No meio do caminho, havia uma pedra, barrando o sonho da realidade. Quantas pedras do seu caminho você conseguiu passar por cima
ou quantas vezes você desistiu por elas existirem? Você é do tamanho dos obstáculos ou dos seus objetivos? É uma notícia um tanto desanimadora, querer comparar o peso da cruz que cada um tem que carregar.

Não nos tornamos fracos porque desistimos de alguns projetos, mas sim porque nos frustramos com isso e temos tendência a reclamar aos sete ventos. Se reclamação trouxesse resultado, os mais bens sucedidos não teriam feito a coisa acontecer. Pois é, se um projeto encalhou, meu filho, bola para frente, a vida é mais que isso. Não se pode ter medo de errar e arriscar, mas também não se deve culpar a vida toda por isso.

Eu vejo tanta gente atacando para todo lado e descobrindo o que não quer ser. Convenci-me de que, cada vez que aprendemos algo novo,
nos aproximamos mais do que realmente queremos ser. Essência é algo muito profundo ligado à alma que, quando cavucado, sabe-se que somente o tempo e a fé pode nos levar à verdade do que somos.

Temos duas escolhas: nos tornarmos uma pedra ou esquecermos que elas existem. Abaixo às reclamações, à gente chata e intrometida e muita positividade ao que você busca encontrar.

Compartilhe!
Carregar mais em Colunistas
...

Verifique também

Bauru Especial

Bauru Especial Modo de preparo: 1. Desembrulhe o Teatro Municipal de Bauru: tire do escond…