Seguindo uma tendência atual, adaptações de jogos tem sido o grande destaque dos estúdios de cinema e das plataformas de streaming. Super Mario Bros. O Filme em conjunto com o filme da Barbie foram as maiores bilheterias do ano de 2023. No ano passado também tivemos a série The Last of Us da HBO que comprova que as adaptações têm sido protagonistas agora nas telas da TV. 

E neste meio, a série Fallout, que parecia ser quase impossível adaptar um jogo tão complexo, mas que na real, é um cenário perfeito para uma série. Fallout é uma série de jogos no estilo RPG, criada por Tim Cain e teve seu primeiro título lançado em 1997 para PC, mas que conseguiu evoluir com as novas gerações de consoles e hoje coleciona uma legião de fãs. Agora temos uma temporada inteira (com a segunda renovada) no Prime Video.

Foto: Divulgação

A série Fallout segue uma realidade alternativa onde, após a Segunda Guerra Mundial, o avanço tecnológico da guerra gerou sérias consequências para uma troca nuclear apocalíptica, colocando a humanidade à beira de um colapso. Duzentos anos após o apocalipse nuclear, os mais ricos conseguiram fugir para luxuosos abrigos subterrâneos chamados de Safehouse, mas agora são forçados a deixar os bunkers e enfrentar uma realidade brutal e violenta onde a radiação é apenas uma das grandes ameaças. 

A série segue três personagens de origens completamente diferentes: Lucy (Ella Purnell), uma das moradoras do abrigo; Maximus (Aaron Moten), um jovem soldado da facção paramilitar Irmandade de Aço; e The Ghoul (Walton Goggins), um caçador de recompensas que esconde um passado misterioso enquanto sobrevive no deserto.

Um dos pontos que vale ressaltar são os personagens, que apesar de versões inéditas, eles representam todas as versões e variações de personagens dos jogos. Ella Purnell, que ficou conhecida pelos trabalhos com diretores expressivos, como Tim Burton e Zack Snyder. Ela também esteve nas séries Yellowjackets e da incrível animação Arcane, da Netflix. Ela é o foco principal, e assim, como nós, é nova neste mundo. E tudo que ela vivencia, a gente vivencia também.

Aaron Moten, está muito bem também, do trio principal é o menos famoso, pelo menos por enquanto. Maximus é um baita personagem que acompanhamos seu crescimento, até o fim da temporada.

Mas de todos, Walton Goggins rouba a atenção em todas as cenas que está presente, tanto pelo carisma de seu personagem, mas por todo background e aos poucos vamos descobrindo sua importância naquele mundo. Walton Goggins é um homem, feio, forte e formal (referência para quem assistiu, e é claro, no Brasil, ele tem um outro significado).

A série é muito bem feita, a história é descomplicada e fácil de entender, mas os mistérios são revelados aos poucos, isso acontece, claro, por quem está à frente da produção. Lisa Joy e Jonathan Nolan são roteiristas e produtores de mão cheia, recentemente estiveram na produção Westworld, que por muito tempo foi uma das melhores coisas da HBO após Game of Thrones, pena que acabou… 

Ambos conseguem criar uma atmosfera de suspense e mistérios que são desvendados aos poucos, mas sem perder o interesse. E em Fallout, está muito bem colocado. A primeira temporada teve o foco total na apresentação do universo e dos personagens, neste ponto, impecável.

Fallout também é muito conhecida por ter a ironia como a linha de frente para contar suas histórias, na série não é diferente, mas aqui, na produção audiovisual, a trilha é a principal responsável. Muitas das músicas da década de 50 estão colocadas em passagens de ação e suspense. Dando um ar contraditório e irônico

Artistas como The Ink Spoots, Frank Sinatra e John Denver que são marcantes por suas composições que na época eram músicas para elite e dão um tom “blasé” na série. Ironia total, afinal, estamos falando do fim do mundo. Se você tiver interesse, segue a playlist, é de uma imersão total sobre o tema: Spotify

A série está recheada de referências ao universo dos games da Bethesda (produtora dos jogos). De itens no cenário até alimentos, a série é um deleite para quem ama os jogos, mas acima de tudo, é descomplicado para quem não sabe de nada. É uma série para quem acabou de chegar, e também agrada quem já conhece.

Foto: Divulgação

Série de Jogos

A série Fallout, que teve seu primeiro jogo lançado em 1997, tornou-se uma das franquias de maior sucesso da indústria dos games. O RPG, que traz como plano de fundo sobreviventes e mutantes num mundo pós apocalíptico. Quer saber a ordem certa para jogar? Então dá uma olhada na cronologia de Fallout.

Vale destacar que não necessariamente você precisa ter jogado todos os games da franquia para entender o que está se passando. A ideia desta cronologia é apenas ajudar na imersão dos principais acontecimentos da história, desde a guerra nuclear que devastou o mundo fictício do jogo. Cada título é protagonizado por um personagem distinto. Afinal, o universo Fallout permite centenas de novas histórias, com diferentes pontos de vista.

  1. Fallout 76 (2102)
  2. Fallout (2161)
  3. Fallout Tactics: Brotherhood Of Steel (2197)
  4. Fallout 2 (2241)
  5. Fallout 3 (2277)
  6. Fallout: New Vegas (2281)
  7. Fallout 4 (2287) * O melhor de todos!

Dica importante, todos os jogos da série estão surfando no hype da série e até o dia 19/04 está em promoção. Seja na PSN (Playstation) ou na loja da Xbox, acredito que na Steam também. Mas se você quiser seguir a minha sugestão, vá direto no Fallout 4, não tem erro!

A série é simplesmente espetacular, principalmente para os amantes dos jogos da franquia Fallout como eu. É muito legal se sentir dentro do mundo pós-apocalíptico nuclear da Bethesda de uma perspectiva totalmente nova. Toda a ambientação, as roupas, músicas, cidades destruídas, pessoas, animais, culturas do antes e do e pós-guerra, a Vault Tec, tudo fiel a lore da franquia. No aguardo da 2ª temporada! 

Por mais séries como essa, primeira temporada muito competente, que se preocupou em entregar tudo que a gente precisava. Contou a história, ambientou o universo e apresentou os personagens. A temporada fica com um gosto de quero mais, e que agora o bicho vai pegar! 

Foto: Divulgação

Fallout, 2024- 

Veredito: 5/5

Onde assistir: Prime Video

Temporadas: 1

Criadores: Lisa Joy, Jonathan Nolan

Agregador no Rotten Tomatoes: 93%

Avaliação IMDB: 8,7/10

Trailer da 1ª temporada: 

Confira mais textos do colunista: www.socialbauru.com.br/author/gabrielcandido

Compartilhe!
  • X-Men ’97

    Com elementos de nostalgia, a série animada passa por um processo de redescobrir o real si…
  • Planeta dos Macacos: O Reinado

    Novo filme renova a franquia e deixa um fôlego para o futuro Um filme despretensioso de 19…
  • Bauru de meu pai 

    Meu Deus, eu não consigo… Não. É impossível. É transcendental. É viagem. O sonho meu…
Carregar mais em Colunistas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

X-Men ’97

Com elementos de nostalgia, a série animada passa por um processo de redescobrir o real si…