brasil-bauru1

Proporcionar aos participantes a oportunidade de estudar o problema da corrupção desde a história da formação moral e social do brasileiro. Este é o principal objetivo do Grupo de Estudos sobre a Corrupção (GEC), em formação na Instituição Toledo de Ensino (ITE). Com faixa etária livre e aberto à comunidade, o projeto de extensão terá início no dia 7 de maio. As inscrições devem ser feitas no Núcleo de Atividade Complementar (NAC) ou no Núcleo de Extensão da ITE.

Segundo o responsável pelo grupo e supervisor do Núcleo de Extensão, professor Fausi dos Santos, a abordagem contará com pensadores tais como, Sérgio Buarque de Holanda, Gilberto Freyre, Darcy Ribeiro, Florestan Fernandes e Paulo Freire, que tratam os principais elementos da formação da identidade do homem brasileiro.

“Ainda objetivamos analisar os principais elementos sociais e culturais que explicam a corrupção desde o conceito do famoso jeitinho brasileiro. E, a partir destas constatações sociológicas, queremos buscar nos participantes o interesse de superação da corrupção por meio de atitudes proativas, principalmente nos afazeres diários”, explica.

Os encontros serão quinzenais, sempre aos sábados, das 9h às 11h30, na sala 219. Será disponibilizado previamente um texto base para leitura que servirá como mote de discussão e aprofundamento durante os encontros. Os debates serão abertos e contará com a participação de todos.

As informações são da assessoria de imprensa da ITE.

Serviço
A ITE fica na Praça IX de Julho, 1-51, Vila Pacífico.
Mais informações e inscrições: [email protected] e (14) 2107-5057

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Amanda Araújo
Carregar mais em Geral
...

Verifique também

Festival de Inverno do Villa Rondon em Bauru terá atrações como Léo & Raphael, Bruno Araújo e Dj Elieser

Nem só de Arraiá vivem os bauruenses! Mas, sertanejo nunca é demais, por isso, o Villa Ron…