No começo deste mês fez 13 anos que a LondonEye aposta no método de ensino Callan para atuar em Bauru. A escola de inglês e espanhol, que começou pelas mãos de duas amigas durante um intercâmbio na Inglaterra e contou com o apoio de outra companheira, hoje reúne um time com 15 professores para ensinar crianças, adolescentes e adultos, principalmente aqueles que procuram por fluência no idioma de forma rápida e eficiente.

Nesse quesito, o método Callan não falha. Pelo menos é o que conta Emy Obara e Jussara Buriham, sócias-proprietárias da LondonEye ao lado de Maria Inês Figueiredo. O método foca na conversação diária a fim do aluno imergir no novo idioma, assim como aprendemos a nos comunicar no início da vida.

“Ele é um método direto e dinâmico, igual quando a gente aprende o português. A gente ouvia muito e falava. Depois a gente começou a ler e escrever. Essa ordem cronológica do aprendizado do idioma faz com que a gente chegue numa fluência muito rápida”, apresenta Emy.

Para isso, a escola trabalha com aulas onlines, presenciais e mistas, duas ou quatro vezes na semana. No último caso, cerca de um semestre é necessário para que o aluno se comunique em inglês ou espanhol, de acordo com as proprietárias da escola.

Jussara Buriham e Emy Obara 

Fluência para além das aulas

Além disso, o local conta com rodízio de professores. A ação visa preparar o aluno para as variações linguísticas, fenômeno natural em que uma língua sofre alterações pelos próprios falantes, mudanças que variam conforme o contexto regional, social e cultural.

“O aluno não tem aula só com um professor. Isso faz com que ele tenha um desempenho melhor, porque não fala só com quem está acostumado. Ele tem essa diversidade para praticar como na vida real, ele se adapta com diferentes sotaques e pronúncias”, informa Jussara Buriham.

Equipe LondonEye 

A LondonEye ainda garante certificado de boa pontuação em exames do TOEFL/TOEIC ao final do curso. Caso contrário, há a possibilidade de fazer aulas extras de forma gratuita. A medida vem como forma de comprovar a eficiência do método de ensino.

“Se o aluno não obtiver a nota, a gente consegue que ele tenha reforço na nossa escola sem custo nenhum”, diz Emy.

Para além do material e das paredes da sala de aula, a LondonEye leva os integrantes para experiências imersivas em ambientes diferentes, como parques, lanchonetes e restaurantes. O objetivo é aprender a se comunicar e se acostumar com a diversidade de estímulos existentes, seja com a presença de pessoas ou com o som do trânsito ao redor.

O material do método Callan é importado da Inglaterra

Aumento da procura pelo espanhol na LondonEye

Faz sete que a LondonEye oferece aulas de espanhol, a segunda língua com maior número de falantes nativos no mundo. No entanto, foi só de dois anos para cá que houve um aumento significativo da demanda pelo idioma.

O fato ocorre, segundo as proprietárias, por conta do interesse de empresas nacionais e internacionais em expandir a atuação nos países falantes da língua. Dessa forma, é cada vez mais comum que funcionários e pessoas em busca de profissionalização cheguem até as portas da escola. Além desses, brasileiros que vão a estudo para países vizinhos também estão no rol de alunos atendidos.

Idioma dentro da empresa

Para as empresas que desejam capacitar funcionários em inglês e espanhol, a LondonEye trabalha com o sistema In Company, em que professores da instituição lecionam aulas do idioma desejado aos colaboradores. Aqui na região, organizações como Vivo, Zopone, Fleischmann e Telefônica já contrataram o serviço da escola de idiomas.

“Atualmente, estamos com bastantes empresas de tecnologia, inovação e engenharia e vamos até o local para dar aula em turmas ou individuais”, apresenta Emy.

Emy Obara

LondonEye pelo mundo

Durante a pandemia, a LondonEye se adaptou às aulas remotas. Foi desse jeito que o grupo proporcionou oportunidades para alunos de outras regiões e até brasileiros morando em outros países participarem das aulas com os professores daqui.

“Muitas pessoas fazem aula com a gente. São de Bauru e região, assim como de outros estados e países. Temos alunos na Bahia, Estados Unidos, Dubai, Itália e Uruguai”, apresentam.

Hoje em dia, a LondonEye segue com os encontros a distância. Mas retornou com as aulas presenciais. A escolha do meio varia conforme a preferência do aluno, que também pode optar pelo método híbrido.

Sede da escola na rua Araújo Leite

publieditorial

Serviço
LondonEye Idiomas Bauru
Endereço: Rua Araújo Leite, 36-07 – Jardim Aeroporto
Telefone (14) 98102-2209 (WhatsApp)
Site: londoneyeidiomas.com.br
Instagram: @londoneye.bauru

Compartilhe!
Carregar mais em Negócios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Após superar dívidas e alcançar doutorado, professor oferece mentoria para desenvolvimento pessoal e profissional

Com uma transição entre a área de beleza, dívidas e uma carreira acadêmica, a história do …