30 junho 2022 - quinta-feira 12:59 pm
Home Sinuhe LP

Sinuhe LP

Sinuhe LP

SINUHE LP é escritor e compositor bauruense. Estudou Midialogia na Unicamp, publicou o livro de poesia visual Manual do Olho (Ed. Urutau, 2018) e lançou o álbum de canções Olhos Que Molham (2019). É membro das bandas Os Últimos Escolhidos do Futebol e Grêmio Recreativo TV & LP.

Postado por Sinuhe LP

Colunistas

Bauru Especial


Bauru Especial Modo de preparo: 1. Desembrulhe o Teatro Municipal de Bauru: tire do esconderijo, mude de lugar, rotacione, revele a forma, pule os muros, apresente o conteúdo, abra aos domingos e feriados, descasque como banana, desembanane, encha de ar e depois esvazie aos pouquinhos, mostre o caroço, não descarte depois de usar, plante o caroço, lave suas peças de …

Continue lendo
Colunistas

Nunca mais te vi em Bauru


Toda parede tem história. Uma parede é definitivamente uma memória: dentro da nossa cabeça – dentro da nossa cidade. Quando você olha para uma parede, inevitavelmente, uma rachadura se abre como porta de labirinto, fluem as ideias, surgem pensamentos. Impossível não lembrar a história da sua parede do coração. Você já parou para reparar, por exemplo, como é a parede …

Continue lendo
Colunistas

Caetano estaciona em Bauru


Caetano Veloso está a 200 km/h na Rodovia Marechal Rondon. Seu destino: Bauru, a cidade sem limites. A rodovia tem limites: 110 km/h para veículos de passeio, como o Ford Ka 1.0 verde-esmeralda do compositor. Seu carro tem apenas duas portas, e ambas as janelas estão abertas, por onde entra uma ventarola tremenda que se confunde com o som do …

Continue lendo
Colunistas

A primeira vez, Bauru, que fui ao cinema


Sabe, Bauru, eu não lembro a primeira vez que fui ao cinema. Não lembro quantos anos eu tinha, qual filme passava, qual cinema era. Mas, porém, contudo, todavia, entretanto, no entanto, eu me lembro muito bem uma específica vez que fui ao cinema. Na infância. É a minha primeira memória relacionada ao cinema. Vamos considerar aqui, pela memória, como a …

Continue lendo
Colunistas

O leão de Bauru


Às segundas-feiras, no colégio, tinha aula de português. E alguém sempre gritava: aula de crase, outra vez? Mas a professora não se chateava. Para começar a ensinar, apagava a lousa cheia de tabuada. Porque antes dela chegar, vinha o professor de geometria. E uma vez ele comentou, durante a lição, um segredo que ninguém sabia. Peçam para a professora contar …

Continue lendo
Colunistas

Neva em Bauru


Na última segunda-feira (5), os moradores da cidade de Bauru, interior do estado de São Paulo, foram surpreendidos por uma frente fria desconhecida. Restringindo-se apenas aos limites do município e não atingindo as cidades-vizinhas, como se uma nuvem carregada espelhasse o formato da cidade no céu, Bauru está imersa a temperaturas negativas de -1° a -3°C, fato nunca antes registrado …

Continue lendo
Colunistas

Bauru, Bacurau, Asa Branca e Sucupira


Bauru é ficção e está no mapa. Filha mais velha das cidades-irmãs próximas e distantes: Bacurau, Asa Branca e Sucupira. Três irmãs ficcionais. Bauru é a irmã deslocada porque se tornou real demais e existe. Revoltou-se. Saltou do filme, saltou do livro, saltou da novela. Da tela pra terra. Explico: o mesmo país que deu origem às três também é …

Continue lendo
Colunistas

Bauruzinho de braços abertos


Quase seis da tarde quando a escultora, coando um café gostoso, ouve a campainha tocar. O correio. Corre da cozinha até o portão: em mãos uma carta. Uma correspondência com o selo municipal. A escultora retorna à cozinha, serve um café, e com uma faca de dois gumes, corta um pedaço de bolo de fubá e abre o envelope timbrado. …

Continue lendo
Colunistas

A terceira margem do Rio Bauru


A terceira margem do Rio Bauru porque não é a primeira – de onde o barco parte – ou a segunda – por onde o barco chega. A terceira margem porque não é isso ou aquilo, ela simplesmente não é, e sim, ela está. Está por onde? A princípio, a terceira margem está no próprio rio. Submersa. Ninguém conhece uma …

Continue lendo