Somente após cerca de dez anos de experiência e passagem por três escritórios, o corretor Márcio Lovison sentiu segurança para abrir a sua própria imobiliária. Para ele, era importante conquistar o respeito dos clientes e consolidar o seu nome em Bauru antes de seguir por conta própria.

“Não adianta achar que vai entrar no ramo imobiliário e já ganhar dinheiro no primeiro mês. Tem que fazer todo um trabalho de plantio, de plantar o nome e o trabalho. Só depois vem a colheita. Requer muita dedicação”, comenta ele.

Quando lançou a Seven Empreendimentos Imobiliários, a ideia era ser apenas ele como corretor e um assistente para controlar sua agenda. O objetivo era assumir toda a responsabilidade do escritório e conseguir ser exclusivo dos seus clientes. 

Entretanto, esse início individual durou pouco. Rapidamente, o corretor começou a ampliar a equipe e os serviços, passando a incluir venda e aluguel de imóveis de todas as faixas de investimento e em todas as localidades de Bauru. Foram nove anos em que a imobiliária passou do Márcio em uma sala emprestada para o prédio próprio com quase 20 colaboradores.

Relembrando esse crescimento, ele reflete sobre os caminhos que levaram ao fortalecimento da Seven na cidade, principalmente o bom relacionamento com os clientes. “Nós vendemos sonhos. Saber disso é o que garante o sucesso da nossa empresa. Da documentação perfeita à entrega das chaves, nós nos preocupamos com o cliente”, garante.

Nesse sentido, Márcio reconhece a importância da sua experiência e da sua seriedade como corretor. Quando pensa no peso de trabalhar em um ramo no qual as pessoas entregam a vida financeira para realizar o sonho ou investir no futuro, ele sente que o melhor caminho será sempre seguir o princípio de fazer o bem para garantir a confiança dos clientes.

O nome e o começo em uma sala emprestada

Com a decisão de seguir por conta própria, o primeiro passo era escolher o nome da imobiliária. Inicialmente eram dez nomes na lista, como Confiance, Exclusive, Estrutura, Alicerce e Paulista. 

Em uma viagem a São Paulo, durante uma visita a uma agência de marketing descolada de um cliente, ele resolveu pedir ajuda para escolher entre os dez nomes. “Vi aquele espaço criativo e enxerguei a oportunidade de fazer uma consulta”, brinca Márcio.

A resposta do dono da agência, após riscar os nomes da lista um por um, foi: “Nenhum desses”. A sugestão foi então seguir a tendência da época – lançamentos do G1, R7, 9ine – e decidir por um número. Márcio pensou em como “a bíblia cita muito o 7”. “Deus fez o mundo em sete dias, sete voltas no muro de Jericó, sete trombetas, sete igrejas, sete anjos, e por aí vai”. 

Nascia assim a Seven Empreendimentos Imobiliários, no dia 28 de março de 2012. Ainda como único corretor da imobiliária, o Márcio atendia em uma sala emprestada por um cliente que depois virou seu amigo, dentro do escritório dele. Quando precisou aumentar a equipe dois meses depois, já estava em um novo espaço, na Galeria Center 21. Com o tempo, ampliou o número de salas que alugava por lá e também a quantidade de colaboradores. 

Em 2018, veio a inauguração da sede, em um prédio próprio na Rua Engenheiro Saint Martin, esquina com a Rua Vereador Joaquim da Silva Martha. Hoje, com 18 colaboradores e 9 anos de história de crescimento, a Seven mostra força no mercado de Bauru.

Produtos para todos os públicos

Para Márcio, a confiança dos clientes – conquistada pela honestidade e dedicação – explica esse crescimento, começando por aqueles que foram atendidos antes do início da imobiliária própria e que até hoje o procuram a cada novo investimento. 

Dessa forma, o nome ligado à religião faz parte da filosofia da Seven. Citando passagens da bíblia, Márcio explica as decisões tomadas ao longo da história da imobiliária e as escolhas diárias por lá. “Estamos sempre tentando fazer negócios da melhor forma e sempre pensando no bem. Às vezes pode demorar mais, mas eu não vou fazer diferente. E até agora está dando certo comigo”.

Inclusive, foi essa filosofia que guiou o Márcio na certeza de contratar mais colaboradores e oferecer mais serviços. Atualmente, a Seven vende e aluga imóveis de todas as faixas de preço e em qualquer localidade, seja rural, industrial, comercial ou lançamentos. 

No site da imobiliária, são mais de mil imóveis disponíveis. “É como um supermercado, que tem que ter tudo nas prateleiras. Então se você chegar na Seven hoje, temos tudo o que você precisa nas nossas prateleiras”, comenta Lovison.

Recentemente, o escritório lançou um braço específico para atender o público de alto padrão, a Seven Imóveis de Alto Padrão. Especialidade desde a abertura da imobiliária, agora esse novo canal facilita a comunicação e o atendimento desses clientes. Além de uma equipe focada em atendê-los, a Seven Alto Padrão possui um site e Instagram próprios para divulgar essas oportunidades.

Ademais, a Seven segue em expansão, oferecendo agora também a manutenção de imóveis para vendas e locação, como reparos em alvenaria, hidráulica, elétrica, pintura e jardinagem. Como explica o Márcio, “o imóvel, em uma foto ou em uma visita, precisa encher os olhos”. No novo serviço, a imobiliária faz reparos, lida com infiltrações e corta grama, além de fazer também mudanças maiores com apoio de uma arquiteta parceira.

Experiência acumulada

Quem olha o tamanho da Seven hoje, precisa enxergar também a história do Márcio antes daquele março de 2012. É conhecer a experiência que ele acumulou e que o deu a segurança para seguir individualmente.

Iniciando pelo fato de que ele, quando trabalhava, na época, no ramo de construção e lidava com obras, achava que não tinha capacidade de ser corretor. “Eu achei que não tinha dom da venda. Eu falava que não conseguia vender um gato para uma pulga”, diz.

Quando um amigo sugeriu a ideia, ele resolveu buscar trabalho em imobiliária, começando de baixo. Dessa época, em que comia marmitas com outros corretores no canto do escritório, ele relembra de momentos de desafios, e que hoje vê como parte importante da trajetória.

Uma dessas situações foi quando estava com um cliente no carro após apresentar uma casa e ficou sem gasolina. “Ainda tentei falar que era um problema na bomba de combustível, mas ele não acreditou e se ofereceu para encher o tanque (risos)”, brinca ele.

Em outra ocasião, já consolidado, ele teve o dilema de continuar no ramo imobiliário ou aceitar uma proposta para comandar uma empresa por um bom salário. Naquele mês, vendeu três apartamentos rapidamente e sentiu que era um sinal divino para continuar na área. 

Foram experiências que o ajudaram a construir, na prática, sua habilidade como corretor. O que, segundo ele, nem sempre o curso técnico oferece. “Não é só tirar a carteira do CRECI e virar corretor. Tem que passar por um processo”, diz ele. Pensando nisso, Márcio reforça como cada obstáculo da sua carreira moldaram o profissional que ele é hoje.

O trabalho do corretor de imobiliária

Nesse sentido, ele reflete também sobre as qualidades do corretor de imóveis. Uma profissão cuja técnica soma a capacidade de ser social, de conversar com as pessoas e de vendas com a experiência de encarar cada etapa do processo de negociação de imóvel, que sempre pode apresentar dificuldades.

Dessa forma, segundo o Márcio, o corretor precisa assumir diferentes papéis. Vira o psicólogo quando tem que acolher quem não consegue comprar a casa dos sonhos; o contador quando precisa avaliar o lucro dos clientes; o advogado que lida com toda a parte documental e burocrática em cartórios; isso sem contar as capacidades de ser vendedor, comunicador, conciliador, entre outros.

Portanto, esse profissional precisa considerar a importância de cada fase como garantia daquilo que paga as contas. “Eu costumo dizer que o corretor acorda pobre e dorme rico”, comenta Márcio. “Ele vive do próprio suor do trabalho dele. Se ele vender, ele ganha. Se não vender, não ganha. E assim vai, encarando oscilações”.

Realização de sonhos

Com esse pensamento, o criador da Seven reforça a importância da profissão. O imóvel é uma das compras mais caras da vida e a mediação de um corretor evita prejuízos, pois é ele que vai auxiliar na escolha do imóvel, cobrar vistorias e avaliar documentos. 

É uma capacidade técnica para lidar com tudo o que envolve uma das aquisições mais importantes para muitas pessoas. Como o corretor alerta, muitos clientes entregam com confiança a reserva financeira da vida na mão de um corretor de imóveis.

Mas também quando dá certo, a alegria é proporcional ao desafio. Por isso, Márcio fala que o mais empolgante da profissão é a possibilidade de ajudar as pessoas a realizarem o sonho de comprar um imóvel. “Tem gente que grita de felicidade quando assina o contrato. É um troféu da vitória da vida dela! É fantástico fazer parte disso”, diz ele.

Da mesma forma, a celebração com o corretor chega a se estender além desse momento. Márcio já foi convidado para vários churrascos e festas de inauguração de casa nova dos seus clientes. 

Comemoração de 9 anos da imobiliária

E se ele é convidado para participar de churrascos, o criador da Seven também gosta de dar festas. Todo o ano, no dia do aniversário da imobiliária, ele passa o dia recebendo clientes com comidas e bebidas.

Dentro do escritório, a mesa de sinuca na sala de descanso e o espaço rústico com churrasqueira mostram que socializar é parte da empresa. São dois espaços de convivência, um para cada momento. “Um é para risoto e vinho, e outro para costela no chão e chopp”, brinca Márcio.

Com a pandemia, esse será o segundo ano da Seven sem poder comemorar com os clientes. Mas com esperança, o Márcio já planeja uma celebração do aniversário de 10 anos para compensar os dois últimos. Ele brinca que será uma festa de três dias: na sexta a de 8 anos, no sábado a de 9 e no domingo finaliza. 

Por enquanto, sem poder fazer festa, a comemoração será com uma live solidária com a dupla Mateus e Belini. O show acontece nesta quinta-feira (1), às 19h30 e pode ser visto no Instagram e no YouTube da Seven. Apoiada por 17 empresas, a live vai arrecadar doações para Bauru e para o sertão pernambucano.

Das marmitas no canto da primeira imobiliária e falta de gasolina com o cliente ao início solitário de aluguel do amigo e chegando à equipe de quase 20 pessoas e um prédio próprio, a comemoração dos nove anos, mesmo que sem festa, é uma forma de celebrar uma trajetória construída em cada momento. 

“Eu sempre penso em uma frase da bíblia: ‘Quero trazer à memória o que me pode dar esperança’. Se eu olhar pra trás, e ver o que eu já vivi para chegar até agora, passou e fica como experiência”, lembra ele. Portanto, relembrar essa história ajuda a compreender o crescimento da Seven em quase uma década como resultado de uma filosofia de vida.

publieditorial

Serviço
Seven Empreendimentos Imobiliários
Endereço: Rua Engenheiro Saint Martin, 22-02
Horário de funcionamento: de segundo a sexta, das 08h às 18h; sábados, das 08h às 12h
Contato:  (14) 3202-7777 / (14) 99717-5858 (WhatsApp)
Site: https://www.seven7imoveis.com.br/
Instagram: @seven7imoveis
Facebook: /seven7imoveis
Site Seven Alto Padrão: www.sevenaltopadrao.com.br
Instagram Alto Padrão: @sevenaltopadrao
Facebook Alto Padrão: /sevenaltopadrao

Compartilhe!
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Raphael Bonini
Carregar mais em Negócios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Boulevard Shopping Bauru anuncia 9 estabelecimentos novos

O Boulevard Shopping Bauru anuncia novidades que chegarão em breve ao centro de compras. A…