Durante seus 35 anos, o projeto Crescer de Bauru nunca passou por um período tão difícil em relação ao atendimento de suas crianças e adolescentes como o que tem passado no último ano com a pandemia de Covid-19. Desde de março de 2020, os funcionários têm se reinventado para conseguir atender de forma online as 150 crianças e adolescentes, entre 2 a 15 anos.

O projeto, que faz parte do Centro Espírita Amor e Caridade (Ceac), trabalha o desenvolvimento educacional e social, através de atividades planejadas em forma de oficinas, práticas esportivas e lúdicas que possibilitem o desenvolvimento da convivência, autonomia e cidadania de crianças e adolescentes, em período de contraturno escolar.

“Nós trabalhamos para favorecer o progresso pessoal, escolar e profissional das crianças. Se investirmos no futuro de uma criança, teremos um adulto inteligente e apto a construir uma família equilibrada”, acredita a assistente social Rosimeire Rodrigues da Cunha.

Isolamento social

Mas agora, com a necessidade do isolamento social, as atividades precisaram ser realizadas em sua maioria de forma online, porém nem todas as crianças têm acesso à internet. E a falta de aparelhos eletrônicos para que elas possam acompanhar as atividades propostas também é um problema que a entidade enfrenta.

As atividades estão sendo desenvolvidas pelas educadoras com recursos online e também com atividades impressas e entregues aos responsáveis. Para as crianças da educação infantil, de 2 a 5 anos, as atividades estão no modo de ensino híbrido, com 25% dos alunos na forma presencial e os demais com aulas remotas”, explica a coordenadora pedagógica Joice Cristina Alves de Godoi.

Além do Serviço de Convivência, o projeto tem o trabalho pedagógico na Educação Infantil, realizado para as crianças de 02 a 05 anos, com objetivo de desenvolver a coordenação motora, equilíbrio, habilidades, expressão corporal, classificação e nomeação, memorização, discriminação auditiva e visual, expressão oral e linguagem escrita, além da arte e lazer e da alimentação visando a saúde e o bem-estar das crianças.

Em parceria com a SEBES (Secretaria do Bem Estar Social), o projeto atende crianças e adolescentes das regiões da Vila Zillo, Parque das Nações, Vila Serrão, Comendador Joaquim da Silva Marta que encontram-se em situação de vulnerabilidade, integrando família, escola, sociedade e ações governamentais.

Nós temos como missão melhorar a vida dessas crianças e adolescentes, diminuindo o índice de violência doméstica, evasão escolar, fornecendo uma alimentação adequada, acesso a educação infantil, cultura e lazer, visando o pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho”, explica o diretor voluntário do projeto Crescer, Alcir Lúcio Kauffmann.

“Nunca desistir”

O Andrey Costa Cardoso dos Santos, de 19 anos, foi uma das crianças atendidas pelo projeto Crescer. Hoje ele cursa enfermagem e conta que aprendeu muito durante os 10 anos que frequentou o projeto.

Venho de uma família bem humilde. Fui uma criança criada por meus avós, juntamente com meus irmãos e o que aprendi no Projeto Crescer levo para a minha vida. Me ensinaram que nunca devo desistir dos meus sonhos, que devo sempre ter foco em meus objetivos. O Projeto Crescer tem um grande significado em minha vida, pois foi lá que conheci o verdadeiro sentido da amizade e que devemos fazer o máximo para ajudar o nosso próximo”, relata.

Doações

Mesmo com a pandemia, o Projeto Crescer distribui semanalmente alimentos para as famílias e depende de doações. Quem puder colaborar com doação de alimentos, livros, roupas, sapatos.

Desde o início da pandemia, o projeto Crescer também pede a doação de itens eletrônicos como computadores, tablets e celulares para ajudar na educação das crianças que está sendo realizada de forma remota.

CEAC

O CEAC também possui outros projetos beneficentes em Bauru:

Projeto Crescer: Parque das Nações
Projeto Crianças em Ação: Jardim Ferraz
Projeto Colméia: Vila São Paulo
Projeto Girassol: Fortunato Rocha Lima
Projeto Seara de Luz: Ferradura Mirim
Creche Nova Esperança: Nova Esperança
Projeto Gestar: Sede – CEAC
Projeto Comini: Sede – CEAC
Albergue Noturno: Centro da Cidade

Serviço
Projeto Crescer
Telefones (14) 3214-4769 e (14) 99137-4221
E-mail: [email protected]
Facebook: Projeto Crescer CEAC
Site: projetocrescer.ceac.org.br

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Renata Marconi
Carregar mais em Geral

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

No Dia da Biblioteca, saiba a importância dos acervos de Bauru

O que nos vem à mente quando pensamos em uma biblioteca? Um espaço cheio de livros. Para a…