Inédita em Bauru, a exposição ‘Jardim de Pandora’, da artista Raquel Fayad, está na Galeria Municipal Angelina W. Messenberg. O público pode visitar a mostra que tem curadoria de Andrés I. M. Hernández e fomento municipal da Secretaria de Cultura por meio do edital de Contratação de Projetos para Exposição Individual de Artes Visuais.

As obras refletem a pesquisa artística de Raquel potencializando as conexões e conjunções de conceitos/espaços para consolidar e expandir os mesmos de forma singular.

Atualizada com as inovações tecnológicas ao longo dos anos, a artista propõe uma série de obras multifacetadas, interdisciplinares e transgressoras. Para isso, ela explora e combina música, teatro, performance, animação digital, pintura, esculturas, instalações, desenhos e vídeos.

A abertura da exposição foi realizada na noite de 5 de abril com a performance instaurativa ‘A Trôpega eternidade dos rastros’.

Sobre a artista

Raquel Fayad (Foto: reprodução/ Site Raquel Fayad)

Raquel Fayad é formada em Artes Plásticas, Música, Dança e Gestão Cultural. Sua prática artística reflete questões afetivas que configuram as relações humanas, partindo da memória coletiva e das experiências particulares, visando diálogos ou processos colaborativos.

Amplia os meios e suportes das obras de arte se utilizando de processos híbridos com as artes visuais, a música, o corpo em movimento, o vídeo e outras áreas do conhecimento. A partir dessas ferramentas, discute as transformações do corpo feminino no processo de transição de uma nova forma de repensar este corpo.

Participou de várias exposições individuais, coletivas, residências artísticas, e possui obras em coleções públicas e privadas. Atualmente está em cartaz com a Exposição Campoamor, curadoria de Andrés I. M. Hernández, no Museu do Café, em Santos-SP.

Sobre o curador

Andrés Inocente Martín Hernández (Foto: reprodução/ Facebook)

Andrés I. M. Hernández é Artista Visual, Curador, Pesquisador, Professor e Crítico de Arte. Pós-Doutor pelo IA da UNESP, Doutor em Artes Visuais, Mestre em Teoria, Crítica e Produção em Artes Visuais e graduado em Educação.

Como curador, tem organizado diversas exposições e laboratórios curatoriais nacionais e internacionais desde 1997, como Regina Silveira (Metáforas Construídas), na Colômbia (2015) e Cobaias no Brasil (2021). Nessa atividade inclui-se curadorias de residências artísticas como Erosões Visuais Casa Duna em Atafona-RJ (2018) e Residência/Expedição durante a 13ª Bienal de Havana, Cuba (2019).

Serviço

Exposição ‘Jardim de Pandora’, da artista Raquel Fayad
Visitas: até 5 de junho, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, e aos sábados, das 13h às 17h
Local: Galeria Municipal Angelina W. Messenberg (Av. Nações Unidas, 8-9 – Centro)
Classificação livre
Entrada gratuita
Agendamento de grupos pelo formulário online: forms.gle/JJanpYgUSFAbmzj4A

Compartilhe!
Carregar mais em Cultura

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Atitude 67 e MC Davi fazem show em Bauru neste sábado (25) na festa “A Nossa Maha”

“A Nossa Maha” é neste sábado (25) com shows de Atitude 67 e MC Davi. Pra completar o line…