No próximo mês, Bauru será destaque nacional da paixão de guardar, organizar, selecionar, trocar e expor objetos, o chamado colecionismo. Entre os dias 11 e 14 de agosto, a cidade recebe o 3° Encontro de Colecionismo de Bauru.

“O objetivo é fomentar a arte do colecionismo, no qual agregamos cultura, aprendizagem e amizades. O encontro terá várias lojas e colecionadores presentes, que vão fazer venda, trocas e avaliações de maneira profissional”, diz Josmar Rodrigues, organizador do evento junto com Rubens Lovison Júnior.

A novidade deste ano será a participação da Casa da Moeda, que “mostra a credibilidade do nosso encontro por conta do sucesso das edições anteriores”, conta Josmar, explicando que a instituição não costuma participar de encontros. “Para nós colecionadores e bauruenses, é uma honra receber a Casa da Moeda”.

Encontro de colecionismoPrimeira edição do Encontro de Colecionismo (foto: Arquivo Social Bauru)

Em Bauru, a Casa da Moeda vai apresentar e vender produtos, por exemplo medalhas, itens oficiais e, claro, moedas. 

Além da instituição federal, o evento deve receber cerca de 50 expositores de cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Porto Alegre, Curitiba e países como Argentina, Uruguai e Portugal. Eles estarão no evento para avaliar, expor, vender e trocar artigos colecionáveis.

Por isso, a terceira edição acontece em um local mais amplo em 2022. Com entrada gratuita, o Encontro de Colecionismo será no Obeid Plaza Hotel, na Avenida Nações Unidas, 19-50. O evento será das 8h às 18h, com exceção de domingo, que acaba às 12h. 

Enriquecer a coleção

Qualquer objeto pode fazer parte de uma coleção, como moedas, selos, cédulas, tampinhas de garrafa, itens da Coca-Cola, disco do vinil, brinquedos antigos, papéis de carta e álbuns de figurinha.

A organização e observação desses artigos em conjunto vira uma atividade prazerosa. “É um hobby, ou seja, uma válvula de escape”, resume Josmar, considerando como coleções são também formas de reviver memórias. “Por meio da cultura, estudo e prazer de colecionar, a pessoa resgata laços afetivos”.

Encontro de colecionismoPrimeira edição do Encontro de Colecionismo (foto: Arquivo Social Bauru)

Assim, o evento também é uma forma de manter viva a cultura do colecionismo. Para quem já faz parte do meio, o encontro em Bauru é uma oportunidade para enriquecer as coleções ou trocar peças colecionáveis.

Já as pessoas que possuem objetos de coleção em casa, podem participar do evento para comercializar os itens. Os expositores do evento fazem avaliações dos preços. “As pessoas podem levar [colecionáveis] ao encontro para fazer uma avaliação gratuita e conseguirem uma renda extra. Vários colecionadores vão ao evento para comprar estes objetos”, enfatiza Josmar.

Primeira edição do Encontro de Colecionismo (foto: Arquivo Social Bauru)

Por fim, o evento também deve ser interessante para os leigos no assunto, pois será uma chance para conhecer a arte do colecionismo. No local, estarão expostos diferentes tipos de coleção, que prometem encantar os saudosistas que gostam de ver peças interessantes. “Nostalgia pura”, resume Josmar.

“É uma oportunidade para as pessoas conhecerem a arte e o prazer do colecionismo, trocarem informações, enriquecerem as suas coleções e poderem vender aquelas peças colecionáveis que possuem e não sabem onde fazer isso”, finaliza Rubens.

Serviço
3° Encontro de Colecionismo de Bauru
Local: Obeid Plaza Hotel – Avenida Nações Unidas, 19-50
Data: De 11 a 14 de agosto, das 8h às 18h. Domingo, o evento encerra às 12h
Entrada: Gratuita
Informações: (14) 99747-2217

Compartilhe!
Carregar mais em Comportamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Cidade próxima a Bauru tem opções para relaxar em meio a natureza neste feriado

Conexão é uma palavra que resume bem o mundo pós-moderno, até porque estamos sempre ligado…