O advogado e professor Wellington César sentiu que precisava de uma mudança na carreira e apostou no curso de oratória da escola Vox2You em Ribeirão Preto, sede da franquia, em 2018. Às filhas, ele definiu o curso em uma palavra: transformador.

Dessa forma, incentivou as duas a também fazerem o curso na cidade paulista. De lá, uma delas voltou sugerindo ao pai abrir em Bauru uma unidade da Vox2You, uma franquia que hoje está com mais de 90 escolas e tem mais de 15 mil alunos formados.

Bastou um ano para que o Wellington passasse de “transformado” a “transformador” pela oratória. No fim de 2019, ele e a filha Isadora Alves abriram a primeira turma da Vox2You aqui na cidade, oferecendo o currículo técnico, prático e colaborativo da escola. “Inauguramos pensando em algo que mudasse a vida das pessoas pela comunicação”, diz ele.

Isso porque o primeiro aprendizado do Wellington como aluno foi entender como a comunicação pode aprimorar as pessoas. Segundo ele, a capacidade de compartilhar ideias facilita tanto a vida profissional quanto a pessoal. “Falar com assertividade e transparecer uma boa energia fazem com que a pessoa consiga se envolver com a sociedade e viver bem com outras pessoas”, diz.

Advogado mudou a vida depois de curso de oratória

O advogado se usa como exemplo. Para ele, as técnicas da oratória ensinadas no curso da franquia gerou – e ainda gera – reflexos positivos na carreira no Direito, como “melhores contato com o cliente, melhores honorários e melhores sustentações orais”. 

Para isso, pôs em prática a definição de oratória como a arte da retórica e eloquência, o que inclui – além do assunto e conteúdo – entonação, comportamento, expressões corporais e faciais, gestos, vestuário, postura e técnicas para voz e corpo. Com isso, é possível ser mais persuasivo, conectar-se melhor em networkings, maior capacidade de negociação e influenciar as pessoas.

Na força do incentivo

O que a Vox2You fez para fortalecer o aprendizado da oratória foi formalizar a própria metodologia, com criação de um material didático, trabalho em grupo e a categorização das técnicas.

Aula de oratória

Aula de oratória

Primeiramente, as aulas em grupo criam uma “sinergia”, como explica Wellington. Em conjunto, um aluno motiva o outro. “É uma energia muito grande com os alunos se envolvendo entre si. Os alunos são aplaudidos e festejados quando sobem no palco. Isso faz a pessoa se sentir bem naquele momento”, comenta o advogado. “A timidez ou aquele medo de falar em público some quando você chega aqui e encontra um local seguro para se abrir”. 

A energia da escola é essa até nos intervalos. No coffee break, os alunos podem usar o Caixote Vox, uma caixa na qual podem subir e falar o que quiserem. Vira um espaço divertido de interação e, ao mesmo tempo, uma chance de usar as técnicas aprendidas. 

Ou seja, o trabalho em grupo insere o aluno na prática. Considerando que uma das maiores dificuldades das pessoas é o medo de falar em público – denominado como glossofobia -, o reforço positivo cria o hábito de se posicionar com assertividade.

Outro diferencial da Vox2You é a sistematização das técnicas, ou seja, identificar cada movimento que melhora a comunicação. Inclusive, no meio da entrevista, o Wellington, de repente, levantou. “Isso é uma técnica”, me explicou o advogado, “pois você me acompanhou com os olhos e isso criou uma relação comigo”. 

Contando essa, são mais de 80 técnicas e mais de 150 dinâmicas, que incluem treinar para situações específicas, usar diferentes microfones, praticar em grandes salas, falar em cima do palco e se posicionar em um tablado. “Aprende a se comunicar de todas as formas”, enfatiza o advogado.

Aprendendo a dirigir

Tudo isso é feito pela lógica do ICEM (Informação + Conhecimento + Entendimento = Memória). A informação adquirida vira conhecimento pela repetição e entendimento na capacidade de aplicar. Juntando isso, você chega à memorização, que é “a cristalização da técnica, ou seja, consciência daquilo que você acabou de aprender”, diz Wellington. 

Alunos do curso de oratória

Isso significa passar por 4 níveis de aprendizagem: do não saber sobre as técnicas de oratória para o estágio da performance, identificada como “capacidade insconsciente”, onde você naturaliza as técnicas. “É quando você não precisa ter mais consciência daquilo que você aprendeu nas aulas”, explica o advogado.

É como se fosse dirigir. Quando você está aprendendo, você conscientemente pensa em cada ação, como apertar a embreagem, acionar a seta e mexer o volante. Com experiência, você já começa a dirigir com mais naturalidade.

Quatro cursos de oratória

A Vox2You oferece quatro cursos, todos com a metodologia da escola, mas variando de acordo com a carga horária. Além disso, possui uma modalidade voltada para empresas.

  • Academy: o principal curso da escola tem 120 horas, baseado em conteúdos como fundamentação das técnicas de oratória, ferramentas da oratória, um pouco de storytelling e como envolver a plateia. É o mais completo para aprender as técnicas, com uma aula por semana. Nessa categoria, o aluno tem direito a 7 mentorias, com preparação exclusiva para a necessidade do aluno.
  • Master: um curso de imersão na oratória, com carga horária de 40h, sendo 8h por dia em uma semana de aulas.
  • Intensivox: para quem possui pouco tempo disponível, a opção é fazer a modalidade na qual o conteúdo é resumido em apenas um fim de semana, com carga horária de 16 horas. 
  • OnVox: especialmente para quem precisa se preparar para alguma atividade, como uma apresentação, a alternativa é fazer o curso de apenas uma aula de 8 horas para aprender o básico.
  • InCompany: voltado para empresas que queiram treinar equipes, por exemplo um time de vendas que precisa melhorar a apresentação dos produtos.

Futuramente, a franquia deve lançar o curso para crianças e adolescentes, voltados para melhorar as relações interpessoais com colegas e também para facilitar a comunicação com os pais.

Professor de oratória

Para quem quiser testar o conteúdo, eles oferecem uma aula grátis no Academy. “Nós inserimos esse candidato em uma sala de aula com o curso já rolando para ele sentir a energia”, explica Wellington.

Quem pode fazer?

Para essa pergunta, a resposta do Wellington é categórica: “todo mundo que se comunica!”. A oratória visa uma comunicação de alta performance, indicando maior assertividade e mais capacidade de convencimento.

Oratória serve para várias profissões

Profissionalmente, vendedores falando sobre os produtos, advogados para juízes e professores para os alunos são exemplos. Além desses, Wellington cita médicos e outros profissionais da saúde que precisam explicar diagnósticos e tratamentos, e empresários que buscam incentivar a equipe. Em qualquer área, é possível encontrar uma situação em que a comunicação vai ser efetiva.

Ademais, citando um casal que fez o curso para se comunicar melhor entre eles, Wellington também agrega os relacionamentos interpessoais, por exemplo o pai com o filho ou o filho com a família. 

“Nós temos casos de pessoas que venceram problemas como a gagueira e viraram palestras. Outro caso foi uma moça que tinha dificuldades na escola, e a mãe sentiu uma melhora. É transformador”, finaliza.

publieditorial

Serviço
Vox2You
Endereço: Rua Araújo Leite, 20-49
Horário de funcionamento: De segunda a sexta, das 9h às 18h (com aulas até às 22h). Sábados, das 9h às 12h.
Contato: (14) 3245-3338
Instagram: @vox2youbauru
Facebook: /vox2youbauru

Compartilhe!
Carregar mais em Negócios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Brinquedoteca inaugurada no Bauru Shopping cuida das crianças enquanto pais passeiam

A pequena Alice se divertia na cama elástica quando chegamos para conhecer a Brinquedoteca…