A 3ª edição do Festival de Leitura e Literatura (FELELI) já tem data marcada em Bauru! O evento será realizado do dia 04 ao dia 13 de novembro e conta com programação que une diversas linguagens artísticas e literatura.

Entre esses dias, os bauruenses poderão aproveitar muita literatura como música, dança, teatro e artes visuais. Além disso, haverá a execução de atividades de formação e difusão cultural como contação de histórias, leitura encenada, feira de publicações independentes, encontro com escritores, debates e bate-papos, exposição, música e dança em integração com literatura.

A FELELI será itinerário e passará por 10 bairros de Bauru, o objetivo é ocupar diversos espaços da cidade, além de descentralizar ações culturais e artísticas. Dessa forma, arte e literatura chegam a um público maior e mais diverso.

Os lugares onde serão realizados os eventos também são diversos, tais como: praças, parques, área comercial, empresa, áreas de alimentação, salas de aulas e pátios escolares, teatro, bibliotecas, entre outros.

O evento é realizado por meio do Programa Estímulo à Cultura de Bauru da Secretaria Municipal de Cultura, sendo proponente a SAC- Sociedade Amigos da Cultura e com a realização da Giralua Companhia de Artes.

A abertura do 3º FELELI será realizado neste domingo (04), no Jardim Botânico com apresentação do grupo Espaçonauta-teatro-experiência, de Curitiba. Este dia é voltado à primeira infância e pequenos, e haverá a banca de troca de livros infantis. O convite é que cada um leve livros para trocar.

Confira a programação completa do 3º FELELI:

Dia 04 (domingo)

Jardim Botânico
10h – Espaçonautas teatro-circo-experiência (Curitiba).
Apresentação “Qualé e Chiclé inventando histórias”.

11h – Pique Nique Literário
Intervenção Com Cabeças de Livro. Mesa de Troca de Livros.

Dia 05 (segunda-feira)

Núcleo Habitacional Pres.Geisel – Hospital Estadual de Bauru HBE – Recepção da Hemodiálise e Ambulatório Geral
9h as 10h – Leitura em Movimento para os pacientes – com Cabeças de Livro.
Enquanto os pacientes aguardam atendimento, os Cabeças de Livro compartilham leituras em uma ação que busca empatia e humanização.

E.M.E.F. Lydia Alexandrina Nava Cury (NER – Núcleo de Ensino Renovado)
15h – Roda de Contação de Histórias com Coletivo Managaringolé.
O grupo formado por Cris Moura, Lucia Manzato, Lais Camargo, Rosana Maia, Rosana Tessari e Will Queiróz nasceu na Jornada Semestral de Narração de Histórias, orientado por Val do Varal, nesta ação o grupo se apresenta com diversas narrativas.

Dia 06 (terça-feira)

Jardim Solange – AELESAB
9h30h e 14h – Bojabi, A Grande Árvore – Contação de Histórias com Victor Deluzzi (Barra Bonita).
Sinopse: Em tempo de seca, na África, os animais se unem para solucionar a fome de todos, assim encontram uma grande árvore com suculentos frutos. Mas uma serpente que envolve a arvore propõe um enigma como condição para se aproximarem.

Dia 07 (quarta-feira)

Ferradura Mirim – Seara de Luz
9h – Mukashi – Antigamente no Japão – Contação de Histórias com Andressa Giacomini (Lins).
A narrativa embalada por ilustrações, nos convidam a saborear um pouco do Japão, seus costumes, imaginário sempre em comunhão com a natureza.

14h – De muito procurar… – Contação de Histórias com Cia Palavraria.
Sinopse: Aquele homem que não era visto, via longe. Mas, afinal, como procurar por algo que não se sabe como parece? Bem, se existe alguém que pudesse achar, seria aquele homem…

Dia 08 (quinta-feira)

Parque Jaraguá – Escola Estadual Sebastiana Valdíria Pereira da Silva
10h – Intervenção Literária com Cabeças de Livro.
14h- Intervenção Literária com Cabeças de Livro.
No espetáculo performático os leitores lançam ao ar a literatura contida em livros da literatura mundial. Durante a intervenção o público é levado a ambientes de poesia, filosofia, mitos, terror e riso… Na cena atores com livros por todos os lados, no ar e em suas cabeças, versos, narrativas e trava-linguas, envolvendo grande número de autores.

Dia 09 (sexta-feira)

Nova Esperança
Escola CAIC
Das 13h as 17h – Contação de Histórias “O papagaio Real” com Will Queiróz.
Sinopse: Uma jovem corajosa se vê impelida numa jornada cheia de perigos e criaturas encantadas. Ela deve seguir seu coração para encontrar o grande Reino de Acelóis, em terras completamente desconhecidas!

Encontro com Escritor – Mediação de Regina Ramos, com Mariluci Genovez e Ana Maria Barbosa Machado
Luiz Vitor Martinello.
Escritores de Bauru falam sobre suas obras e seus processos de criação.
Ana Maria Barbosa Machado apresenta “Teodoro”. Mariluci Genovez “Olha o vento catavento e Pequenos engenheiros e bichos interessantes”. Luiz Vítor Martinello com “O Penuginha”.

Dia 10 (sábado)

Centro Cultural “Carlos Fernandes de Paiva” – Auditório
8h30 as 11h30 – Encontro com a Literatura Infantil – Roda de Conversa: incentivo à formação de crianças e jovens leitores. Pré leitor ao leitor fluente.
40 vagas / inscrição e certificado.
Publico alvo: Professores, educadores, estudantes de pedagogia e licenciaturas.
Convidadas: Prof. Dra Maria do Carmo Kobayashi e Prof. Dra Rosa Maria, docentes do Departamento de Educação da Unesp-Bauru.

Pinacoteca Municipal de Bauru e Casa Ponce Paz
14h as 21h – 2ª FIZ – Feira Interativa de Zines e afins.
Feira de Publicação Independente de criações literárias em forma de livretos e zines.

Expositores: Barbara Alcantará/Natália Schiavon/Daniel Soares/Giovanna de Ávila/Rosa
Piva/Guilherme Afonso/Caró Brandão/Leticia Sartore/Renato RapNobre/Silas
Alcantara/Fernando Diniz/Gaucha Rocha/Poexistindo

15h as 16h30 – Das páginas à rede: novas formas de ler e escrever. Com Carol Bataier.

17h as 19h- SubVersoSLAM
A edição Pocket convida 10 slamers para a batalha de versos apresentando novas criações no campo da poesia marginal.

19h as 20h – Musica autoral – Fernando Vasques – A palavra canção Dos fluxos poéticos ao gesto da escrita e da fala à melodia, o autor e compositor propõe uma experiência cênica para esse encontro. Textos, poesias e canções subvertem o banquinho e o violão para agigantar o campo de atuação das urgências e dos afetos.

20h as 21h – Sarau

Dia 11 (domingo)

Jardim América
Avenida Getulio Vargas
9h as 10h – Cabeças de Livro faz Intervenção Artística com leituras em movimento no ato da leitura gerando uma situação extra cotidiana na ocupação do espaço público, como um convite à pausa para audição literária.

Dia 12 (segunda-feira)

Vila Vergueiro
Escola Estadual Eduardo Velho Filho
Intervenção Literária Para Juventude com Cabeças de Livro

Dia 13 (terça-feira)

Vila Independência
Escola Estadual Henrique Bertolucci
10h e 15h – Intervenção Literária – com Cabeças de Livro.
Uma seleção de narrativas da literatura infantil apresenta diversos autores contemporâneos que escrevem para crianças, entre Laura Erber, Mem Fox, Fernanda Lopes de Almeida, José Santos, Elias José, Ziraldo e muito mais.

As informações são da Prefeitura Municipal de Bauru. 

Serviço
3º Festival de Leitura e Literatura (FELELI) – 04 a 13 de novembro
Locais: Pinacoteca Municipal de Bauru (Rua Antonio Alves 9-10) / Centro Cultural Carlos Fernandes de Paiva (Avenida Nações Unidas 8-9)
Informações: whatsapp (14) 98103-6389 / (14) 3204-9805
Facebook: Festival de Leitura e Literatura

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Juliana Oba
Carregar mais em Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Casinha do Papai Noel será inaugurada neste domingo (08) em Bauru

A época mais aguardada do ano chegou, o Natal! E para comemorar do jeito certo, os bauruen…