Um curso intensivo de 21 dias seguidos para promover mudanças pessoais. Essa é a proposta do ‘Método T’ (de transformação), criado pela bauruense Bárbara Israelly e que reúne diferentes práticas terapêuticas.

“Olhar para o passado e entender como ele ainda afeta hoje. Muito do que vivemos é uma projeção do passado. Além disso, olharmos para o sistema familiar e repetições de padrões, identificaremos o que acontece e solucionaremos”, resume a terapeuta. 

“É para a pessoa entender a própria história e os seus porquês. Tratar suas feridas emocionais e ter bons frutos com isso. Um relacionamento saudável consigo mesma e com os outros, prosperar e ter a vida que sente que merece, realmente alcançando os objetivos, complementa.

Com prática todos os dias, o curso engloba aulas em vídeo, e-books e técnicas terapêuticas baseadas em técnicas como a teoria da constelação familiar, inteligência emocional, reprogramações mentais, entre outras. Após os 21 dias, Bárbara oferece uma mentoria em grupo por um ano que serve de acompanhamento para auxiliar no dia a dia.

Página do curso

Para quem quiser saber mais sobre o ‘Método T’, a terapeuta fará uma aula online ao vivo no dia 08/08, às 20h. Nesta aula, Bárbara irá falar sobre as 7 travas da vida e dar a chave para elas, além de explicar detalhes do curso que será lançado.

Outras práticas terapêuticas

O método surgiu de estudos e da experiência da Bárbara. Ela se formou em Psicologia em 2016. “Além de escolher uma área para trabalhar, eu decidi fazer o curso para entender os meus sentimentos naquele momento”, conta.

Em seguida, ela passou anos atendendo em clínica de psicologia, além de fazer terapia para lidar com a compulsão alimentar e a pressão do trabalho. Aos poucos, foi adicionando técnicas integrativas como, por exemplo, a constelação familiar. Foi a partir da mistura de práticas que começou a sentir efeitos, primeiramente na própria vida.

“Eu me transformei! Eu era insegura e com dificuldades no dia a dia, por exemplo, para fazer exercícios físicos. Com o tempo, eu saí de uma pessoa que vivia na escassez para a Bárbara que me tornei hoje”, comenta.

Depois, ela começou a mudar a forma de trabalhar, combinando “o que via de mais eficiente dentro do setting terapêutico”, como resume. Em 2023, decidiu focar no próprio tipo de atuação, atuando como terapeuta, mentora e consteladora familiar.

Sala onde ela grava as aulas do curso

O próprio método de atendimento

A metodologia da Bárbara é uma união de quatro conceitos: psicanálise, inteligência emocional, constelação familiar e hipnose. O que a terapeuta faz é aplicar essas práticas nos atendimentos, de acordo com a necessidade.

Atualmente, Bárbara oferece atendimento em três serviços:

  • Terapia com sessões semanais (agenda fechada no momento);
  • Mentorias, na qual são feitas oito sessões seguidas de um acompanhamento;
  • ‘Método T’ com 21 dias de aula.

Em todas, a proposta é aprofundar em questões do passado como a história de vida, a relação com a família e os traumas. Em seguida, busca entender como isso afeta os atuais comportamentos da pessoa de maneira inconsciente e gera problemas como crenças, que limitam a mulher de acessar todos os desejos.

A partir dessa compreensão, o próximo passo é ressignificar concepções de vida, tornar as atitudes conscientes e indicar que uma mudança é possível. 

“Jung tem uma frase essencial para entender essa transformação: ‘até você se tornar consciente, o inconsciente irá dirigir sua vida e você vai chamá-lo de destino’. Então, a pessoa acredita que é destino dela ser infeliz. O que eu faço é alterar essa percepção”, comenta a terapeuta.

publieditorial

Serviço
Bárbara Israelly
Endereço: Rua Antônio dos Reis, 11-70
Contato: (14) 99618-0743
Site para inscrições no ‘Método T’: barbaraisraelly.com/inscricoes
Instagram: @b.barbaraisraelly_
Facebook: /barbaraisraellypsico

Compartilhe!
Carregar mais em Comportamento

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

CTI Bauru inaugura sala de descanso criada por iniciativa de ex-alunos

Nesta segunda-feira (15), o Colégio Técnico Industrial ‘Prof. Isaac Portal Roldán’ (CTI) i…