografia gratuito em Bauru

O Projeto Foco promove curso de fotografia gratuito destinado a meninas e meninos de 14 a …