Você sabia que, atualmente, a população negra corresponde a 54% da população brasileira? Esses dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Além disso, 50% dos donos de negócios são negros, baseada na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD).

Ainda assim, apenas 4,7% dos negros ocupam cargos executivos e quanto se trata de mulheres esse valor cai para 0,4%, segundo o Instituto Ethos.

Frente a esse parâmetro, foi criado o Black Bauru, evento que tem como proposta aproximar o jovem negro universitário do mercado de trabalho. Com palestras, roda de conversas e atividades protagonizadas por afroempreendedores locais e de São Paulo, o evento foi criado por jovens negros da Unesp de Bauru.

Esse é o primeiro evento no calendário oficial da Unesp de Bauru relacionado à temática racial e ao mercado de trabalho. O Black Bauru acontece no dia 30 de outubro, a partir das 14h, na Unesp. Além disso, tem entrada gratuita!

Programação completa

O evento começa na tarde do dia 20, com uma feira de exposição de produtos dos afroempreendedores locais, das 14h às 16h. Depois, das 16h às 18h, rola a roda de conversa com afroempreendedores discutindo sobre o tema “Como empreender sendo negro em Bauru”.

Já no período da noite, o Black Bauru conta com um painel de profissionais de São Paulo, das 19h às 22h. O painel contará com a presença de Patrícia Santos, da EmpregueAfro, André Ribeiro, da Diáspora Black e Bruno Brigida, do Clube de Preta.

Oportunidade de crescimento

Para Matheus Dias, que faz parte do organização do Black Bauru, há muito potencial na população negra, contudo, devido a falta de investimento, infraestrutura e até o local onde se encontram, eles acabam sem oportunidades de crescimento.

“E o mercado tradicional como a gente conhece, principalmente no Brasil, ainda tem poucos negros. É importante que os negros ocupem esses espaços, pois podem transformar a sociedade através do seu serviço. Dessa forma, se uma pessoa negra estiver a frente de uma agência de publicidade, por exemplo, ela vai conseguir pautar mais publicidade para pessoas negras e consegue mais representatividade para sociedade no geral”, comenta Matheus.

Para o Black Bauru, é importante valorizar o que as pessoas negras estão fazendo e que isso sirva de inspiração para jovens universitários. O evento é aberto para toda a sociedade, de forma a gerar um debate sadio entre todos.

Serviço

1ª Edição Black Bauru

Data: 30 de outubro, a partir das 14h
Local: Unesp de Bauru (Av. Eng. Luís Edmundo Carrijo Coube, 14-01)
Entrada gratuita
E-mail: [email protected]
Instagram: @blackbauru
Facebook: www.facebook.com/BlackBauru

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Gabriela Gomes
Carregar mais em Negócios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Há um ano em Bauru, Aramis aposta em personalizar experiência de compras dos homens

A Aramis, loja de moda masculina social e casual, está completando um ano em Bauru hoje, d…